UFC

Dominick Reyes ameaça o favorito Jon Jones no UFC 248?

Jon Jones e Dominick Reyes se enfrentam no UFC 248
Foto: Divulgação / UFC

A dez dias do retorno de Jon Jones ao octógono para o UFC 247, que acontece em Houston, Texas (EUA), precisamos falar sobre Dominick Reyes, desafiante ao cinturão de Jones. Será que o americano tem uma chance legítima diante do campeão dominante da categoria até 94kg ou será que Jones mais uma vez vai atropelar um adversário de forma impiedosa? Ou será que Jones ao menos terá trabalho assim como teve no grande duelo contra Thiago Marreta?

Saque em

1-2

Dias

R$200

Bônus

+4

Saque em 1-2 - Dias

Saque em

1-2

Dias

100%

ATE

$1,000

Saque em 1-2 - Dias

Saque em

1-2

Dias

Transmissão

ao Vivo

Saque em 1-2 - Dias

Saque em

1-2

Dias

R$150

Bônus

+3

Saque em 1-2 - Dias

Saque em

1-2

Dias

100%

ATE

$600

Saque em 1-2 - Dias

Saque em

1-2

Dias

100%

ATE

$1,000

Saque em 1-2 - Dias

Saiba como apostar no UFC

No Bodog, Jones é favorito com odds que oferecem 20% de lucro, caso o campeão vença, enquanto o possível triunfo de Dominick rende cerca de 350%. É um retorno de R$ 4,50 a cada R$ 1 investido.

Pra começar, vale lembrar que Reyes está invicto na carreira com um cartel perfeito de 12 vitórias em 12 lutas. Dentro do octógono do UFC, o americano acumula seis triunfos consecutivos. Ele estreou em junho de 2017 e de lá para cá bateu todos os rivais que apareceram em seu caminho. Foram três vitórias por nocaute, uma por finalização e duas na decisão dos juízes. Ao todo na carreira, são sete vitórias por nocaute. Em sua última apresentação, o americano nocauteou Chris Weidman no primeiro round. Embora Weidman seja um ex-campeão (dos médios), Reyes fez o que se esperava dele. Invicto, aos 30 anos e embalado, ele era grande favorito. Chris tem nome, mas perdeu cinco das últimas seis lutas. Então embora o triunfo tenha o colocado no mapa e o levado a chance pelo título, não foi me parece o suficiente para apostar na queda de Jones.

Vale citar aqui que um dos golpes mais usados por Reys em suas lutas no UFC é o chute baixo. Te soa familiar? O chute baixo foi a principal arma de Thiago Marreta na luta antológica que quase o fez destronar o campeão. Se Dominick souber usá-la, pode trazer problemas a Jones. Outro ponto a favor de Dominick é o tamanho. Segundo dados do UFC.com, Reyes tem os mesmos 1,93m de altura de Jones, algo que o dono do cinturão não está acostumado a enfrentar.

A verdade é que por mais que Dominick Reyes possa representar algum nível de ameaça a Jones, o campeão é de outro nível. É verdade que ele teve trabalho contra Marreta, mas exatamente por isso espero que ele volte ainda melhor do que foi nas últimas lutas. Ele sabe que chegou muito perto de perder e precisa elevar seu jogo para correr menos riscos, como está acostumado a lutar.

O MMA é sempre uma caixinha de surpresas, mas Jones é um dos maiores de todos os tempos. E por mais que Dominick esteja invicto na carreira, ele ainda não encarou alguém que se aproximasse do calibre de Jones. Difícil apostar contra Jones nessa.

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.