Ganhador.com

Copa Sul-Americana

Atlético-PR 2 x 0 Fluminense: Furacão abre grande vantagem na semifinal da Copa Sul-Americana

Furacão imbatível em casa

Senhor absoluto de seus domínios, Atlético-PR conquista uma importante vantagem sobre o Fluminense na Copa Sul-Americana.

Foto: MAILSON SANTANA/FLUMINENSE FC.

Confirmando os prognósticos do Bumbet que indicavam o Atlético-PR como a melhor aposta para o duelo de ontem contra o Fluminense na Arena da Baixada pela  ida da semifinal da Copa Sul-Americana (aqui), o Furacão conquistou um importante resultado por 2 a 0 e vai para o jogo de volta, no Maracanã, no próximo dia 28, podendo até mesmo perder por 1 a 0 para se garantir na grande final do torneio. O Tricolor, se quiser manter vivo o sonho de conquistar seu primeiro título internacional relevante precisará, no mínimo, devolver os 2 a 0 para levar a decisão para os pênaltis ou 3 a 0 para garantir-se na final contra o vencedor de Santa Fe e Junior Barranquilla, ambos da Colômbia.

Destaque do jogo, o lateral Renan Lodi fez o primeiro do Atlético-PR, deu o passe para o segundo, de Rony, e colocou a massa rubro-negra em festa antes do duelo contra o Cruzeiro pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro no próximo sábado, às 19 horas, na Arena da Baixada.

Melhores sites de apostas

Saque em

1-2

Dias

R$200

Bônus

+4

Saque em 1-2 - Dias

Saque em

1-2

Dias

R$200

Bônus

+3

Saque em 1-2 - Dias

Saque em

1-2

Dias

Transmissão

ao Vivo

Saque em 1-2 - Dias

Saque em

1-2

Dias

R$200

Bônus

+2 More

Saque em 1-2 - Dias

Saque em

1-2

Dias

R$777

Bônus

+8 More

Saque em 1-2 - Dias

Pressão rubro-negra dá resultados

O jogo de ontem começou em alta velocidade. O Fluminense adiantou sua marcação em uma clara tentativa de pressionar a defesa atleticana. Em contrapartida, deixou espaços em sua própria defesa que foram explorados pelo ataque do Atlético-PR.  Pablo, vice-artilheiro do Brasileirão e sonho de consumo de muitos clubes para a temporada 2019, teve boas chances mas acabou perdendo o duelo contra o goleiro Júlio César que, mais uma vez, garantia o bicho da zaga tricolor.

Tentando manter a calma, o Flu quase chegou lá mas foi contido por Santos que fez defesas sucessivas em cabeceios de Gum e Luciano na melhor chance dos cariocas no primeiro tempo.

Aos 18 minutos, porém, a pressão atleticana deu resultados e Renan Lodi aproveitou rebote, carimbou a zaga e, na volta, chutou novamente, desta vez sem chances para Júlio César: 1 a 0 na Arena da Baixada.

O Flu sentiu o gol e por muito pouco o Furacão não ampliou com Cirino, Nikão e Lucho – que carimbou a trave. O tricolor respondeu com Everaldo em uma roubada de bola em cima de Jonathan bem defendida por Santos.

Ao final do primeiro tempo, aplausos dos rubro-negros na arquibancada – recorde de público da Arena com 28.403 torcedores – e alívio no lado tricolor que havia evitado um placar maior.

 

Vira 1, acaba 2

O Fluminense voltou para o segundo tempo com uma postura mais agressiva e se fez mais presente no campo de ataque, com Everaldo participando mais do jogo. A correria atleticana no primeiro tempo cobrava seu preço e os donos da casa não mantiveram a mesma intensidade dos primeiros 45 minutos. Apesar disso, entretanto, o primeiro chute perigoso do Flu aconteceu aos 12 minutos, em finalização de longe de Sonorza.

Explorando o contra-ataque, o Atlético seguia assustando quando chegava à frente, mas parava em erros de finalização (Pablo mandou um tirombaço no travessão tricolor) e na boa atuação de Júlio César que saiu nos pés de Roni para evitar o segundo gol. Mas aos 32 minutos, o atacante guardou o seu aproveitando excelente cruzamento de Lodi para, de cabeça, vencer o arqueiro tricolor.

Com 2 a 0 no placar, o Fluminense sentiu o golpe e por muito pouco não levou  o terceiro em uma noite particularmente ruim de seu sistema defensivo que foi mal na saída de bola e no posicionamento de seus três zagueiros e dos alas.

 

O que vem a seguir

Antes do jogo de volta no próximo dia 28, no Maracanã, que definirá quem avançará para a final da Copa Sul-Americana, Atlético-PR e Fluminense vão à campo pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O Furacão, em sua luta para chegar ao G-6, receberá o Cruzeiro, campeão da Copa do Brasil, no sábado, à partir das 19 horas na Arena da Baixada.

Matematicamente ainda lutando contra o rebaixamento, o Fluminense receberá o desesperado Sport no domingo, à partir das 19 horas, no Maracanã – com as duas equipes precisando somar 3 pontos

 

JOGOS DE IDA DAS SEMIFINAIS DA COPA SUL-AMERICANA 2018

QUARTA-FEIRA, 7 DE NOVEMBRO
  • 21:45 – Atlético Paranaense 2 x 0 Fluminense.
QUINTA-FEIRA, 8 DE NOVEMBRO
  • 19:30 – Independiente Santa Fe (R$ 2,10) x (R$ 4,20) Junior Barranquilla. Empate: R$ 2,95

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar