Ganhador.com

Fórmula 1

Lewis Hamilton pode ser campeão da Fórmula 1 já nos Estados Unidos

Foto: AP Photo/Toru Takahashi

Britânico precisa vencer e torcer para que Vettel chegue no máximo em sexto

Depois de um começo equilibrado, a Fórmula 1 pode ver seu novo campeão com uma grande antecedência. Isso porque Lewis Hamilton tem 59 pontos de vantagem para o segundo colocado, Sebastian Vettel. Se vencer a etapa dos Estados Unidos deste domingo e seu rival chegar na 6ª colocação ou atrás, o título vai para o britânico. Depois, teria três corridas pela frente apenas para se divertir.

 

Ninguém segura o Hamilton

Se os grandes pilotos aparecem na hora certa, Lewis Hamilton definitivamente faz parte deles. O inglês ganhou quatro das últimas cinco corridas – chegou em segundo na outra – e abriu uma enorme folga para o seu rival. Com uma fase tão brilhante e sem concorrentes à altura, quem sou eu para duvidar dele? Hamilton tem tudo para sobrar neste final de semana e apenas esperar o resultado de Vettel para saber se vai festejar na terra do Tio Sam ou se a celebração definitiva fica para o México.

 

Vettel cada vez mais longe

Antes da última corrida, eu provoquei dizendo que Sebastian Vettel deveria se preocupar mais em manter a segunda posição do que ainda brigar pelo título. E parece que o alemão está disposto a tornar isso real. Tudo bem que no Japão a culpa foi da Ferrari e ele ainda teve azar de pegar um carro com problema na vela de ignição. No entanto, todas as outras péssimas provas foram falhas próprias e o alemão agora começa a ser perseguido por Bottas com justiça. Certamente Vettel tentará de tudo para adiar o título de Hamilton nos Estados Unidos, mas dificilmente conseguirá uma vitória.

 

Bottas na cola

Melhor do que Vettel em três das últimas quatro corridas, Valtteri Bottas pode começar a sonhar em garantir uma dobradinha da Mercedes no campeonato. É pouco provável que o piloto conte com uma ajuda de Hamilton neste final de semana, porém, ao menos um pódio é garantido.

 

Correm por fora

Somente outros três pilotos devem brigar por um lugar no pódio: Daniel Ricciardo, Kimi Raikkonen e Max Verstappen. O holandês é o que vive a melhor fase, chegando de um primeiro e um segundo lugar. Com isso, ele certamente disputará com seu companheiro Ricciardo pela terceira ou quarta posição. Raikkonen é um azarão e deve seguir no bloco intermediário.

 

Briga por pontos

Para todos os demais, a disputa se resume em conseguir pontuar. Serão quatro ou cinco vagas, dependendo se houver algum abandono dos carros da Mercedes, Ferrari e RBR, mas o fato é que dificilmente teremos grandes surpresas. Sergio Perez e Esteban Ocon são nomes certos e devem terminar o campeonato na sétima e oitava posição, respectivamente.

A questão fica pelo o que vem a seguir, com Carlos Sainz Jr, Nico Hulkenberg, Felipe Massa, Lance Stroll, Kevin Magnussen, Romain Grosjean e Stoffel Vandoorne brigando pelos lugares restantes. Daqui, o brasileiro e o canadense são os que vivem melhores momentos e que valem confiar que completarão no top 10.

 

Histórico do GP dos Estados Unidos

A etapa dos Estados Unidos é disputada desde 1959, apesar de algumas interrupções. Os recordistas de vitórias são Michael Schumacher e Lewis Hamilton, com cinco cada. Acontece que somente a partir de 2012 que a prova começou a ser realizada no Circuito das Américas, em Austin. Neste caso, o britânico da Mercedes passa a reinar quase que absoluto, com quatro conquistas contra uma de Sebastian Vettel.

 

Palpite

Com uma grande folga na liderança, Lewis Hamilton deve ir com tudo em busca da vitória e certamente vai conseguir. O britânico praticamente não teve concorrentes nesta segunda parte da temporada e neste final de semana não será diferente. Completando o pódio devem aparecer Valtteri Bottas e Daniel Ricciardo.

 

Programação do GP dos Estados Unidos

Sexta-feira, 20 de outubro

  • 13:00 – Treino livre 1
  • 17:00 – Treino livre 1

Sábado, 21 de outubro

  • 14:00 – Treino livre 3
  • 18:00 – Treino de Classificação

Domingo, 22 de outubro

  • 17:00 – Corrida

 

Classificação da Fórmula 1 2017

  1. Lewis Hamilton, 306
  2. Sebastian Vettel, 247
  3. Valtteri Bottas, 234
  4. Daniel Ricciardo, 192
  5. Kimi Raikkonen, 148
  6. Max Verstappen, 111
  7. Sergio Perez, 82
  8. Esteban Ocon, 65
  9. Carlos Sainz Jr, 48
  10. Nico Hulkenberg, 34
  11. Felipe Massa, 34
  12. Lance Stroll, 32
  13. Romain Grosjean, 28
  14. Kevin Magnussen, 15
  15. Stoffel Vandooerne, 13
  16. Fernando Alonso, 10
  17. Jolyon Palmer, 8
  18. Pascal Wehrlein, 5
  19. Daniil Kvyat, 4
  20. Marcus Ericsson, 0
  21. Antonio Giovinazzi, 0
  22. Pierre Gasly, 0

 

Comentários

1 Comentário

1 Comentário

  1. Pingback: Lewis Hamilton precisa de no mínimo um quinto lugar para ser campeão da Fórmula 1 no México | Ganhador.com

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar