Ganhador.com

Premier League

Favoritos vencem na 3ª rodada da Premier League

Neste fim de semana, os favoritos estavam inspirados e venceram seus confrontos pela terceira rodada da Premier League. Chelsea, Manchester City e United venceram e dividem a liderança com nove pontos. Os três pagaram 25%, 29% e 45% de lucro respectivamente, de acordo com estatísticas do Oddsshark.com/br. Também entre os mais cotados, Arsenal, Leicester e Everton venceram e pagaram mais de 60% por seus triunfos. Retornos financeiros melhores vieram apenas nos empates. Foram quatro jogos que pagaram entre R$ 3,10 e R$ 4,75 por cada real investido.

Favoritos vencem na rodada

O Manchester City venceu o West Ham em casa por 3 a 1 e manteve os 100% de aproveitamento no Campeonato Inglês. A vitória rendeu R$ 1,29 para cada real investido. Após um primeiro tempo dominante, quando City teve oportunidade de abrir uma goleada, a equipe foi surpreendida e viu o West Ham diminuir para 2 a 1 no segundo tempo, deixando a partida complicada nos minutos finais. Explorando muito as trocas de passes, os donos da casa tiveram grandes chances de marcar, mas só conseguiram o terceiro gol nos acréscimos, com Sterling. Esta bola na rede rendeu R$ 0,36 a mais em quem investiu em um triunfo por dois ou mais gols de diferença

Seu rival, o United, também teve dificuldades e sofreu ainda mais para sair com os três pontos diante do Hull City. O gol da vitória só saiu nos acréscimos, com o Jovem Marcus Rashford. O atacante de 18 anos aproveitou cruzamento rasteiro de Wayne Rooney e deu a terceira vitória para o time de Manchester. A vitória suada fora de casa rendeu R$ 1,45 por cada R$ 1,00.

Outra equipe que está 100% na competição é o Chelsea. O time londrino não teve dificuldades e derrotou o Burnley por 3 a 0. Os gols foram de Hazard, Willian e Victor Moses. A vitória pagou R$ 1,25 para cada investimento de R$ 1,00, enquanto quem investiu em uma goleada por três ou mais gols faturou R$ 2,75.

Após uma temporada ruim, Eden Hazard parece estar retomando a confiança de anos anteriores e fez uma grande partida. O meia-atacante deu cinco chutes a gol, além de participar de muitas jogadas ofensivas do Chelsea. O placar poderia ter sido ainda maior se não fosse o goleiro Heaton.

Arsenal e Leicester encontram caminho das vitórias

O Leicester enfim chegou a sua primeira vitória nesta edição da Premier League. O atual campeão inglês recebeu o Swansea e venceu por 2 a 1. E quem teve a missão de abrir o placar foi justamente o artilheiro Vardy, que marcou aos 32 minutos, após cruzamento de Drinkwater. Já na segunda etapa, o capitão Wes Morgan ampliou após bate-rebate na área. Leroy Fer ainda descontou para o Swansea aos 35 minutos, gerando preocupação à torcida do Leicester, mas o resultado se manteve. O triunfo do Leicester pagou R$ 1,67 e fez o time subir para a nona posição no campeonato, enquanto o adversário caiu para 14º.

Já o Arsenal passou pelo Watford, por 3 a 1, jogando fora de casa.  Os gols foram de Cazorla, Sanchéz e Özil, enquanto Roberto Pereyra descontou. A vitória deu R$ 1,65 por cada real. O saldo de gols rendeu R$ 2,50. Já o Everton derrotou o Stoke por 1 a 0, com gol contra de Given. A vitória pagou R$ 1,67 e levou o time para a oitava posição. O Watford está em 18º, na zona de rebaixamento.

Empates pagam altos lucros

Em um dos grandes confrontos na rodada, Tottenham e Liverpool empataram em 1 a 1 e ficaram no meio da tabela. James Milner abriu o placar de pênaltis aos 43 minutos de jogo para o Liverpool, mas Deni Rose deixou tudo igual aos 27 do segundo tempo. A igualdade no placar rendeu R$ 3,40 para os investidores. Quem acreditou no 1 a 1 faturou R$ 6,50.

Também pela rodada, Southampton e Sunderland empataram em 1 a 1, o que garantiu R$ 4,75 para cada real investido. O mesmo placar se repetiu entre Crystal Palace e Bournemouth, porém o retorno financeiro foi um pouco menor, de R$ 3,30. Com um ponto para cada lado, os dois times ficaram na parte de baixo da tabela.

Outro empate no fim de semana foi entre West Brom e Middlesbrough, que terminou 0 a 0 e gerou R$ 3,10 por cada R$ 1,00. Quem investiu que o placar não seria alterado faturou R$ 6,50. O resultado impediu que as equipes se aproximassem dos líderes.

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar