Ganhador.com

Brasileirão Série B

Mesmo em baixa, Internacional é favorito diante do Criciúma na 12ª rodada da Série B do Brasileirão

Foto: Ricardo Duarte/SCI

Colorado vem de derrota em casa para o Boa Esporte, mas tem bom retrospecto contra adversário

A Série B do Campeonato Brasileiro chega apenas à 12ª rodada neste final de semana, mas a paciência do torcedor do Internacional já acabou. Impaciente com os tropeços em casa, os adeptos protestaram no Beira-Rio no último jogo e começam a se preocupar com a possibilidade de não subir. Neste sábado, a partida é novamente no estádio colorado, contra o Criciúma e os gaúchos até são favoritos, mas vão ter que lidar com a pressão da arquibancada.

 

Sequência interrompida

Depois de oito jogos sem perder, o Internacional caiu justamente no Beira-Rio, diante do Boa Esporte, por 1 a 0. Porém, apesar da sequência invicta, o momento do Colorado não era bom, tendo marcado apenas um gol em três jogos. Para piorar, só venceu uma das cinco partidas em casa pela Segundona. O desempenho mostra que a pressão por resultados tem dificultando muito o rendimento dentro de campo.

Devido à esta instabilidade e o número baixo de bolas na rede, o técnico Guto Ferreira tem quebrado a cabeça para decidir qual vai ser a dupla titular para encarar os catarinenses. Durante os treinamentos, começou com William Pottker e Nico López, mas depois testou Eduardo Sasha e Diego. No entanto, os dois primeiros são os que possuem mais chances de entrar como titulares.

Outra dúvida existente é na lateral direita, com Cláudio Winck e Fabinho disputando a vaga. Já os demais setores parecem definidos, como a entrada de Gutiérrez para jogar ao lado de Rodrigo Dourado e Edenílson, tendo D’Alessandro mais adiantado.  Com isso, o time provável para encarar o Criciúma tem: Danilo; Winck (Fabinho), Klaus, Cuesta e Uendel; Rodrigo Dourado, Edenílson, Felipe Gutiérrez e D’Alessandro; Pottker (Sasha) e Nico (Diego).

Com as possíveis escalações de Winck e Felipe Gutiérrez, o Internacional chegará ao número de 28 jogadores utilizados por Guto Ferreira no comando do clube na Série B. A tamanha rotação é um dos fatores para a demora de encontrar a regularidade dentro de campo.

   

Boa fase catarinense

Se o Internacional viu sua série encerrar na rodada anterior, o Criciúma ampliou a sequência de partidas sem perder para seis. No período, foram quatro vitórias e dois empates, tendo marcado nove gols e sofrido cinco. Até mesmo o desempenho fora de casa tem sido satisfatório, conquistando cinco dos últimos nove disputados.

No entanto, é a grande a possibilidade de o clube não contar com Caio Rangel. Apesar de ter tido seu empréstimo renovado, o jogador teve seus direitos adquiridos pelo Estoril e, portanto, precisa ser regularizado novamente.

Com o possível desfalque, o técnico Luiz Carlos Winck testou Fabinho Alves na posição. Esta deve ser a única mudança do time que tem entrado em campo pela competição. Assim, a escalação para o duelo deve ser: Luiz; Diogo Mateus, Raphael Silva, Édson Borges e Diego Giaretta; Jonatan Lima, Barreto e Douglas Moreira; Fabinho Alves (Caio Rangel), Lucão e Silvinho.

   

Vantagem colorada

Dos últimos cinco encontros, o Internacional venceu quatro e empatou um. Neste ano, os dois times se enfrentaram pela Primeira Liga e mais uma vez deu Colorado: 3 a 1. Se considerarmos apenas os duelos no Beira-Rio, a superioridade é ainda maior, com os gaúchos tendo ganho os seis duelos recentes no local. Fora de casa, os catarinenses jamais saíram vitoriosos em partidas oficiais. O máximo que conseguiram foi um empate de 2 a 2 em 1995.

   

O que esperar do jogo

Apesar de toda turbulência, o Internacional se recupera e vence por 2 a 1. Devido à pressão extracampo, é esperado um triunfo apertado e também um gol dos catarinenses.

   

Classificação

Como as duas partidas de terça-feira não mexeram com a parte de cima da tabela, o Internacional segue na 5ª posição, com 17 pontos. Para entrar na zona de acesso para a Série A, o Colorado além de vencer, tem que torcer por um tropeço de América-MG ou Vila Nova. Em caso de revés, pode acabar a rodada até mesmo na 10ª colocação.

Já o Criciúma não tem chances de alcançar o G4, mas pode roubar o 5º lugar dos gaúchos. Porém, se perder, retorna para a parte de baixo do campeonato, podendo parar até mesmo em 15º.

   

Demais jogos da 12ª rodada da Série B

Sexta-feira

  • 19:15 – Santa Cruz x Brasil de Pelotas. Palpite: 1×1
  • 20:30 – Goiás x Luverdense. Palpite: 0x0
  • 20:30 – Paraná x América-MG. Palpite: Paraná vence por 1 a 0

Sábado

  • 16:30 – Figueirense x Ceará. Palpite: 1×1
  • 16:30 – Internacional x Criciúma. Palpite: Inter vence por 2×1
  • 19:00 – Oeste x Vila Nova. Palpite: 0x0
  • 19:00 – Juventude x Guarani. Palpite: Juventude vence por 3×1
  • 19:00 – Boa Esporte x CRB.  Palpite: 2×2

 

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar