Ganhador.com

Copa Libertadores

Botafogo recebe o Atlético Nacional para avançar na Copa Libertadores

Noite decisiva para os times brasileiros na Copa Libertadores da América.

foto: Satiro Sodré/SSPress/Botafogo

O Botafogo recebe, amanhã, dia 18, o Atlético Nacional-COL, em partida válida pela 5ª rodada do Grupo 1 da Copa Libertadores da América, à partir das 21h40 no estádio Nilton Santos (Engenhão). Precisando da vitória para garantir a sua vaga na próxima fase, a equipe carioca enfrenta o atual campeão da Libertadores e da Recopa Sul-Americana apostando no retrospecto positivo: no jogo de ida, pela segunda rodada do grupo, o Fogão quebrou um jejum de 24 anos sem vitórias em jogos fora do Brasil e venceu a equipe colombiana por 2 a 0 em pleno Atanasio Girardot.

A equipe brasileira também pode carimbar seu passaporte para a fase de mata-mata com um empate, desde que o Estudiantes-ARG não vença o Barcelona-ECU. Uma derrota amanhã, deixa o Botafogo precisando de uma vitória contra o Estudiantes, fora, pela última rodada do grupo.

 

Botafogo

A equipe do técnico Jair Ventura vem de dois resultados ruins. Perdeu em casa para o Barcelona por 2 a 0 na 4ª rodada da Libertadores, no dia 2; e também caiu pelo mesmo placar frente ao Grêmio, em Porto Alegre no último domingo, em partida válida pela primeira rodada do Campeonato Brasileiro. Deve-se dizer, porém, que o clube da estrela solitária poupou alguns titulares para sua estreia no Brasileirão, priorizando a partida de amanhã.

O zagueiro Carli foi um dos que treinaram normalmente na manhã de ontem e está confirmado para o jogo. Por outro lado,  Montillo e Emerson Silva seguem em recuperação e não deverão atuar contra o Atlético Nacional. Assim como o atacante Sassá, que foi afastado do grupo devido a problemas disciplinares. O goleiro Jefferson intensificou os trabalhos com bola, mas dificilmente terá condições de reassumir a meta botafoguense amanhã, e Gatito Fernández segue titular. Desse modo, a provável escalação do Botafogo será: Gatito Fernández, Emerson Santos, Carli, Igor Rabello, Victor Luís; Airton, Bruno Silva, João Paulo, Camilo; Pimpão e Roger.

Em entrevista coletiva no final da manhã de ontem, o meia Camilo – que precisou ser substituído no intervalo da partida contra o Barcelona após sentir um desconforto na coxa – resumiu o pensamento da equipe: “Deixamos escapar a classificação naquele jogo e isso ligou um alerta, que a gente tem que entrar de uma outra forma desta vez”. Concluiu afirmando que a equipe precisa “voltar a ser agressiva e mostrar um bom futebol em campo, para assim voltar a vencer”.

 

Atlético Nacional

O Atlético Nacional desembarcou no Brasil nesta segunda-feira e, já na manhã de ontem, treinou no CT do Flamengo para a partida de amanhã. Precisando da vitória para seguir com chances de classificação, o técnico Reinaldo Rueda deve optar por uma formação mais ofensiva.

Aproveitando que não poderá contar com o volante  Mateus Uribe, Rueda fez um trabalho escalando dois meias ofensivos (Macnelly Torres e Quiñones), três atacantes (Arley Rodríguez, Ibargüen e Dayro Moreno) e apenas um volante (Diego Arias) protegendo a zaga.

Dessa forma, a provável escalação do Atlético Nacional será: Armani, Bocanegra, Cuesta, Henríquez, Díaz; Diego Arias, Quiñones, Macnelly Torres; Arley Rodríguez, Ibargüen e Dayro Moreno.

 

Prognóstico

O Botafogo vem de dois resultados negativos. Pela Libertadores, jogou muito mal e perdeu a chance de se classificar antecipadamente contra o Barcelona. Voltou a jogar bem contra o Grêmio, mas não conseguiu fazer o resultado.

O Atlético Nacional, por outro lado, tem subido de produção, venceu a Recopa Sul-Americana ao golear a Chapecoense na semana passada e, nos números, vive um momento melhor. Pode engrossar o jogo para o Fogão.

Meu palpite é de um empate em 2 a 2 – ruim para ambos, mas muito pior para o Atlético Nacional.

 

Atlético Mineiro goleia o Godoy Cruz

Como era de se esperar, na noite de ontem o Atlético Mineiro recebeu – e atropelou –  a equipe do Godoy Cruz, com direito a uma atuação de gala de seu camisa 10, Cazares. O placar de 4 a 1 foi construído com dois gols do meia equatoriano, um de Elias – que voltou a jogar bem e pode chamar a atenção de Tite nas próximas convocações da Seleção Brasileira – e um de Fred. Garro descontou para os visitantes.

Com o primeiro lugar no grupo assegurado, o Galo agora pode jogar as partidas de volta do mata-mata em seus domínios, fator que foi fundamental durante a vitoriosa campanha de 2013.

 

Rodada de hoje

Nesta quarta-feira, os brasileiros seguem na disputa da Libertadores. Vamos a eles:

 

Flamengo

O Flamengo recebe o San Lorenzo no Maracanã dependendo apenas de si para seguir na competição. Veja nossa análise e prognóstico para este jogo aqui.

 

Santos

O Santos viajou até La Paz, onde enfrenta o The Strongest precisando apenas de um empate para se garantir na próxima fase. A vitória assegura o primeiro lugar no grupo. O Peixe encerra sua participação nesta fase na próxima terça-feira, dia 23, contra o Sporting Cristal, em casa. Além da vaga garantida, o jogo de hoje pode aliviar um pouco a pressão sobre o técnico Dorival Júnior – que vem sendo muito questionado em função dos últimos resultados do alvinegro.

O Santos deverá ser escalado com: Vanderlei; Victor Ferraz, Lucas Veríssimo, Cleber, Copete; Renato, Leandro Donizete, Lucas Lima; Vitor Bueno, Bruno Henrique e Ricardo Oliveira.

O Santos tem mais time. Se jogar com a cabeça, vence a altitude de La Paz e garante o empate que lhe basta.

 

Atlético Paranaense

Depois da goleada sofrida no último final de semana pelo Brasileirão – derrota por 6 a 2 diante do Bahia –, a equipe do técnico Paulo Autuori viajou até o Chile muito pressionada. Hoje, o time precisa vencer a equipe da Universidad Católica, em Santiago, se quiser avançar para a próxima fase da Libertadores. Um empate basta, desde que o Flamengo vença o San Lorenzo.

Com algumas mudanças em relação à equipe que começou mal o Brasileirão, o Atlético-PR deve ir a campo com: Weverton; Jonathan, Paulo André, Wanderson, Sidcley; Otávio, Matheus Rossetto, Lucho González; Nikão, Pablo (Douglas Coutinho) e Grafite.

Meu palpite é que, apesar da recente subida de produção da Universidad Católica, os brasileiros avançam com uma vitória de 2 a 1.

 

Chapecoense

No último mês, a Chapecoense viajou cerca de 25 mil quilômetros e passou por quatro países. E hoje à noite, na Argentina, encerra esta mini-maratona precisando de uma vitória contra o Lanús para manter viva a chance de avançar para a fase de mata-mata na Libertadores. Uma derrota encerra de vez o sonho alviverde.

Para atingir seu objetivo, o técnico Vágner Mancini aposta em algumas mudanças que deram certo, como Apodi na lateral direita e João Pedro no meio-campo. Mas será o suficiente? Depois de perder a Recopa Sul-Americana para o Atlético Nacional, a equipe voltou ao Brasil e arrancou um empate contra o Corinthians na Arena Itaquera, mesmo tendo saído atrás no marcador. Um bom resultado, é verdade. Porém, apesar de alguns momentos de pressão, não teve forças para virar o placar. E sua fraqueza ofensiva pode custar caro.

A provável escalação da Chape para o jogo de hoje à noite é: Jandrei, Apodi, Grolli, Luiz Otávio, Reinaldo; Moisés Ribeiro, Luiz Antonio, João Pedro; Rossi, Wellington Paulista e Arthur.

Infelizmente, são grandes as chances de não dar pé para os brasileiros. A Chapecoense deve trazer na bagagem de volta para o Brasil uma derrota por 1 a 0 e a desclassificação.

 

Jogos da Fase de Grupos da Copa Libertadores

  • 17/05 – 18:30 – The Strongest x Santos
  • 17/05 – 20:45 – Universidad Católica x Atlético Paranaense
  • 17/05 – 21:45 – Flamengo x San Lorenzo
  • 17/05 – 21:45 – Lanús x Chapecoense
  • 18/05 – 21:45 – Botafogo x Atlético Nacional

 

Comentários

1 Comentário

1 Comentário

  1. Pingback: Bye bye América! O Flamengo está fora da Libertadores | Ganhador.com

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar