Ganhador.com

Futebol: Podcast

Pressionado, Corinthians joga bem, vence o Palmeiras e abre 6 pontos de vantagem para o Santos, novo vice-líder do Brasileirão

Voltando a jogar com o mesmo padrão de lhe fez bater recordes de desempenho no primeiro turno, o Corinthians manteve os nervos no lugar, venceu o Palmeiras por 3 a 2 no Itaquerão e administra agora uma distância de 6 pontos para o Santos, o vice-líder, há 6 rodadas para o final do Campeonato Brasileiro.

Aperte o play e ouça nosso comentário para a 32ª rodada do Brasileirão, clique aqui para ler nosso resumo dos jogos disputados no sábado, dia 4, e leia a seguir o resumo dos duelos de ontem, dia 5.

 

O líder voltou

Pressionado pela vitória do Santos sobre o Atlético-MG na abertura da rodada, no sábado, e tendo pela frente um concorrente direto pelo título – o Palmeiras – o técnico Fábio Carille mexeu no Corinthians na esperança de recuperar a intensidade e concentração que fizeram o primeiro turno histórico do alvinegro. E deu certo. Com Clayson e Camacho nos lugares de Jadson e Maycon, o Timão soube suportar a grande pressão do Palmeiras de Alberto Valentim e ser mortal nos contra-ataques.

O caminho para o Corinthians chegar ao gol estava no lado esquerdo do ataque onde Clayson e Guilherme Arana se “criavam” pra cima de Mayke que não vinha bem no jogo. Até que a bola sobrou na esquerda para Rodriguinho chutar cruzado e sem direção. Romero, entretando, que acompanhava o lance – em posição duvidosa – foi mais rápido que a defesa alviverde e completou para o gol de Fernando Prass.

Enquanto ainda comemorava o primeiro gol, a Fiel viu Balbuena aproveitar cobrança de escanteio para ampliar a vantagem. Perdendo por 2 gols, o Palmeiras passou por um momento de instabilidade, se equilibrou, foi pra cima e o zagueiro Mina aproveitou cobrança de escanteio – e falha de Pablo – para recolocar o Verdão no jogo.

Mas durou pouco.

Lembrando os seus melhores momentos no primeiro turno, o Corinthians partiu rápido em contra-ataque na parte final da etapa incial e Edu Dracena derrubou Jô dentro da área. Pênalti que o artilheiro corintiano cobrou e converteu. 3 a 1 que nem o mais fanático corintiano poderia imaginar.

Disposto a “encruar” o jogo, o Corinthians voltou para o segundo fazendo aquilo que fez melhor nas primeiras 19 rodadas do Brasileirão: fechou-se na defesa e foi irritando o adversário. Mesmo assim o Palmeiras ainda achou um gol com Moisés – em nova falha de Pablo – na metade do segundo tempo e pôs fogo no jogo que já era quente (e bom).

Inteligentemente, o Timão soube segurar a pressão final, o placar e retomar a distância de 6 pontos para o Santos, seu perseguidor mais próximo.

 

4 gols em Porto Alegre

Em mais um jogo ruim nesta edição do Campeonato Brasileiro, Grêmio e Flamengo fizeram o “duelo da ressaca” em Porto Alegre, depois das partidas decisivas que disputaram no meio da semana passada pela Libertadores e pela Copa Sul-Americana.

Após um primeiro tempo “brigado” e ruim de doer, os times tiveram uma ligeira melhora no segundo tempo e o Flamengo abriu o placar com Éverton Ribeiro. Renato Gaúcho, então, mexeu em seu time e aos 23 minutos colocou Everton no lugar de Fernandinho. Aos 24 ele empatou o jogo e aos 26 marcou o gol da virada.

Atordoado, Reinaldo Rueda demorou a mexer no Flamengo que, morto em campo, ainda teve tempo de levar o terceiro, cortesia de Luan.

Em termos de classificação, o resultado pouco muda as coisas para Grêmio (3º colocado com 54 pontos) e Flamengo (7º colocado com 47 pontos), que estão mais preocupados com seus jogos contra Lanús e Junior Barranquilla.

 

Vitória importante, vitória protocolar

Com gols de Mendoza e Edigar Junio, um em cada tempo, o Bahia consolidou sua boa fase diante da Ponte Preta e com apenas uma derrota nos últimos 8 jogos, assume a 10ª posição do Campeonato Brasileiro, cada vez mais longe do Z-4.

Diferente da Ponte Preta que, sem nenhuma criatividade, foi até o estádio da Fonte Nova com o claro objetivo de se defender e pagou caro por isso. Com a derrota por 2 a 0, a Macaca estaciona nos 35 pontos e cai mais uma posição na tabela. Em 18º lugar, a equipe campineira tem 6 rodadas para reencontrar o rumo e fugir do  Z-4, enquanto que o Bahia pode dminuir o pensamento de escapar da Série B e começar a fazer planos para a Sul-Americana de 2018.

Já classificado para a Libertadores do ano que vem e com o título da Copa do Brasil no bolso, o Cruzeiro recebeu o Atlético-PR no Mineirão e jogando para o gasto contou com o talento de Arrascaeta para pôr um fim à série de jogos sem vitória no Brasileirão (foram duas derrotas e um empate). O jogo em si não foi bom e o Atlético-PR bem que tentou – Guilherme quase fez um gol olímpico –, mas não foi capaz de derrubar a Raposa. O resultado fez o Furacão cair duas posições na tabela – é agora o 11º colocado com 42 pontos.

 

Pra variar, empates

Após cobrança de falta de Nenê aos 9 minutos do primeiro tempo, o Vasco saiu na frente do Vitória com gol do zagueiro Breno. Depois disso, o cruzmaltino abriu mão de jogar e foi suportando a pressão dos comandados de Vágner Mancini até que aos 46 do segundo tempo, o rubro-negro encontrou seu merecido gol com André Lima.

Foi o terceiro empate do Vasco que chega ao seu 5º jogo sem derrota, mas que, por conta da falta de vitórias, continua em 8º lugar, atrás de Flamengo e Botafogo – que não foram bem no final de semana.

Com ao resultado o Vitória segue no Z-4, mas a apenas 1 ponto de distância do Sport, que com o coração na chuteira e um jogador a menos, conseguiu um empate contra a Chapecoense na Arena Condá, fechando a 32ª rodada em um jogo chato que só teve emoção nos minutos finais. Wellington Paulista e André marcaram os gols da partida – ambos de pênalti e ambos no segundo tempo.

 

Jogos e resultados da 32ª rodada do Campeonato Brasileiro

Sábado, 4 de novembro de 2017

  • 17:00 – Santos 3 x 1 Atlético-MG
  • 19:00 – Botafogo 1 x 2 Fluminense
  • 19:00 – Atlético-GO 0 x 1 São Paulo
  • 21:00 – Coritiba 4 x 0 Avaí – palpite: Avaí

Domingo, 5 de novembro de 2017

  • 17:00 – Corinthians 3 x 2 Palmeiras
  • 17:00 – Cruzeiro 1 x 0 Atlético-PR
  • 17:00 – Grêmio 3 x 1 Flamengo
  • 18:00 – Bahia 2 x 0 Ponte Preta
  • 19:00 – Vasco 1 x 1 Vitória
  • 19:00 – Chapecoense 1 x 1 Sport

Comentários

1 Comentário

1 Comentário

  1. Pingback: Paixão Nacional: você viu? | Ganhador.com

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar