Ganhador.com

Poker

Quer aprender a jogar poker online na quarentena? Entenda o objetivo do jogo de forma simples e objetiva

Poker Objetivo Guia
AP Images

Nos tempos de quarentena em que vivemos, muitas pessoas procuram modos diferentes de se distrair e esquecer do caos que o mundo vive – por conta da pandemia do coronavírus. Já pensou em aprender a jogar poker? Sabia que é possível se divertir e ainda ganhar dinheiro sem sair de casa nas casas de poker online como o Bodog? Entenda os princípios básicos do jogo de cartas mais popular do mundo!

Veja também

>> A FORÇA DAS MÃOS NO POKER
>> GUIA RÁPIDO DE COMO JOGAR TEXAS HOLD’EM
>> PASSO A PASSO DE COMO JOGAR POKER ONLINE

Saque em

1-2

Dias

R$200

Bônus

+4

Saque em 1-2 - Dias

Saque em

1-2

Dias

100%

ATE

$1,000

Saque em 1-2 - Dias

Saque em

1-2

Dias

Transmissão

ao Vivo

Saque em 1-2 - Dias

Saque em

1-2

Dias

R$150

Bônus

+3

Saque em 1-2 - Dias

Saque em

1-2

Dias

100%

ATE

$600

Saque em 1-2 - Dias

Saque em

1-2

Dias

100%

ATE

$1,000

Saque em 1-2 - Dias

 

Qual o objetivo do poker?

Trata-se de um jogo de cartas dividido em algumas rodadas em que os jogadores fazem apostas – baseado na força de suas cartas. Conforme as rodadas vão avançando, os jogadores e vão colocando o montante de fichas, ou ‘pote’, no centro da mesa.

O objetivo é bem simples: ter uma mão mais ‘forte’ do que os adversários e ganhar o montante que foi apostado por todos naquela rodada. O principal foco quando se senta em uma mesa de poker é ganhar o maior número de ‘potes’ possível para conquistar todas as fichas dos adversários.

A arte o blefe no poker

Eis o que torna o jogo de poker tão imprevisível e emocionante: você não precisa, necessariamente, ter as melhores cartas para vencer a rodada – apenas precisa convencer os adversários que você possui uma sequência maior que a deles para que desistam da rodada.

A ideia quando não se tem uma boa mão é fazer uma grande aposta no momento certo –  para convencer os adversários que está muito forte. Os rivais terão a obrigação de, pelo menos, igualar a sua aposta para continuarem no jogo. Eles precisam sentir que não vale a pena continuar e desistir do ‘pote’ – sacrificando tudo que já foi apostado até o momento. Se todos os adversários desistirem, você fatura todo o montante e não precisa sequer mostrar suas cartas. Esse, meus amigos, é o tão famoso ‘blefe’.

Poker é um jogo de habilidade, não de sorte

Não é a toa que o poker é considerado mundialmente como um esporte. Claro que uma carta bem colocada no momento certo pode contribuir em alguns momentos, mas não é algo determinante para o sucesso de grandes campeões.

O Poker não é um jogo de cartas, é um jogo de pessoas. Independente da modalidade que jogue (vamos falar disto mais para frente), você precisa de habilidade para, ao mesmo tempo, “ler” os seus adversários, para identificar se estão ou não ‘blefando’, e saber lidar com suas próprias emoções quando tiver uma mão muito boa (ou premium).

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar