Copa Libertadores

Barcelona não veio a Santos fazer turismo, e sim se classificar na Libertadores!

Foto: Barcelona Sporting Club / Site Oficial

Bola rola às 21h45, na Vila Belmiro

O Barcelona deu um espetáculo em Guayaquil. Minou as ações santistas, dominou quase todos os 90 minutos e perdeu inúmeras chances de gol. Não era para os Amarelos terem ganho. Era para terem goleado! Sabe por que o futebol é emocionante? Porque na única chance que o Santos teve, os brasileiros marcaram um gol, para delírio do meu colega Flávio Soares. Pura sorte! Aviso logo ao meu amigo, por mais que ele discorde, que um raio não cai duas vezes na mesma cabeça. Hoje, teremos churrasco de Peixe!

 

Histórico

Os oponentes desta noite já se cruzaram em quatro oportunidades. A primeira delas aconteceu em amistoso realizado em Guayaquil. Os brasileiros não tiveram piedade e humilharam os locais por 6 a 2, em 1962.

Na Taça Libertadores da América de 2004, aconteceram dois enfrentamentos e o Peixe ganhou os seis pontos: 3 a 1 no interior do Equador e 1 a 0 na Vila Belmiro. Semana passada, eles empataram em 1 a 1.

Tabus foram feitos para quebrar! Está na hora da primeira vitória do Barcelona.

 

Dentes de leite começam a cair dos Meninos da Vila

Seriam verdadeiras contusões ou simulações para evitar passar o sufoco que passaram no Equador? Fato é que Lucas Lima, com lesão muscular na coxa direita, Renato, com edemas na coxa e no tornozelo, e até o reserva Léo Cittadini, com deslocamento do ombro, não pegam o Barcelona. Os prováveis substitutos devem ser Jean Mota e Emiliano Vecchio. Com todo respeito aos que entram, eles não têm a mesma capacidade que os atletas machucados.

Como serão os 90 minutos? Uma das preocupações no Alvinegro Praiano é para que os jovens santistas não caiam na provocação dos experientes equatorianos. A catimba pode fazer a diferença na Taça Libertadores.

Será que o Santos vai jogar na retranca, pois o 0 a 0 lhe serve? Se isso acontecer, assistiremos a um novo massacre da serra elétrica, tal qual aconteceu semana passada.

 

Homens do Equador

A semana tem tudo para ser perfeita para os equatorianos. Primeiro, é preciso superar o Santos e alcançar as semifinais da Taça Libertadores da América. No dia seguinte, é secar a LDU de Quito e torcer para o Fluminense eliminar um de seus grandes rivais na cena doméstica.

Os de Guayaquil sabem que para chegar às semifinais será preciso marcar gols. Isso porque com o empate de 1 a 1 em casa, a partida começa com o Santos se classificando por causa dos critérios de desempate. Os alvinegros têm um gol feito na casa do adversário.

Os Toureiros têm dois desfalques: o zagueiro Mario Pineida, fora de forma, e o atacante Ariel Nahuelpán, que lesionou um dedo do pé. Os forasteiros desembarcaram em São Paulo na segunda-feira pela manhã, onde treinaram ontem e anteontem. O deslocamento para o litoral se deu na manhã de hoje. O treinador Guillermo Almada conta com vinte jogadores na delegação.

Eu gostaria de lembrar ao insistente Flávio Soares que o Barça sul-americano tem conseguido ao longo da história resultados importantes em terras tupiniquins por este certame. Não me refiro apenas à eliminação do Palmeiras nas oitavas de final deste ano. Puxando pela memória, os Canários ganharam do Botafogo por 2 a 0 no Nílton Santos em maio último, derrotaram o Bangu por 2 a 1 em pleno Maracanã e seguraram o São Paulo por 1 a 1, no Morumbi pelo torneio de 1972.

 

As possíveis escalações

Santos: Vanderlei; Victor Ferraz, Lucas Veríssimo, David Braz e Zeca; Alison, Emiliano Vecchio e Jean Mota; Thiago Ribeiro, Ricardo Oliveira e Bruno Henrique. Técnico: Levir Culpi.

Barcelona: Banguera; Pedro Velasco, Aimar, Arreaga e Beder Caicedo; Gabriel Marques, Matías Oyola e Damián Díaz; Esterilla, Jonatan Álvez e Marcos Caicedo. Técnico: Guillermo Almada.

 

Serviço

O Santos vendeu todos os 11 mil bilhetes colocados à venda. O restante da Vila Belmiro será ocupado pelos 4.600 proprietários de cadeiras cativas e 400 torcedores dos visitantes. O ingresso mais barato custou R$ 100,00 aos santistas.

 

Palpite

Desde semana passada que venho avisando ao Flávio Soares que este time do Barcelona é bom e perigoso. Não que o Santos seja fraco, mas o momento e a motivação são favoráveis aos equatorianos, que sonham com sua primeira conquista continental. Para alcançarem seu objetivo, o Peixe terá que ficar pelo caminho. Aliás, qual diferença faria para os paulistas terem três ou quatro Libertadores? Estão vendo como a motivação é a arma do negócio? Além do mais, os brasileiros perderam Lucas Lima, a alma do meio-campo local.

Vou de Santos 1×2 Barcelona, e prevejo um encontro com o Botafogo na semifinal, conforme explico aqui.

 

Quartas de final, jogos de volta

Quarta-feira, 20 de setembro:

  • 21h45: Grêmio x Botafogo – palpite: Botafogo.
  • 21h45: Santos x Barcelona – palpite: Barcelona.

Quinta-feira, 21 de setembro:

  • 19h15: River Plate x Jorge Wilstermann – palpite: River Plate.
  • 21h45: Lanús x San Lorenzo – palpite: San Lorenzo.

Comentários

1 Comentário

1 Comentário

  1. Pingback: Paixão Nacional: "El Exterminador" | Ganhador.com

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.