Ganhador.com

Copa do Brasil

Quartas de final – ida: Cruzeiro e Corinthians vencem e saem na frente de Santos e Chapecoense; Grêmio e Flamengo ficam no empate em Porto Alegre

Na estreia de Cuca, Santos joga melhor mas cede a vitória ao Cruzeiro; Corinthians faz sua melhor partida com Osmar Loss enquanto que Grêmio e Flamengo não passam do 1 a 1 na Arena.

Fotos: Ivan Storti/Santos FC; Gilvan de Souza/Flamengo; ADRIANA SPACA/FramePhoto/AGÊNCIA O GLOBO/Reprodução

Visitante indigesto, o Cruzeiro, venceu o Santos por 1 a 0 em plena Vila Belmiro na estreia de Cuca como técnico do Peixe; no Itaquerão, Romero marca novamente e garante ao Corinthians a vitória diante da Chapecoense enquanto que Grêmio e Flamengo ficaram no 1 a 1 em Porto Alegre. Bahia e Palmeiras fecham hoje a rodada de ida dos jogos das quartas de final da Copa do Brasil a partir das 19:15 na Arena Fonte Nova com transmissão do SporTV.

Com o final do “gol qualificado” nesta edição da Copa do Brasil, Cruzeiro e Corinthians garantiram uma importante vitória diante de Santos e Chapecoense que lhes permitirá jogar pelo empate nos duelos de volta das quartas de final da Copa do Brasil no próximo dia 15. O Grêmio, por sua vez, saiu na frente, mas bobeou no final do segundo tempo e permitiu ao Flamengo o empate que deixa os dois times em condições de igualdade para o jogo decisivo no Maracanã, também no próximo dia 15.

 

Estão em vantagem

Santos 0 x 1 Cruzeiro

No jogo que marcou a estreia do VAR (árbitro de vídeo) na Copa do Brasil e de Cuca no Santos, os donos da casa, mesmo jogando melhor, foram castigados por Raniel que marcou para a Raposa aos 35 minutos do segundo tempo e garantiu ao Cruzeiro a vantagem de jogar pelo empate no duelo decisivo dia 15 no Mineirão.

Sem poder contar com os reforços Carlos Sánchez, Bryan Ruiz e Derlis González (que não estão inscritos para a Copa do Brasil), o Santos mostrou alguma evolução em seu posicionamento mas tendo Alisson, Renato e Pituca no meio-campo faltou criatividade para furar a bem-armada defesa do Cruzeiro de Mano Menezes. Como resultado, tivemos apenas uma chance clara de gol, com Arrascaeta chutando em cima de Vanderlei aos 37 minutos do primeiro tempo.

No segundo tempo os donos da casa voltaram melhor, mas Rodrygo, Gabigol e Bruno Henrique falharam nas finalizações – a melhor delas aos 33 minutos, ficou nas mãos de Fábio que defendeu chute certeiro de Gabigol. Dois minutos depois, o castigo: no único bom ataque do Cruzeiro na etapa final, Raniel, que acabara de entrar, girou em cima de David Braz e mandou para o fundo do gol, sem chances de defesa para Vanderlei.  Antes disso, aos 11 minutos, o VAR deu o ar de sua graça confirmando a decisão do árbitro Wilton Pereira Sampaio (GO) que não marcou pênalti de Lucas Romero em Gabigol.

Embora tenha sido um resultado ruim, o desempenho do Santos sob nova direção dá ao torcedor algum alento e a esperança de devolver o placar no Mineirão – o que levaria a decisão da vaga para os pênaltis.

Corinthians 1 x 0 Chapecoense

Jogando em Itaquera e vindo de uma boa sequência de resultados no Brasileirão – em quatro jogos no pós-Copa, foram três vitórias e apenas uma derrota –, o Corinthians manteve seu histórico contra a Chapecoense – agora são nove jogos disputados entre as duas equipes, e nenhuma derrota do Timão – e ainda quebrou o tabu de jamais ter vencido a Chape jogando em casa (foram três empates no Itaquerão).

Em seu melhor primeiro tempo sob o comando de Osmar Loss, o Corinthians saiu na frente com Romero aproveitando passe de Pedrinho que havia recebido o lançamento longo de Cássio após cobrança de escanteio, aos cinco minutos. Foi o sexto gol do paraguaio em três jogos consecutivos. E ainda cabia mais: aos 28 minutos, Pedrinho carimbou o travessão de Jandrei e quase ampliou.

Desorganizada e sem forças para furar a defesa do Timão, a Chapecoense só levou perigo aos 43 minutos após cobrança de falta de Bruno Pacheco que Cássio precisou se esticar para espalmar.

Logo aos dois minutos do segundo tempo, Jadson assustou em cobrança de falta que Jandrei espalmou. Parecia que os donos da casa seguiriam em cima do Verdão e ampliariam, mas o gás alvinegro acabou e a Chapecoense passou a ter mais posse de bola, porém sem objetividade. Exceto por um chute de Eduardo defendido por Cássio aos 19 minutos, pouco fez para ameaçar a defesa alvinegra.

Loss “fechou” o time e ainda promoveu a estreia do recém-chegado Ángelo Araos que por muito pouco não deixou o dele nos acréscimos – o chute, defendido por Jandrei ainda bateu no travessão.

Com o resultado, o Timão joga por um empate no próximo dia 15 para se garantir na semifinal da Copa do Brasil onde enfrentará o vencedor de Cruzeiro e Santos.

 

Tudo igual em Porto Alegre

Grêmio 1 x 1 Flamengo

Com 14 finalizações, o Grêmio foi largamente superior ao Flamengo durante toda a etapa inicial no primeiro jogo entre as equipes pelas quartas de final da Copa do Brasil. Os donos da casa abriram o placar com Luan, aos 37 minutos, após tabela de Léo Moura com Ramiro e seguiram pressionando. Mas no segundo tempo, tudo mudou.

Melhor posicionado e mais ligado, o Rubro-Negro voltou do intervalo apertando a defesa do Tricolor – que terminou a partida com as mesmas 14 finalizações que havia dado nos primeiros 45 minutos. A pressão dos visitantes surtiu efeito – para ira de Renato Gaúcho que poupou os titulares na última rodada do Brasileirão de olho especificamente neste duelo.

Precisando do resultado, Maurício Barbieri promoveu a estreia de Vitinho – que se apresentou à torcida do Flamengo no último domingo – aos 16 minutos do segundo tempo no lugar de Marlos. O time seguia mais insinuante e perdeu boas chances com Paquetá e Diego. Aos 48 minutos, a recompensa: Lincoln que havia entrado no lugar de Uribe, recebeu de Renê e mandou para o fundo do gol de Marcelo Grohe.

O resultado deixa tudo igual entre as duas equipes que decidirão a vaga no próximo dia 15 no Maracanã. Quem vencer, fará a semifinal contra o vencedor do duelo entre Bahia e Palmeiras que fazem hoje o jogo de ida a partir das 19:15, na Arena Fonte Nova, com transmissão do SporTV.

Ainda esperando pela chegada de Luiz Felipe Scolari, o Palmeiras será dirigido pelo interino Paulo Turra, auxiliar de Felipão que trabalha com o elenco alviverde desde segunda-feira.

 

PALPITES E RESULTADOS PARA OS JOGOS DE IDA DAS QUARTAS DE FINAL DA COPA DO BRASIL 2018

Quarta-feira, 1º de agosto

  • 19:30 – Santos 0 x 1 Cruzeiro
  • 21:45 – Corinthians 1 x 0 Chapecoense
  • 21:45 – Grêmio 1 x 1 Flamengo 

Quinta-feira, 2 de agosto

  • 19:15 – Bahia (R$ 2,88) x Palmeiras (R$ 2,40); empate (R$ 3,05) – Palpite: Palmeiras

Comentários

2 Comentários

2 Comentários

  1. Pingback: Série A, 17ª rodada: Corinthians x Atlético-PR | Ganhador.com

  2. Pingback: Derrota hoje pode derrubar Loss no Timão | Ganhador.com

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar