Ganhador.com

Brasileirão Série A

Abel Braga é a aposta do Cruzeiro para acalmar o elenco e vencer o Goiás na 22ª rodada do Brasileirão

Sonho da diretoria desde a saída de Mano Menezes, Abel Braga chega ao Cruzeiro com a missão de controlar o vestiário e salvar a equipe do rebaixamento

Foto: Fluminense/Divulgação/Reprodução

Enquanto Rogério Ceni saia por uma porta, Abel Braga entrava por outra na Toca da Raposa. Cedendo à pressão dos jogadores – e apostando na boa relação do treinador com Thiago Neves –, a diretoria do Cruzeiro enxerga no veterano treinador sua melhor arma para evitar uma queda à Série B do Campeonato Brasileiro. Abel, que teve uma passagem bastante criticada pelo Flamengo (que, nunca é demais lembrar, está “voando baixo” sob o comando de Jorge Jesus), colocará à prova toda sua experiência e jogo de cintura para apagar os incêndios que ardem nos bastidores do clube e motivar um elenco de jogadores veteranos que mandam prender e soltar sob os olhares passivos de uma diretoria apática que, com o pires na mão, procura receitas para acertar salários e acalmar os ânimos.

E a missão de resgate comandada por Abelão começa difícil: a Raposa enfrentará o Goiás no Serra Dourada na próxima segunda-feira, dia 30. Embora não faça um Brasileirão brilhante, o Esmeraldino é forte em sua casa e vem conquistando pontos importantes também fora – como na vitória por 1 a 0 sobre o São Paulo, no Morumbi, pela 21ª rodada do Brasileirão. Por conte de todo este contexto, as principais casas de apostas dão odds muito equilibrados entre os dois times,

Saque em

1-2

Dias

R$200

Bônus

+4

Saque em 1-2 - Dias

Saque em

1-2

Dias

100%

ATE

$1,000

Saque em 1-2 - Dias

Saque em

1-2

Dias

Transmissão

ao Vivo

Saque em 1-2 - Dias

Saque em

1-2

Dias

R$150

Bônus

+3

Saque em 1-2 - Dias

Saque em

1-2

Dias

100%

ATE

$600

Saque em 1-2 - Dias

Saque em

1-2

Dias

100%

ATE

$1,000

Saque em 1-2 - Dias

Goiás (R$ 2,60) x (R$ 2,80) Cruzeiro

Goiás e Cruzeiro se enfrentam nesta segunda-feira, dia 30, a partir das 20 horas no estádio Serra Dourada em duelo que fecha a 22ª rodada do Campeonato Brasileiro e que marcará a estreia do técnico Abel Braga no comando da Raposa após a demissão de Rogério Ceni, o Breve.

 

Como o Cruzeiro irá para o jogo?

É evidente que com apenas dois dias de trabalho, Abel Braga não conseguirá mudar muita coisa do Cruzeiro. Mas é de se esperar que Thiago Neves – estopim da demissão de Ceni – e Fred, atletas que tiveram bons trabalhos sob o comando de Abelão no Fluminense e que não estavam em boa conta com Ceni, voltem a ser “protagonistas” dentro da equipe. Resta saber se a postura de “paizão” que o novo treinador tem e a relação de “amizade” com os medalhões será o suficiente para que eles joguem o futebol que podem e não a “bolinha” que mandou a Raposa direto para a parte de baixo da tabela do Brasileirão desde as primeiras rodadas do torneio.

 

Sem favoritos, Goiás leva vantagem

“Favoritismo” é algo muito relativo no encontro entre Goiás e Cruzeiro. Prova disso são os odds que apontam uma diferença de apenas R$ 0,20 para a vitória de um ou de outro. Jogando em casa, o Goiás tem alguma vantagem – principalmente porque este será um jogo de torcida única por questões de segurança. O desempenho do Esmeraldino no Serra Dourada não é dos piores: dos 30 pontos disputados em casa, conquistou 19 com seis vitórias, um empate e três derrotas. Seu ataque marcou 15 gols e a defesa sofreu nove. Pelo Campeonato Brasileiro, a equipe vem de duas vitórias seguidas: 3 x 0 contra o Fluminense e 1 x 0 em cima do São Paulo (curiosamente, outras duas equipes que perderam seus técnicos na 21ª rodada do torneio).

 

Veteranos podem decidir para o Cruzeiro

Sem tempo para promover grandes mudanças – e a julgar pelo seu trabalho no Flamengo, não devemos esperar por “grandes mudanças” – Abel Braga apostará na experiência dos (muitos) veteranos de seu elenco para definir o duelo da próxima segunda-feira à favor do Cruzeiro. Tendo a necessidade de “dar uma resposta” em campo e mostrar que eles, jogadores, estavam certos em questionar Rogério Ceni e pressionar por sua saída, é possível que o time dê aquele 1% à mais neste jogo e mostre um pouco mais de brio – o que não deve ser lá muito difícil diante da apatia da equipe nos últimos jogos. Isso pode dar ao Cruzeiro uma chance de vitória no Serra Dourada, mas o “favoritismo” segue com os donos da casa.

 

Melhor palpite para Goiás x Cruzeiro

A lógica diz que o melhor para este jogo é acreditar na vitória dos donos da casa que, além do bom desempenho doméstico, vivem um momento menos conturbado e têm o time mais organizado por conta de um trabalho de maior duração. O Cruzeiro deverá entrar em campo tentando se encontrar e apostando muito mais na experiência de seus jogadores do que nas disposições táticas de seu técnico – é a velha história do “trocar o pneu com o carro em movimento”. Na emoção do futebol, este tipo de troca de comando costuma gerar um efeito positivo no elenco que, no início, responde bem dentro de campo. Com tantas variáveis, embora a aposta na vitória do Goiás seja nos números a melhor escolha, pessoalmente evitaria cravar um vencedor e investiria em um jogo com mais de dois gols a R$ 1,71 segundo o Bodog.

Aproveite também para conferir aqui nossas dicas para os demais jogos da rodada e veja aqui como as estratégias do Cartola podem ser úteis na hora de planejar suas apostas no Brasileirão.

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar