Ganhador.com

Copa Libertadores

Será que o Libertad tem chance contra o Boca?

Lisandro Magallan e colegas do Boca Juniors
Foto: Marcelo Endelli/Getty Images

Gumarelos se classificaram para as oitavas das Libertadores com mais pontos, mas atuação fraca em casa gera dúvidas

As oitavas de final da Libertadores da América começaram nesta terça-feira e se estenderão até terça, dia 21 de agosto. Hoje, quarta, no entanto, acontece alguns jogos importantes. Um deles é a partida de ida do Boca Juniors contra o Libertad, no La Bombonera, às 19h30. O time paraguaio se saiu bem na fase de grupos. Ficou em primeiro lugar do Grupo 3, com 13 pontos. Já os argentinos terminaram em segundo do Grupo 8, com decepcionantes 9.

O Libertad é o favorito, então? Acho que não. Há diversos fatores pesando contra o time. A situação dos Gumarelos não é nada tranquila, nada favorável. Preste atenção. Apesar de o Boca não ter feito tão bonito como se esperava até aqui – teve duas vitórias, três empates e uma derrota na fase de grupos-, o clube não foi tão mal como parece. Um dos empates e a derrota foram contra o Palmeiras, que tem tido uma boa temporada. Além disso, na sexta rodada da etapa, o time deu uma bela goleada de 5 x 0 no Alianza Lima.

O azul e ouro também começou a competição como grande favorito (veja o prognóstico do início do torneio). Isso porque time estava indo muito bem no campeonato argentino na época do início da Libertadores. O clube conseguiu manter os bons resultados e se sagrou campeão com 18 vitórias, 4 empates e 5 derrotas em 27 jogos. Já o Libertad não anda bem das pernas no Clausura, um dos campeonatos nacionais paraguaios. Nas quatro primeiras rodadas do torneio, perdeu duas partidas e empatou outras duas.

Adicionalmente a esses resultados, a Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol) divulgou, pouco antes do início das oitavas de final, um ranking com os melhores clubes da Libertadores neste ano. A lista tem como critérios o desempenho dos últimos dez anos, o coeficiente histórico (1960-2007) e o número de pontos do campeonato nacional. Os parâmetros acabaram colocando o Boca em segundo lugar (apenas atrás do River Plate) e o Libertad em 24º.

Ou seja, os Xeneizes ainda estão com aquela vantagem moral. É fato que na hora do “vamu vê”, entretanto, isso nem sempre conta. O time que foi bem ano passado não necessariamente vai bem neste. Às vezes, até mesmo em uma só temporada, uma equipe se sai muito melhor em uma competição do que em outra. De qualquer forma, a história e a camisa do clube sempre dão aquele empurrãozinho extra, não é mesmo?

Mais do qualquer ranking, contudo, outro fator crucial jogando contra o Libertad é a torcida. Sempre bom lembrar que a partida será na casa dos argentinos.

Preparação das equipes      

O Boca vai contar com Estaban Andrada, que estava jogando no Lanús. Durante a coletiva de imprensa da sua apresentação, o goleiro disse que “se esforçará ao máximo e vai aproveitar” a oportunidade. Por conta do reforço, o goleiro Agustín Rossi, o atual titular, ficará no banco. A mudança deve fortalecer o time, já que a atuação de Rossi era considerada fraca.

Do lado paraguaio, o desfalque será do lateral direito Alan Benítez, que está lesionado. O técnico interino Eduardo Villalba ainda decidiu fazer cinco alterações permitidas no regulamento. Provavelmente, Matías Espinoza, Arévalo Ríos, Juan Manuel Salgueiro, Jorge Recalde e Édgar Pájaro Benítez se juntarão à equipe.

Histórico

O histórico de confronto das equipes também favorece ao Boca. E é justamente uma revanche que o Gumarelo vai buscar no La Bombonera hoje à noite. Em quatro jogos pela Libertadores, os Xeneizes levaram três e empataram apenas uma vez (em casa). Nem os dois jogos no Paraguai, o Libertad conseguiu ganhar.

Palpite

Bom, diante do cenário, meu palpite vai mesmo para o Boca, principalmente, agora que mudaram de goleiro.  Imagino uma vitória do azul e ouro com poucos gols, como um 1 x 0 ou um 2 x 1.

É importante lembrar, contudo, que o Libertad vem com uma boa atuação na Libertadores. Além disso, está em busca de reverter a má sorte, não só contra o Boca, mas também no seu histórico recente, em que está com um jejum de vitórias de quatro jogos. Se o clube conseguir fazer juz à intenção, pode rolar um empate de 1 x 1 ou de 0 x 0 no La Bombonera, como já aconteceu antes.

O jogo de volta das oitavas de final, Libertad x Boca Juniors, será realizado na quinta-feira, dia 30 de agosto, às 19h30, no estádio Defensores del Chaco.

 

Próximos jogos de ida das oitavas de final da Libertadores da América 2018 

Quarta-feira, 8 de agosto

  • 19h30 – Boca Juniors x Libertad – Palpite: Boca
  • 21:45 – Flamengo x Cruzeiro – Palpite: Flamengo
  • 21:45 – Colo-Colo x Corinthians – Palpite: empate
Quinta-feira, 9 de agosto
  • 19:30 – Racing x River Plate – Palpite: empate
  • 21:45 – Atlético Tucuman x Atlético Nacional – Palpite: Atlético Tucuman
  • 21:45 – Cerro Porteño x Palmeiras – Palpite: Palmeiras
Terça-feira, 21 de agosto
  • 21:45 – Independiente x Santos – Palpite: empate

 

Resultado do jogo de ida das oitavas de final

Terça-feira, 7 de agosto
  • Estudiantes 2 x 1 Grêmio

Classificados em primeiro nas fases de grupo

  1. Palmeiras, 16
  2. Grêmio, 14
  3. Libertad, 13
  4. River Plate, 12
  5. Cruzeiro, 11
  6. Corinthians, 10
  7. Atlético Nacional, 10
  8. Santos, 10

Classificados em segundo nas fases de grupo

  1. Cerro Porteño, 13
  2. Racing, 11
  3. Flamengo, 10
  4. Independiente, 10
  5. Atlético Tucumán, 10
  6. Boca Juniors, 9
  7. Estudiantes, 8
  8. Colo-Colo, 8

 

Comentários

1 Comentário

1 Comentário

  1. Pingback: Colo-Colo x Corinthians: Raio-X do jogo | Ganhador.com

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar