Ganhador.com

NBA

Lá vem o Cleveland Cavaliers!

Foto: AP Photo/Michael Dwyer

Novas aquisições trazem esperança ao time de Lebron

Uma semana atrás, o Cleveland Cavaliers parecia um bando de “morto vivo”.  Desculpa, mas é isso.  Faltava intensidade, paixão, entrosamento.  Lebron e Isaiah Thomas não se encaixavam, e só se falava no próximo destino do “Rei” em 2018-19.  A temporada estava perdida, e algo precisava ser feito.

Foi aí que o general manager Koby Altman tirou um coelho da cartola.  O último dia de trocas foi um momento de pura maestria para o jovem GM.

Rodney Hood não estava feliz em Utah, e os Kings e Lakers queriam se livrar de salários.  Foi tudo que o GM dos Cavs precisava para dar a última cartada.

Derrick Rose, Iman Shumpert, Isaiah Thomas, Dwayne Wade, Channing Frye e Jae Crowder deram “tchau”, e Hood, George Hill, Jordan Clarkson e Larry Nance Jr chegaram dando pontapé no lustre.

Em um dia, Cleveland foi de um time velho, sem energia, para um grupo focado, rápido, jovem e 100% rejuvenescido.  Eu sei que foi apenas um jogo, e ninguém chega para “abrir o mar Vermelho”, mas o massacre em cima dos Celtics, em Boston, foi uma amostra bem interessante.

O quarteto combinou para 49 pontos, incluindo 17 de Jordan Clarkson.  Larry Nance deu duas cravadas, Hill cadenciou o ataque e Rodney Hood meteu bolas de três e incomodou com sua envergadura.

Lebron James sorriu pela primeira vez em muito tempo, e os Cavs mostraram o seu potencial.

A defesa dos Cavs finalmente funcionou. Boston não conseguia infiltrar ou pontuar no garrafão.  A bola não girava no perímetro porque Cleveland não permitia.

No ataque, Cleveland trabalhava com tamanha facilidade, sempre encontrando chutes livres e raias abertas para infiltrar.  Foi um domínio absurdo contra uma das melhores defesas da NBA.

Dava a impressão que estávamos vendo as finais de conferência do ano passado quando os Cavs humilharam os Celtics, vencendo dois jogos em Boston por mais de 30 pontos.  Desde o início da temporada passada, Boston perdeu 4 jogos por pelo menos 20 pontos em casa.  Todas foram contra o Cleveland Cavaliers!

É apenas um jogo, mas quem já descartava o Cleveland precisa reconsiderar.  O time de Lebron James tem um novo foco e um novo propósito.  Ah,  não se esqueça, Kevin Love ainda vai voltar de lesão.

A brincadeira está apenas começando.

 

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar