Ganhador.com

Curiosidades

Internacional contrata Paolo Guerrero como reforço para seu ataque

Jogador Paolo Guerrero do Internacional
Foto: Ricardo Duarte/Internacional

Recebido como “salvador da pátria” no Internacional, Paolo Guerrero saiu pelas portas do fundo da Gávea, sede do Flamengo. Ele teve o mesmo desfecho quando deixou o Corinthians. Ninguém o aguentava mais no Parque São Jorge. No Rio de Janeiro, a torcida rubro-negra o odiava desde que ele foi pego no exame antidoping. Será que ele terá mais sorte em Porto Alegre? Confira abaixo as últimas notícias.

 

Internacional preocupado com imagem no exterior

No final de 2016, o Internacional foi rebaixado pela primeira vez em sua história para a segunda divisão do Campeonato Brasileiro. Dede 2017, o Colorado iniciou um projeto de reconstrução do clube, cujo último capítulo até o momento foi a contratação de Paolo Guerrero.

O investimento dos gaúchos foi bastante ousado. O atleta ganhará cerca de R$ 800 mil mensais, entre salário fixo, meta por participação em jogos e resultados, além do pagamento de luvas que foi diluído ao longo do tempo.

A garantia do financiamento foi dada pelo Grupo DIS, do empresário Delcir Sonda.

Pelo Flamengo, ele marcou 43 gols em 115 jogos.

A contratação do atacante repercutiu em toda a América Latina e também em países da Europa. O Internacional sonha em retornar aos torneios internacionais, como a Copa Sul-Americana e a Taça Libertadores da América. Também espera ser convidado para amistosos contra adversários de fora do Brasil. Este ano, o Saci-Pererê tenta conquistar o Brasileirão.

 

Risco por causa do doping

No começo do ano, o ídolo do Peru foi suspenso pela FIFA, pois seu exame antidoping o acusou de ter ingerido cocaína durante compromissos pela esquadra nacional durante as eliminatórias da Copa do Mundo. Ele chegou a iniciar o cumprimento da pena de 14 meses.

Com a proximidade do Mundial da Rússia, seu empresário apelou e conseguiu um efeito suspensivo, que pode ser revogado a qualquer instante. Sabendo disso, o Saci-Pererê se protegeu no contrato. Caso isso ocorra, o vínculo do futebolista com o Internacional será suspenso automaticamente, assim como o pagamento dos salários.

 

Passagem pelos clubes

Eis os títulos que Paolo Guerrero ajudou a conquistar por seus empregadores: um Mundial Interclubes, duas Bundesligas, duas Copas da Alemanha, uma terceira divisão alemã, uma Recopa Sul-Americana, um Campeonato Paulista, um Campeonato Carioca, dois Dubai Football Challenge e uma Copa Emirates.

  • 1992 a 2002, Alianza (Peru)
  • 2002 a 2006, Bayern de Munique (Alemanha)
  • 2006 a 2012, Hamburgo (Alemanha)
  • 2012 a 2015, Corinthians (Brasil)
  • 2015 a 2018, Flamengo (Brasil)
  • 2018 a ?, Internacional (Brasil)

Pelo Peru

Desde muito cedo Paolo Guerrero passou a ser convocado para a seleção peruana. Em 2001, ele começou a defender o quadro sub-18. Em 2004, foi chamado para o time sub-23.

Desde este ano, ele também representou os Incas no time de cima. Até agora, ele já vestiu o manto sagrado em 91 partidas e marcou 36 gols.

Seus títulos foram a Copa Kirin de 2005 e a medalha de ouro dos Jogos Bolivarianos de 2001.

 

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar