Ganhador.com

Copa do Brasil

Amanhã tem Internacional x Palmeiras e Fluminense x Grêmio pela Copa do Brasil. Veja nossos comentários e prognósticos para os dois jogos

Os quatro gigantes decidem amanhã quem segue adiante na Copa do Brasil

FOTO LUCAS MERÇON/FLUMINENSE F.C.

Quatro gigantes do futebol nacional decidem nesta quarta-feira, em jogos válidos pelas oitavas de final da competição, quem segue adiante na Copa do Brasil. Com desempenhos muito distintos na temporada – e objetivos idem –, o Internacional recebe o Palmeiras no Beira-Rio, enquanto que o Grêmio viaja até o Rio de Janeiro para enfrentar o Fluminense. Todas as equipes levam para suas partidas de amanhã o fraco desempenho do final de semana pelo Campeonato Brasileiro (Série B, no caso do Inter): todos perderam seus jogos (como podemos ver aqui e aqui).

Mas é bem possível que, em alguns casos, o desempenho do final de semana não tenha tanta influência sobre o resultado de amanhã.

Confira agora nossos comentários e prognósticos para cada um dos jogos.

 

Internacional x Palmeiras

Beira-Rio – 21:45

O Internacional não vive um bom momento. Com apenas 4 pontos na Série B do Campeonato Brasileiro, demitiu o técnico Antonio Carlos Zago no último final de semana, após derrota por 1 a 0 para o Payssandu. Zago estava sendo questionado no cargo desde a perda do título do Gaúchão para o Novo Hamburgo. Na a partida de amanhã, a equipe deverá ser dirigida pelo auxiliar Odair Hellman, que estava com a Seleção Brasileira Sub-20 na França. O torcedor do Inter não tem boas lembranças da última vez que Hellman assumiu o time (após a demissão de Diego Aguirre): uma goleada de 5 a 0 imposta pelo Grêmio.

Na prática, Hellman deverá chegar sem tempo para aplicar qualquer tipo de treino ou mudança tática. O time, sem grandes alterações, deverá ser comandado mesmo pelos jogadores mais experientes – como D’Alessandro –, deixando para o “técnico” um papel figurativo. Receita certa para o insucesso.

Pelo lado do Palmeiras, o técnico Cuca ainda busca “a cara” do time. Depois de trabalhar com o lateral Mayke e o zagueiro Juninho na partida contra o São Paulo (derrota por 2 a 0), e testar uma formação “alternativa” com Jean como uma espécie de ponta, Felipe Melo na zaga, Michel Bastos na lateral esquerda e um ataque sem um jogador de referência (centro-avante), o treinador terá os retornos de Edu Dracena e  Zé Roberto e deverá usar uma escalação mais próxima daquilo que todos imaginam como “titular”. Mas o sinal de alerta em relação ao goleiro Fernando Prass acendeu de vez. Cometendo erros que não lhe são comuns, Prass pode perder a titularidade para Jaílson. Não se surpreenda se ver o veterano goleiro no banco de reservas amanhã.

Nosso palpite: Deixar o time “na mão” dos jogadores dá bons resultados em raríssimos momentos. Se o clima com o técnico era ruim, é possível que eles se entreguem mais – dêem aquele 1% à mais –, para provar que têm qualidades e o ex-técnico não. Mas, por outro, se o clima não era um desastre completo, nada que os jogadores façam por conta própria vai mudar muito o desempenho geral do time, que no caso do Inter, precisa, evidentemente, de novas soluções. E assim vai o Internacional para o jogo: desorganizado e com o futuro incerto.

O Palmeiras, mesmo passando por instabilidades constantes e sem um time 100% definido, tem mais conjunto e joga pelo empate – o que, na minha opinião, será o resultado de amanhã (1 a 1).

 

Fluminense x Grêmio

Maracanã – 19:30

Os dois times eram os únicos com 100% de aproveitamento no Campeonato Brasileiro. Os dois times conheceram a derrota neste final de semana. O Grêmio, talvez, por opção. O Flu, por falta de elenco.

Enquanto que o tricolor gaúcho escalou um time formado apenas por garotos para enfrentar o combalido Sport, o tricolor carioca escalou força máxima para encarar o Vasco (excessão a Sonorza que, após uma cirurgia no tornozelo, ficará fora por 90 dias).

O time de “promessas” do Grêmio jogou bem, de igual para igual com o Sport lá na Ilha do Retiro, saiu frente, tomou a virada e ainda tentou buscar o resultado no final (4 a 3 para o Sport). Não foi uma partida  que desse margem para se duvidar da capacidade do Grêmio – e uma opção muita clara do técnico Renato em priorizar a Copa do Brasil.

Já o Flu, manteve sua sina de levar gols em todos os jogos e mesmo com a entrada de Nogueira na zaga, a escrita continuou. O Vasco saiu da na frente. O tricolor virou, mas não teve forças para manter placar e, em uma nova virada na partida, acabou derrotado (3 a 2 para o Vasco). Diferente do Grêmio, o Fluminense não pode dizer que o resultado foi fruto de uma escalação “alternativa”. Foi fruto, sim, de suas limitações de elenco e sua instabilidade – coisas que Abel Braga ainda não conseguiu arrumar, e que serão postas à prova novamente amanhã. Mesmo com o fator campo a seu favor, a equipe carioca terá muita dificuldade para reverter a vantagem gremista construída em Porto Alegre.

Nosso palpite: O Fluminense tem uma parada dura pela frente – precisa vencer por 2 a 0 (ou por 3 gols de diferença caso o Grêmio marque). Não será fácil. Principalmente se lembrarmos que a defesa do Flu foi vazada pelo menos uma vez nos últimos jogos (seis vezes só nas três primeiras rodadas do Brasileirão). E o tricolor Gaúcho marcou em todos os jogos onde usou a formação titular (há dois meses o time não passa em branco durante um jogo).

Mesmo assim, dá pra arriscar que o Fluminense ganha o jogo – mas não leva a vaga. Nosso palpite é de 2 a 1 para o tricolor carioca, sem sustos para o gaúcho.

Comentários

1 Comentário

1 Comentário

  1. Profissão Gamer

    6 de junho de 2017, às 12:45

    Amanhã tem Internacional x Palmeiras e Fluminense x Grêmio pela Copa do Brasil. Veja nossos comentários e prognósticos para os dois jogos | Ganhador.com Descubra quais são os caminhos que você pode seguir para viver de games! Conheça incríveis histórias de Youtubers, Cyber-Atletas, Empreendedores, Gamers de sucesso, pessoas que vivem de games no Brasil! Acesse https://goo.gl/JuS6SU e Saiba Mais!

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar