Ganhador.com

Humor

Paixão Nacional: Muito perto?

O Campeonato Brasileiro está em sua segunda rodada após a pausa para a Copa do Mundo e as emoções seguem crescendo. O São Paulo, que fez uma temporada medonha em 2017 e teve um primeiro semestre pouco animador – principalmente no Campeonato Paulista (apesar de ter conseguido chegar à semifinal) – veio de maneira constante subindo de degrau em degrau até reduzir, no confronto direto (jogando no Maracanã) a vantagem que o Flamengo tinha na liderança do campeonato para 1 ponto.

Neste sábado os dois times enfrentaram rivais tradicionais, em clássicos estaduais, e com as vitórias sobre Botafogo e Corinthians seguem sobrando no topo da competição com 30 e 29 pontos.

A combinação de resultados colocou o Cruzeiro – outra equipe que se mantém regular na competição – na terceira colocação com 24 pontos e podendo ser ultrapassado pelo Internacional, que voltou da Série B nesta temporada e com 23 pontos, pode chegar aos 26 se vencer o lanterna Ceará esta noite no Beira-Rio em Porto Alegre. Curiosamente, das quatro equipes que subiram para a Série A no final de 2017, o Colorado é o único que está fora do Z-4. América-MG, Paraná e Ceará estão nas últimas posições, acompanhados pelo Atlético-PR que não se encontra em campo mesmo após a demissão de Fernando Diniz.

E enquanto isso, o São Paulo segue “bufando” no cangote do Flamengo, incomodando o Urubu e deixando claro que pode assumir a liderança. Tendo pela frente ainda confrontos contra Grêmio e Cruzeiro nas próximas duas rodadas, o Tricolor dirá ao final da 16ª rodada o que ambiciona de verdade nesta temporada: título, G-4, G-6 ou sul-americana.

Ao Flamengo, resta aguentar a pressão de seu caçador e o peso de ter um time caro que falha no momento em que precisa definir-se candidato ao título.

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar