UFC

Edson Barboza pronto para brilhar em luta mais importante de sua carreira no UFC 219

Foto: Divulgação/UFC

O UFC 219, que acontece neste sábado, direto de Las Vegas (EUA), representa muito para Edson Barboza. Vindo de três vitórias consecutivas, o brasileiro enfrenta o astro russo Khabib Nurmagomedov em combate que pode entre outras coisas garanti-lo em uma disputa de cinturão na divisão dos leves. Mais do que isso, o duelo é a chance de provar ao mundo que ele faz parte da elite da categoria depois de ter sua ascensão interrompida algumas vezes.

A caminhada de Edson até a luta contra Nurmagomedov – que sem duvida alguma é a maior luta de sua carreira – teve mais altos do que baixos. O brasileiro hoje é conhecido como um dos tops da divisão dos leves, dono de lutas empolgantes e nocautes espetaculares. Seu currículo está recheado de grandes resultados. O único porém da trajetória de Barboza até aqui é que todas as vezes que ele se deparou com um desafio que significa a chance de se aproximar do título, ele perdeu.

No UFC, Edson acumula 17 lutas, 13 vitórias e quatro derrotas. Quando estava invicto e tinha cinco vitórias consecutivas, ele perdeu para Jamie Varner. Depois, engatou nova sequência de vitórias e acabou finalizado contra Donald Cerrone. O ultimo revés foi contra Tony Ferguson, atual campeão interino dos leves. A diferença para as “boas fases” que Barboza viveu antes e acabou perdendo para a situação atual é que a sequência de vitorias que ele construiu nas últimas três lutas foram contra atletas de calibre. São três vitórias consecutivas contra Gilbert Melendez (ex-campeão do Strikeforce), Anthony Pettis (ex-campeão do UFC) e Beneil Dariush (top 10 dos leves). O último foi nocauteado por Edson de forma brilhante com uma joelhada voadora.

O desafio contra Nurmagomedov é indigesto, mas o brasileiro parece chegar mais pronto para essa luta. Hoje, ele está ainda mais preparado para se confirmar como pretendente ao título do que anos atrás. Experiente, confiante e destemido, Barboza pode conquistar a maior vitória de sua carreira no UFC 219 e se tornar o primeiro homem a bater o russo, que está invicto após 24 lutas.

Khabib mostrou na última luta que tem brechas na trocação. Edson tem armas para nocauteá-lo . A questão será manter-se de pé, já que o jogo de wrestling do russo é pesado e funcionou contra todos os seus rivais. Sem contar que, assim como foi bem lembrado pelo amigo Raphael Marinho no Podcast MMA Ganhador 33, está será a melhor chance que Edson terá de bater o russo. Nurmagomedov não luta há mais de um ano, está sem ritmo de luta e pressionado por ter cancelado sua última apresentação devido a problemas no corte de peso.

É um grande desafio, mas Edson Barboza tem tudo para fazer bonito e fechar a temporada se colocando à disposição para uma disputa de título na divisão dos leves em 2018. É tempo de acreditar!

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar