Ganhador.com

Brasileirão Série A

Ceará x Atlético-PR; Bahia x América-MG: duelo de desesperados no PV e invencibilidade baiana abrem 18ª rodada da Série A

Jogador do Bahia
Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia

Confronto direto contra o rebaixamento pode afundar perdedor de Vozão e Furacão, enquanto baianos buscam respiro na tabela em embate com o Coelho

A proximidade do fim do primeiro turno do Brasileirão da Série A é um bom indicativo para sabermos quem lutará pelo título, vaga na Copa Libertadores e, é claro, pela disputa contra o rebaixamento. Se São Paulo, Flamengo e Internacional parecem protagonizar o embate pela taça nacional até o fim, na parte inferior da tabela a briga tem diversos times. A 18ª rodada é um exemplo desta disputa, com os desesperados Ceará (18º colocado) e Atlético-PR (19º) tendo um confronto direto neste sábado (11 de agosto), no Presidente Vargas. À noite, o Bahia, que está uma posição acima do Z-4, conta com a Arena Fonte Nova para superar o América-MG e se distanciar momentaneamente da zona de perigo.

 

Vozão próximo de sair do Z-4

Se há seis rodadas o rebaixamento do Ceará para a Série B parecia inevitável, já que a equipe não havia vencido sequer uma partida nas primeiras 12 partidas, a sequência pós Copa do Mundo do clube alvinegro é algo a ser considerada. Apesar de ainda ocupar a zona do rebaixamento (18º colocado com 15 pontos) e estar três pontos do Bahia, o Vozão é todo otimismo para a 18ª rodada.

A evolução do futebol apresentado pelo time dirigido por Lisca é vista nos resultados. Com três vitórias nos últimos quatro jogos, a equipe está invicta há três partidas. Venceu Fluminense (1×0) e Paraná (1×0) e empatou na última quarta-feira com o Santos (1×1), em jogado adiantado da 20ª rodada e considerado a melhor exibição da equipe neste Brasileirão.

O adversário vive situação semelhante. O Atlético-PR é o penúltimo colocado com 14 pontos e precisa de duas rodadas para sair do Z-4. Mas o clube rubro-negro tem crescido nos últimos jogos, como na goleada por 4×0 sobre o Vitória e no empate em 0x0 com o Corinthians, ou então no atropelamento por 4×1 sobre o Peñarol, garantindo vaga nas oitavas de final da Copa Sul-Americana.

Rodando os jogadores desde o início de sua trajetória na equipe, utilizando 22 atletas em sete partidas, Tiago Nunes terá mais uma vez que apostar na força do elenco para lidar com importantes desfalques. Sem Paulo André e Thiago Heleno, entregues ao departamento médico, e o atacante Pablo, suspenso, a missão do Atlético-PR em Fortaleza será bem complicada.

 

Palpite

E por quê? Simplesmente porque o Furacão vem de uma viagem desgastante do Uruguai e pela boa fase do Vozão atuando no Presidente Vargas. Com o acanhado estádio, que tem a torcida bem próxima ao gramado, o Ceará tem duas vitórias e um empate na competição. E, com o jovem atacante Arthur voltando a balançar as redes, como foi na igualdade com o Santos, e o ataque criando, como as 22 finalizações na partida, as chances de a equipe cearense arrancar um novo triunfo são enormes.

 

Bahia busca distância da zona da confusão

Embalado pela classificação para as oitavas da Sul-Americana ao segurar o Cerro-URU no país vizinho, o Bahia recebe neste sábado (11) o América-MG tentando ampliar a invencibilidade na temporada. Mesmo estando próximo do Z-4 (16º colocado com 18 pontos), o Esquadrão de Aço não perde há sete jogos, sendo cinco pelo Brasileirão e dois pelo torneio sul-americano. Recuperando-se no Nacional, o clube baiano tem como trunfo o jogo na Arena Fonte Nova para desbancar o Coelho.

Com apenas uma derrota em seu estádio durante o Nacional, o Tricolor conta com o apoio da torcida e as voltas do goleador Gilberto, que foi poupado do duelo no Uruguai, e do lateral Nino, que esteve parado por um mês por conta de problemas no joelho, para alcançar o rival de logo mais na classificação. Isso porque os mineiros ocupam o 10º lugar com 21 pontos.

Já no América-MG, que também vem de três jogos sem derrotas, os três pontos em Salvador podem aumentar o recorde de Adílson Batista à frente do clube. Com duas vitórias e um empate, ele é dono do melhor início de trabalho entre todos os técnicos que dirigiram o clube na Série A durante esta década. Mauro Fernandes teve uma vitória, um empate e duas derrotas em 2011, enquanto que Givanildo Oliveira empatou duas vezes e perdeu outras duas.

Palpite

Apesar da onda de empates nesta sequência invicta (cinco em sete jogos), o Bahia é favorito para vencer o América-MG. Com um time mais solto do que rodadas atrás e Zé Rafael sendo mais decisivo, como no gol de empate contra o Cerro, no Uruguai, o Tricolor Baiano deve vencer o jogo e ganhar boas posições na tabela.

 

Confira os jogos da 18ª rodada do Brasileirão da Série A

Sábado, 11 de agosto

  • 16:00 – Ceará x Atlético-PR – Palpite: Ceará
  • 19:00 – Bahia x América-MG – Palpite: Bahia

Domingo, 12 de agosto

  • 11:00 – Atlético-MG x Santos – Palpite: Atlético-MG
  • 11:00 – Paraná x Botafogo – Palpite: Paraná
  • 16:00 – Chapecoense x Corinthians – Palpite: Corinthians
  • 16:00 – Flamengo x Cruzeiro – Palpite: Flamengo
  • 16:00 – Sport x São Paulo – Palpite: empate
  • 16:00 – Palmeiras x Vasco – Palpite: Palmeiras
  • 19:00 – Grêmio x Vitória – Palpite: Grêmio

Segunda-feira, 13 de agosto

  • 20:00 – Fluminense x Internacional – Palpite: empate

 

Classificação do Brasileirão da Série A

  1. São Paulo – 35 pontos – Copa Libertadores
  2. Flamengo – 34 pontos – Copa Libertadores
  3. Internacional – 32 pontos – Copa Libertadores
  4. Grêmio – 30 pontos – Copa Libertadores
  5. Atlético-MG – 27 pontos – Pré Copa Libertadores
  6. Palmeiras – 27 pontos – Pré Copa Libertadores
  7. Corinthians – 26 pontos – Copa Sul-Americana
  8. Cruzeiro – 25 pontos – Copa Sul-Americana
  9. Fluminense – 22 pontos – Copa Sul-Americana
  10. América-MG – 21 pontos – Copa Sul-Americana
  11. Botafogo – 21 pontos – Copa Sul-Americana
  12. Sport – 20 pontos – Copa Sul-Americana
  13. Vasco – 19 pontos
  14. Vitória – 19 pontos
  15. Santos – 18 pontos
  16. Bahia – 18 pontos
  17. Chapecoense – 18 pontos – rebaixado para a Série B
  18. Ceará – 15 pontos – rebaixado para a Série B
  19. Atlético-PR – 14 pontos – rebaixado para a Série B
  20. Paraná – 13 pontos – rebaixado para a Série B

 

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar