Ganhador.com

Copa do Brasil

Em semana decisiva, São Paulo pega o Cruzeiro em “missão impossível” na Copa do Brasil

Fotos: Marcello Zambrana / Cruzeiro

A Copa do Brasil está próxima das oitavas de final, que terão as participações dos clubes que disputam a Copa Libertadores. Mas enquanto isso não chega, os times que disputam a competição nacional lutam para dar mais um passo e seguirem vivos. Esta semana (19 e 20 de abril) ocorre os jogos da volta da quarta fase, com destaque para a dura – para não falar quase impossível – missão do São Paulo, que precisa reverter a diferença de dois gols diante do Cruzeiro, em Belo Horizonte. Mesma situação vive o Vitória, após ser surpreendido pelo Paraná no Barradão. Já o Corinthians depende de uma vitória simples ou mesmo de um empate sem gols contra o Internacional para permanecer no torneio. E, por fim, Sport e Fluminense, que encaram Joinville e Goiás, respectivamente, tentam evitar qualquer zebra.

 

Cruzeiro x São Paulo

Se tem uma coisa que o São Paulo não contava era ser derrotado pelo Cruzeiro em pleno Morumbi. O placar de 2 a 0 caiu como uma ducha de água fria na equipe comandada por Rogério Ceni, que agora precisa reverter a vantagem no Mineirão. Se devolver o placar, a partida vai para os pênaltis. Qualquer outro resultado com diferença de dois gols, desde que os dois clubes balancem as redes, a classificação é paulista.

Palpite: cheio de desfalques – um total de sete – , o São Paulo vem titubeando na hora H. Assim foram os clássicos contra Corinthians e Palmeiras no Paulistão, além, é claro, do jogo contra a equipe celeste na semana passada. Por isso e pelo grande momento vivido pelos mineiros, que ainda não perderam na temporada – são 22 jogos, sendo 17 vitórias -, a Raposa é favorita e deve mais uma vez bater os são-paulinos.

 

Corinthians x Internacional

Outro clássico do futebol brasileiro que teremos envolve Corinthians x Internacional. Depois de um empate em 1 a 1 no Beira-Rio, o Timão precisa de uma vitória simples ou mesmo de um 0 a 0 para seguir em frente. Já para o Colorado, resta uma igualdade acima de 2 a 2, que garante vaga direta, ou mesmo uma vitória na Arena Corinthians. O problema disso tudo é bater o alvinegro em seus domínios, já que a equipe vem tendo uma consistência em Itaquera, e o fato de encarar os paulistas de igual para igual, já que o time gaúcho terá uma série de desfalques: D’Alessandro, Eduardo Sasha, Edenílson, Paulão, entre outros.

Palpite: se o Inter não conta com seus principais jogadores, o mesmo não pode ser dito do Timão, que deve ter o retorno do meia Jadson. Embalado pela vitória no Majestoso sobre o SPFC no Paulistão, o Corinthians tem tudo para derrotar o Colorado. E digo mais, com diferença de dois gols.

 

Joinville x Sport

Quem também enfrentará dificuldades sem suas peças-chave é o Sport, que não terá cinco titulares – Ronaldo Alves, Rithely, Rogério, André e Diego Souza – contra o Joinville. Para sorte dos pernambucanos, eles vão à Santa Catarina com a vantagem na bagagem, já que venceram a primeira partida por 2 a 1. No entanto, todo cuidado é pouco contra os catarinenses.

Palpite: o Sport, do técnico Ney Franco, deve sofrer muito em Joinville, mas mesmo assim deve passar para as oitavas de final, arrancando um empate. Vamos ficar de olho!

 

Fluminense x Goiás

Já o Fluminense, que tomou a virada nos minutos finais na partida de ida contra o Goiás, busca fazer valer o fator casa e, principalmente, o Maracanã para continuar na competição. Após perder Diego Cavalieri, expulso, e Henrique Dourado, lesionado, no jogo contra os esmeraldinos no Serra Dourada, o Tricolor Carioca espera tirar a zica.

Se devolver o placar da semana passada – 2×1-, o Flu leva o confronto para as penalidades máximas. Qualquer vitória por dois gols de diferença ou placar de 1×0 dá vaga automática para a equipe dirigida por Abel Braga. Já outro tipo resultado coloca os goianos na próxima fase da Copa do Brasil.

Palpite: sem titubear, o Fluminense avança para as oitavas. E isso ocorre no tempo regulamentar, com as duas equipes balançando as redes e dando muito trabalho para os goleiros.

 

Paraná x Vitória

Assim como a vitória do Cruzeiro sobre o São Paulo, o placar de 2 a 0 para o Paraná contra o Vitória, na Bahia, chocou quem acompanha a Copa do Brasil. Até então com a melhor campanha do futebol canarinho – aproveitamento de quase 90% -, o Leão viu sua invencibilidade ir para o ralo e, pior, sofrer uma derrota bastante dolorida.

Palpite: se nenhuma zebra, pelos palpites já abordados, ocorreu até agora, está na hora de ela aparecer. Apesar de possuir um elenco totalmente superior que os paranaenses, os baianos devem se despedir do torneio. E a eliminação pode ocorrer da pior forma, com uma vitória fora de casa, por diferença mínima, o que não é o suficiente para se classificar.

 

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar