Amistosos

Palmeiras planeja pausa para a Copa do Mundo e sequência das competições no segundo semestre

Palmeiras
Foto: Cesar Greco/Ag Palmeiras/Divulgação

Como parte da programação, Verdão se exibirá três vezes na América Central

Somente Miguel Borja tem uma agenda diferente do restante do plantel palmeirense. Isso porque o colombiano foi convocado por José Pékerman para representar seu país na Copa do Mundo. Depois do empate com o Flamengo pela Série A, o restante do elenco ganhou doze dias férias para recarregar as baterias para o segundo semestre. Confira as últimas notícias.

 

O calendário

O Palmeiras dividiu sua preparação em três: folga geral, excursão e treinos em São Paulo. A folga de doze dias começou logo após o jogo com o Flamengo que terminou 1 a 1 pelo Brasileirão. O departamento técnico preparou uma cartilha com recomendações individuais a cada jogador. Foi pedido nada de excessos.

Antônio Carlos, Keno, Diogo Barbosa, Fernando Prass e Guerra continuam fazendo tratamento no departamento médico. A expectativa é que todos estes se encontrem à disposição de Roger Machado para a viagem internacional. A única exceção é Guerra, cuja lesão foi mais grave.

Uma baixa no grupo é Fernando. Os cartolas o negociaram para o Shakhtar Donetsk ucraniano. Pela transação, cerca de R$ 21 milhões devem entrar no cofre do Palestra.

Nos bastidores, o setor jurídico trabalha para tentar resolver o caso Gustavo Scarpa, que atualmente continua vinculado ao Fluminense. Já parte do gramado da Allianz Arena precisou ser substituída.

 

Torneo pela Paz de Colón

No último dia 06, foi realizada uma conferência de imprensa para divulgar a competição. Será um quadrangular com duas rodadas. Quem somar mais pontos será declarado campeão. No dia 30, o Palmeiras pega o Árabe Unido, anfitrião. No dia 04 de julho, o adversário será o Independiente de Medellín, da Colômbia. O outro participante será o Costa de Leste, da Cidade do Panamá.

Palmeirenses que moram no Panamá ou torcedores que pretendem acompanhar a delegação já podem comprar ingressos online. Cada bilhete custa US$ 10.00.

Os jogadores do Verdão darão clínicas para crianças em Colón, cidade onde serão disputadas as pelejas.

Nunca antes na história o Palmeiras se exibiu neste país.

 

Amistoso em Costa Rica

Depois do Panamá, o Palmeiras desembarca em Costa Rica onde pega o Alajuelense em partida amistosa, dia 09. O rubro-negro rivaliza com o Deportivo Saprissa a hegemonia do futebol local. Este será o terceiro amistoso de pré-temporada dos costarriquenhos, que terão enfrentado antes o Rosario Central e o Cartaginés.

Se o Palmeiras tem Miguel Borja com a Seleção Canarinho, os Manudos contam com dois atletas na Rússia: o goleiro Patrick Pemberton e o zagueiro Kenner Gutiérrez.

O Verdão volta a Costa Rica pela primeira vez desde 1963. Na ocasião, derrotou o Sarprissa por 3 a 0. Em 1952, o Porco também esteve no país e derrotou o Orion (2 a 1) e o Saprissa (também 2 a 1) para ficar com a Taça Ribeiro de Carvalho e com a Taça Presidente da República.

 

Na agenda

Em seu retorno a São Paulo, o primeiro compromisso do Porco será o clássico contra o Santos pelo Campeonato Brasileiro, no dia 19 de julho. Até o fim do mês, só haverá jogos pela liga.

Em agosto, começam os mata-matas decisivos pela Copa do Brasil e pela Taça Libertadores da América. Na competição sul-americana, o rival será o Cerro Porteño. Pela torneio nacional, o oponente sairá da chave entre Bahia e Vasco da Gama.

 

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar