Brasileirão Série A

Cruzeiro e Ponte Preta se enfrentam em jogo antecipado da 28ª rodada do Brasileirão

Foto: Buda Mendes/Getty Images

Confronto da 28ª rodada acontece no sábado, dia 7 de outubro, no Mineirão.

Enquanto os demais times da Série A se preparam para a 27ª rodada do Campeonato Brasileiro 2017, Cruzeiro e Ponte Preta já estão ligados na 28ª rodada. Isso porque o confronto entre as duas equipes foi antecipado para as 16 horas do dia 7 de outubro, em virtude do show do ex-beatle Paul McCartney, que ocupará o Mineirão na semana do dia 17.

 

Cruzeiro sem Arrascaeta e sem Mano Menezes

A Raposa vive um momento intrigante. Se, por um lado, a eleição da nova presidência está deixando os torcedores com nervos à flor da pele, por outro os resultados em campo têm sido espetaculares. Na semana passada, o time Celeste venceu o Flamengo nos pênaltis e ergueu a taça da Copa do Brasil. Logo em seguida, empatou com o líder Corinthians no Brasileirão. Apesar da eliminação após empate com o Londrina na Primeira Liga, ao todo já foram dez jogos sem perder. Com 41 pontos na tabela, ocupa a 5ª colocação. Não precisa mais se preocupar com vaga para a Libertadores 2018, então apenas busca terminar a temporada com a mesma segurança com que jogou ao longo de todo o ano.

Para o jogo contra a Ponte Preta, a equipe não contará com De Arrascaeta, que foi convocado pela Seleção Uruguaia para os dois últimos jogos das Eliminatórias da Copa do Mundo, contra a Venezuela e contra a Bolívia. Além dele, Hudson está lidando com uma fadiga muscular e é dúvida para o confronto.

Outro desfalque na 28ª rodada é o próprio técnico Mano Menezes, que passou por um tratamento de lesões na pele e apenas retomará suas funções na segunda-feira. Quem comanda o time no duelo de sábado é o assistente técnico Sidnei Lobo.

O Cruzeiro é o segundo melhor time do returno do Brasileirão, com 66,67% de aproveitamento, atrás apenas do Botafogo. Está há quatro meses — ou 15 jogos — sem perder em seus domínios e, apesar dos desfalques, chega como favorito para o confronto.

 

Ponte Preta na beirada do Z-4

Em seu último compromisso no Brasileirão, a Ponte Preta derrotou o Flamengo com propriedade e ainda segurou o placar favorável mesmo jogando com um a menos nos quinze minutos finais. Foi uma vitória bonita, que tirou a Macaca da zona de da degola. Mesmo assim, a ameaça de rebaixamento persiste. Com 31 pontos — apenas 1 pontinho longe do Z-4 — a Ponte não tem gordura para queimar. Qualquer tropeço nessa reta final do campeonato pode carimbar o passaporte para a Série B em 2018.

O retrospecto não ajuda. De todos os times da Série A, a Ponte Preta é dona dos piores resultados fora de casa na temporada 2017. Em 13 jogos, conquistou uma única vitória — em julho, diante do Atlético-PR — 5 empates e 7 derrotas. O aproveitamento é de 20,51%, já acumulando um saldo de 12 gols negativos.

Os desfalques da rodada são Jeferson e Naldo, suspensos, enquanto que o capitão Fernando Bob retorna da suspensão.

 

Palpite

O jogo interessa a cada um dos times por motivos diferentes. Enquanto a Ponte Preta precisa somar pontos na tabela para fugir do monstro do rebaixamento, o Cruzeiro precisa de resultados satisfatórios para colocar panos quentes nos problemas de bastidores.

A Macaca tem demonstrado péssimo aproveitamento em jogos como visitante, tendo marcado até agora apenas 8 gols em 13 partidas fora pelo Brasileirão 2017, contra 20 gols sofridos. Em casa, a Raposa perdeu apenas 2 dos 50 jogos de toda a temporada. O favoritismo fica todo para o Cruzeiro, para vencer por 1 a 0 e afundar ainda mais a Ponte Preta.

 

Jogo antecipado da 28ª rodada do Campeonato Brasileiro 2017

  • Sábado, 7 de outubro, 16:00 – Cruzeiro x Ponte Preta

 

Classificação do Campeonato Brasileiro 2017

  1. Corinthians, 55 – Libertadores
  2. Santos, 47 – Libertadores
  3. Grêmio, 46 – Libertadores
  4. Palmeiras, 43 – Libertadores
  5. Cruzeiro, 41 – Libertadores via Copa do Brasil
  6. Botafogo, 40 – Pré-Libertadores
  7. Flamengo, 39 – Pré-Libertadores
  8. Atlético-PR, 34 – Copa Sul-Americana
  9. Atlético-MG, 34 – Copa Sul-Americana
  10. Vasco da Gama, 33 – Copa Sul-Americana
  11. Vitória, 32 – Copa Sul-Americana
  12. Chapecoense, 32 – Copa Sul-Americana
  13. Bahia, 31 – Copa Sul-Americana
  14. São Paulo, 31
  15. Ponte Preta, 31
  16. Fluminense, 31
  17. Sport Recife, 30 – Rebaixamento Série B
  18. Avaí, 30 – Rebaixamento Série B
  19. Coritiba, 28 – Rebaixamento Série B
  20. Atlético-GO, 25 – Rebaixamento Série B

 

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar