NASCAR

Martin Truex Jr conquista título da NASCAR de forma incontestável! Confira como foi a temporada

Foto: Chris Trotman/Getty Images

Piloto foi bem em todas as partes do campeonato

A temporada da NASCAR chegou ao fim e o mais novo campeão da categoria é Martin Truex JR, que faturou o título pela primeira vez na carreira. Como apontamos antes da corrida, ele era o grande favorito para levantar a taça e cumpriu as expectativas. Na sequência aparecem Kyle Busch, Kevin Harvick e Brad Keselowski, também como era de esperar pelo o que fizeram ao longo do ano.

 

Martin Truex Jr fez temporada espetacular

Apesar de até então ainda não ter vencido uma temporada da NASCAR, Martin Truex Jr teve um desempenho de veterano. O piloto foi superior ao longo de todo o ano e mereceu o título. Prova da sua regularidade é que venceu a 3ª, 10ª, 17ª, 21ª e os playoffs, o que quer dizer que apareceu entre os melhores ao longo de toda competição.

Aliás, se um campeão aparece nos momentos certos, Truex era definitivamente o cara. Isso fica claro quando analisamos o seu desempenho em mata-mata. Considerando a decisão, foram 10 corridas, terminando entre os cinco primeiros colocados em nove oportunidades. Destas, foram quatro vitórias, dois segundo lugares e um terceiro, além de uma quarta e quinta colocação.

Sendo assim, a menos que ocorresse algum grande acidente, o título iria para as mãos de Martin, como de fato aconteceu.

 

Kyle Busch vendeu caro o título

A principal ameaça de Truex Jr foi Kyle Busch, como aguardado. Mesmo sendo o mais novo entre os concorrentes, o piloto lutou bravamente pelo seu bicampeonato, que quase veio na temporada passada. No entanto, mais uma vez bateu na trave, após chegar a botar a mão na taça no segundo segmento da corrida.

Apesar da frustração de ficar sem repetir a conquista, o vice-campeonato foi positivo para Kyle Busch, que até teve um bom ano, mas inferior a Martin. Principalmente porque não conseguiu repetir nos playoffs o desempenho da fase regular, quando chegou a liderar a tabela.

 

Brad Keselowski segue com jejum

Campeão em 2012, Brad Keselowski vai continuar na seca por mais um ano. O piloto, que chegou a vencer nesta temporada, caiu de rendimento nas últimas corridas do final de semana e acabou não tendo um bom desempenho em Miami, na grande decisão.

As últimas cinco corridas acabaram deixando um gosto amargo para Keselowski, pois passou longe dos líderes, mas ainda assim, aparece na lista dos participantes que tem mais o que comemorar com esta edição do que a lamentar.

 

Kevin Harvick teve bom desempenho

Assim como Keselowski, Kevin Harvick tem que festejar sua temporada – principalmente porque foi bem na reta final dos playoffs, aparecendo entre os cinco primeiros colocados nas quatro últimas corridas. Faltou manter este rendimento por um período maior, principalmente na fase regular.

No entanto, em um ano normal, teria chances maiores de brigar pelo título com o que fez ao longo desta edição. A grande questão foi que Martin Truex Jr estava mesmo iluminado, tirando qualquer rival de sonhar com a taça.

 

Ex-campeão apagado

Com exceção de pouquíssimas corridas, Jimmie Johnson não foi bem nesta temporada. O piloto só conseguiu avançar nos playoffs graças exatamente a esses raros momentos de brilho, pois no geral foi bem abaixo dos concorrentes. No final, sua 10ª posição na classificação condiz bastante com seu desempenho no ano. Resta saber como virá para a próxima edição.

 

Faltou pouco para Larson

Ao contrário de Johnson, Kyle Larson foi bem, porém não conseguiu aparecer nos momentos mais importantes. No entanto, vale destacar a boa temporada do piloto, principalmente o começo, quando conseguiu em quatro corridas seguidas aparecer nas duas primeiras posições. Pelo o que fez, merecia um pouco mais do que o 8º lugar no campeonato.

 

Destaques positivos

Outros três nomes foram bem no ano e fizeram por merecer suas posições. Destes, o grande destaque é Chase Elliott, que mostrou grande evolução, faltando apenas conseguir ganhar para dar um salto maior de qualidade. Além dele, Denny Hamlin e Matt Kenseth tiveram grandes desempenhos, e podiam ter ido mais longe na competição.

 

Classificação dos Playoffs da NASCAR CUP 2017

  1. Martin Truex JR, 5040
  2. Kyle Busch, 5035
  3. Brad Keselowski, 5033
  4. Kevin Harvick, 5030
  5. Chase Elliott, 2377
  6. Denny Hamlin, 2353
  7. Matt Kenseth, 2344
  8. Kyle Larson, 2320
  9. Ryan Blaney, 2305
  10. Jimmie Johnson, 2260
  11. Austin Dillon, 2224
  12. Jamie MccMurray, 2224
  13. Ricky Stenhouse Jr, 2222
  14. Kurt Busch, 2217
  15. Kasey Kahne, 2198
  16. Ryan Newman, 2196

 

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.