Brasileirão Série A

Flamengo vence o primeiro turno; Palmeiras pula para a vice-liderança; Vladimir e Potker mitam na rodada e no Cartola

Com Golaço de Gabriel, Flamengo segue líder e favorito ao título de Campeão Brasileiro.

Foto: Alexandre Vidal & Paula Reis / Flamengo / Reprodução

O Flamengo confirmou seu favoritismo e levou o título simbólico de “campeão do primeiro turno” ao vencer o Santos por 1 a 0 no Maracanã. Algo que, na prática não significa absolutamente nada, mas que na história do Campeonato Brasileiro, vale muito: desde que a competição passou a ser disputada no formato de pontos corridos, 12 dos 16 vencedores do primeiro turno terminaram campeões da temporada.

O Palmeiras também se aproveitou do tropeço do Peixe e pulou para a vice-liderança após vencer o Cruzeiro, também por 1 a 0 (a terceira vitória seguida sob o comando de Mano Menezes), no Allianz Parque.

E quem usou as estratégias do Cartola para investir na 19ª rodada do Brasileirão se deu bem ao acreditar no ataque e na defesa do Grêmio (3 a 0 sobre o Goiás), no ataque reserva do Internacional, que mitou com Potker, autor de 2 dos 3 gols Colorados em cima do Atlético-MG e no goleiro Vladimir do Avaí que segurou o ímpeto dos reservas do Athletico-PR, na Arena da Baixada, e ajudou a garantir a segunda vitória da equipe catarinense no Brasileirão 2019.

Veja a seguir como foram os principais lances da rodada que fechou o primeiro turno do Brasileirão 2019.

Melhores sites de apostas

Saque em

1-2

Dias

R$200

Bônus

+4

Saque em 1-2 - Dias

Saque em

1-2

Dias

R$200

Bônus

+2 More

Saque em 1-2 - Dias

Saque em

1-2

Dias

Transmissão

ao Vivo

Saque em 1-2 - Dias

Saque em

1-2

Dias

R$777

Bônus

+8 More

Saque em 1-2 - Dias

Saque em

1-2

Dias

R$150

Bônus

+3

Saque em 1-2 - Dias

Saque em

1-2

Dias

100%

ATE

$600

Saque em 1-2 - Dias

Saque em

1-2

Dias

100%

ATE

$1000

Saque em 1-2 - Dias

Saque em

1-2

Dias

100%

ATE

$1,000

Saque em 1-2 - Dias

O sobe-e-desce do G-6

Flamengo 1 x 0 Santos

Flamengo e Santos abriram a 19ª rodada do Campeonato Brasileiro na tarde de sábado, dia 14, no Maracanã. O duelo – apelidado de “final do primeiro turno” – valia a liderança do torneio. Atuando com muita intensidade, os dois times foram a campo de olho nos três pontos e o Urubu começou melhor. Seguro na marcação, o Santos passou a encaixar contra-ataques perigosos e Sasha finalizou com perigo aos 7 minutos, mas a bola explodiu em Rafinha. O Flamengo respondeu com Arrascaeta e Everton Ribeiro e o Peixe devolveu com Soteldo, mas nada de sair gol no primeiro tempo até que Sasha perdeu a bola aos 43 minutos e armou um excelente contra-golpe para os donos da casa que abriram o placar com gol que foi uma verdadeira pintura de Gabriel – fazendo valer a Lei do Ex: 1 a 0 Flamengo.

O Flamengo começou melhor o segundo tempo e quase ampliou com Gabigol e Everton Ribeiro. Pouco a pouco o Santos se reencontrou em campo mas, apesar da intensidade, não conseguia criar chances reais de perigo ao gol de Diego Alves.

No balanço geral, um bom jogo, digno de candidatos ao título que garantiu ao Flamengo o título simbólico de campeão do primeiro turno, deu um lucro de R$ 1,66 por R$ 1,00 para quem seguiu nossas dicas de apostas e derrubou o Peixe para a terceira colocação porque, no segundo jogo da rodada, Mano Menezes chegou à sua terceira vitória como treinador do Palmeiras.

Palmeiras 1 x 0 Cruzeiro

Palmeiras e Cruzeiro não foi um grande duelo com duas equipes apostando na ofensividade como foi Flamengo e Santos. Ao contrário: mais pegado na marcação, o jogo teve poucos lances bonitos, muita disputa de bola e um placar que reflete bem a partida. O gol da vitória veio aos 45 minutos do primeiro tempo com Bruno Henrique aproveitando bobeada de Cacá e Éderson na grande área. Como havia prometido após a goleada por 4 a 1 sofrida diante do Grêmio, Rogério Ceni mudou o Cruzeiro, mas sem efeito prático. O time continuou com os mesmos problemas que tinha na “Era Mano Menezes”.

Acostumado a golear por 1 a 0, Mano Menezes aumentou o volume de jogo do Palmeiras no segundo tempo, mas gol que é bom, nada – apesar das tentativas de Dudu e Scarpa. O Cruzeiro por sua vez, melhorou um pouco a parte de criação, mas era ineficaz na missão de agredir a defesa alviverde. No final um resultado que foi de encontro às nossas dicas de apostas e deu um retorno de R$ 1,44 por R$ 1,00, mandou o Verdão para a vioce-liderança do Brasileiro e uma boa pontuação no Cartola para quem acreditou na defesa do Verdão. Para o Cruzeiro, o estrago foi grande: com o resultado do jogo entre Fluminense x Corinthians, a Raposa voltou para o Z-4.

Fluminense 1 x 0 Corinthians

Como era de se esperar, Fluminense e Corinthians fizeram um jogo imprevisível, decidido nos detalhes (e no frango de Cássio) e com poucas emoções reais. Sofrendo do velho problema de falta de criatividade, o Timão exercia certo domínio sobre o Fluminense, mas apesar da boa movimentação do jovem Janderson, falhava miseravelmente na hora de concluir e só foi perigoso mesmo em bolas alçadas na área para tentativas de Gustavo e Gil.

Como não tem nada a ver com isso, o Fluminense abusou da cautela, travou o jogo e no chute de Ganso no final do primeiro tempo decidiu a partida – com grande ajuda de Cássio que falhou grosseiramente no lance.

Fábio Carille mexeu para o segundo tempo, adiantou a marcação, mas não conseguiu romper o bloqueio defensivo do Flu que somou três pontos, saiu do Z-4, derrubou nossas dicas de apostas e acabou com a invencibilidade de 14 jogos do Corinthians que caiu da quarta para a quinta colocação no torneio.

São Paulo 1 x 1 CSA

Como imaginamos, São Paulo x CSA não foi um jogo fácil para o Tricolor que amassou os visitantes durante todo o primeiro tempo no Morumbi, mas sem sucesso na missão de abrir o placar. Com isso o time alagoano voltou mais ligado para o segundo tempo e guardou o seu com Bustamante aos 9 minutos da etapa final. Com a vantagem no placar, o CSA fechou-se na defesa e segurou as investidas dos donos da casa até os 41 minutos do segundo tempo quando Daniel Alves bateu falta para a área do adversário e Reinaldo, aproveitando o rebote, mandou para o fundo do gol. Com o empate em 1 a 1, o Tricolor caiu para a sexta colocação, chegou ao quarto jogo jogo seguido sem vitórias, por pouco não cumpriu nossa dica de aposta em um jogo com mais de 2 gols e ainda aguentou novo protesto da torcida (algo rotineiro no Morumbi nas últimas temporadas).

Atlético-MG 1 x 3 Internacional

Pensando na final da Copa do Brasil, o Internacional mandou um time reserva paro o Estádio do Horto enfrentar o Atético-MG – que pensa na semifinal da Copa Sul-Americana – na matinê do Brasileirão no domingo, dia 15. Parecia o jogo perfeito para o Galo se recuperar de uma série de quatro derrotas seguidas. Mas não foi isso o que aconteceu: Em grande manhã de Potker (que marcou dois gols) o Colorado massacrou o Galo, fez a alegria de quem apostou em seu ataque no Cartola, deu um retorno de R$ 5,25 por R$ 1,00, subiu para a quarta colocação no Brasileirão e ainda aumentou para cinco a sequência de jogos sem vitórias que deve mergulhar o Atlético-MG em uma crise comparável à do Cruzeiro. E, pior de tudo: esculhambou com nossos palpites para este jogo.

 

Como foram os demais jogos

Chapecoense 1 x 2 Vasco

Chapecoense e Vasco fizeram um jogo equilibrado na Arena Condá pela 19ª rodada do Brasileirão e o Cruz-maltino conseguiu um resultado importante em seu objetivo principal nesta temporada: ficar fora do Z-4. A Chape, por sua vez, segue afundada na vice-lanterna. Os visitantes saíram na frente ainda no primeiro tempo com gol de Ribamar – em sua primeira partida como titular após ser reintegrado ao elenco depois de um período treinando em separado. Com a vantagem, o time se fechou na defesa e tentou administrar o resultado. Estratégia que deu certo até os 27 minutos do segundo tempo quando Arthur deixou tudo igual. Mas não deu tempo de comemorar: aos 28 Talles Magno, jóia do Vasco, fez o segundo, decretou a derrota da Chape, confirmou nossa dica de aposta (e deu um bom lucro) e, de quebra, colocou a equipe de São Januário dentro da zona de classificação para a Sul-Americana de 2020.

Grêmio 3 x 0 Goiás

Em seu aniversário de 116 anos, o Grêmio não teve problemas para engolir o Goiás em Porto Alegre e, diante de sua torcida, precisou de apenas 45 minutos (os primeiros) para fazer o placar com Jean Pyerre, Everton e Alisson ao som de “parabéns pra você”. No segundo tempo o time de Renato Gaúcho apenas administrou o placar, confirmou o favoritismo, deu um retorno de R$ 1,30 por R$ 1,00, subiu três posições na classificação e, 8º colocado com 28 pontos, encostou no G-6. Nada mal, mesmo.

Bahia 1 x 1 Fortaleza

O Fortaleza do técnico Zé Ricardo conseguiu parar o bom desempenho doméstico do Bahia e além de avacalhar com os odds – e nossas dicas – que davam um grande favoritismo aos donos da casa, segurou um empate que, no final de tudo, é ruim para ambos os times. Os visitantes saíram na frente, aos 9 minutos com Felipe Pires. Aos 13, em cobrança de pênalti, Gilberto deixou tudo igual. E foi só. Com  a marcação bem encaixada, o Fortaleza não deu espaços ao Bahia que no final teve que se contentar com um jogo morno no segundo tempo e um placar final ruim para as ambições das duas equipes.

Ceará 0 x 0 Botafogo

Mesmo sem ter o domínio da posse de bola – que ficou em 53% a 47% para o o Botafogo – o Ceará foi mais objetivo no duelo de alvinegros no fechamento do primeiro turno do Campeonato Brasileiro mas acabou sendo frustrado pelo excelente desempenho da defesa carioca que conseguiu evitar que qualquer uma das 26 finalizações dos donos da casa – 6 em direção ao gol – virasse vantagem real. No final, assim como aconteceu em Bahia x Fortaleza, um empate ruim para as duas equipes e para nossas dicas de apostas.

Athletico-PR 0 x 1 Avaí

Poupando os titulares para o jogo de volta da final da Copa do Brasil contra o Internacional na próxima quarta-feira, o Athletico-PR mais uma vez apostou em seus reservas no Brasileirão. Desta vez, porém, não deu certo e o Avaí, que segue na lanterna, conquistou sua segunda vitória na competição. O gol foi marcado por Jonathan ainda no primeiro tempo – um lindo chute no ângulo de Leo que nada pôde fazer. A partir daí só deu Furacão no restante do primeiro tempo e durante toda a segunda etapa, mas o empate não veio, ora por culpa de erros nas finalizações, ora por conta do excelente desempenho do goleiro Vladimir que fez pelo menos três defesas difíceis e impediu a vitória dos donos da casa e o sucesso de nossas dicas para este jogo.

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar