Ganhador.com

Copa do Brasil

O Atlético-MG abriu 2018 (muito) por baixo do Cruzeiro. Hoje é o dia de começar a tentar virar este jogo!

Atlético Mineiro 2018
Foto: Bruno Cantini / Atlético

Rivalidade de Minas promete um ano histórico. Para não ficar por baixo, Galo deve golear adversário semiprofissional na estreia da Copa do Brasil            

Talvez o Cruzeiro seja o clube que tenha começando a temporada 2018 vivendo a maior euforia junto à sua torcida. Contando com um time estrelado e com o presidente falando que a meta é a conquista do Mundial de Clubes, o clube celeste foi abraçado pelo seu fanático de uma forma que há muito não se via. A média de público cruzeirense neste começo de ano beira os 40 mil torcedores, e o Atlético-MG, sempre orgulhoso de sua massa, está em xeque. O revide já tem dia e hora para começar a acontecer: na Arena da Floresta, no Acre, a equipe alvinegra enfrenta o Atlético-AC na estreia da Copa do Brasil – torneio que cabe ao Galo neste começo de ano, enquanto vê o Cruzeiro como candidato ao título da Libertadores…

 

Vantagem do empate

O regulamento da Copa do Brasil é bem simples neste começo: o Atlético-AC tem o mando de campo, mas precisa vencer. Caso haja empate, o Galo avança à segunda fase.

O jogo de hoje não é uma partida qualquer para o time de Belo Horizonte – tanto que o técnico Oswaldo de Oliveira revezou titulares e reservas no começo de Campeonato Mineiro justamente para a equipe chegar na melhor condição possível para o duelo de hoje.

Atual bicampeão estadual e com vaga na Série C, o Atlético-AC vive um dos melhores momentos da sua história. Mas é uma equipe apenas esforçada, cujos jogadores têm outras ocupações durante o dia. Mesmo assim, é de se imaginar que o técnico Álvaro Miguéis e os atletas do Atlético-AC guardem para sempre a possibilidade de medir forças contra um gigante como o xará mineiro. Os titulares nesta noite devem ser: Raphael Barrios; Matheus Damasceno, João Marcus, Diego e Jeferson; Leandro Jucá, Kássio, Ancelmo; Polaco, Araújo Jordão e Rafael Barros.

Já o Atlético-MG deve colocar no banco os armadores Bruninho e Tomás Andrade. A equipe titular deve ser escalada com: Victor; Samuel Xavier, Leonardo Silva, Gabriel e Fábio Santos; Arouca, Cazares, Bruno Roberto e Otero; Ricardo Oliveira.

Que ninguém espere um Galo dos mais ambiciosos neste 2018. Segundo o presidente do clube, Sérgio Sette Câmara, a meta do clube na temporada é a redução de dívidas e a manutenção do salário do grupo e da comissão técnica.

 

Coxa e Vozão

Além do sempre chamativo Atlético-MG, outros dois times merecem bastante atenção na jornada desta quarta (7) na Copa do Brasil.

Um deles é o Coritiba, que abre a sua temporada nacional de 2018 mergulhado em uma grande melancolia. Rebaixado para a Série B, a equipe é a grande favorita diante do Paranahyba, às 19h30 (de Brasília). E a esperança de gols é uma vez mais o experiente Kléber Gladiador, que deve ser o líder em campo que o novo técnico Sandro Forner espera. O Coritiba tem a vantagem do empate.

Para contrastar com o desânimo do Coxa, o Ceará, de volta à Série A, dá seus primeiros chutes na agradável condição de time de elite às 21h45 (de Brasília) no outro lado do país, em Brusque, Santa Catarina, contra a equipe da casa.

O Vozão, como é conhecido, está encarando a Copa do Brasil como uma das suas prioridades neste ano. Depois de tanto tempo longe da Série A, a ideia do Ceará é fazer o melhor papel possível, desde as primeiras rodadas, para a equipe pegar a bagagem necessária para se manter entre os 20 principais times do país ao final desta temporada.

Um adversário que vai precisar ser combatido é o cansaço. O Ceará nem bem terminou o clássico vencido por 2×0 sobre o Fortaleza e já viajou para Santa Catarina.

O técnico Marcelo Chamusca pretende manter os 11 titulares que ganharam a partida pelo Estadual – há possibilidades de contar também com o meia Wescley, o meia Juninho e o atacante Arthur. O Ceará tem a vantagem do empate. Ao Brusque, resta também a vitória para fazer valer o seu mando de campo.

 

Jogos da 1ª fase da Copa do Brasil

Quarta-feira, 7 de fevereiro

  • 16:00 – Ceilândia x Avaí – Palpite: Avaí
  • 16:30 – Atlético Itapemirim x Remo – Palpite: Remo
  • 17:00 – Altos x Atlético-GO – Palpite: Atlético-GO
  • 19:30 – Paranahyba x Coritiba – Palpite: Coritiba
  • 19:30 – Santos-AP x Sport – Palpite: Sport
  • 19:30 – Globo x Vitória – Palpite: Vitória
  • 19:30 – São Caetano x Criciúma – Palpite: Empate
  • 20:30 – Cianorte x ABC – Palpite: ABC
  • 21:30 – Ferroviário x Confiança – Palpite: Ferroviário
  • 21:30 – Corumbaense x ASA – Palpite: Empate
  • 21:30 – União Rondonópolis x CRB – Palpite: CRB
  • 21:45 – Atlético-AC x Atlético-MG – Palpite: Atlético-MG
  • 21:45 – Brusque x Ceará – Palpite: Ceará
  • 22:30 – Manaus x CSA – Palpite: CSA
  • 22:30 – São Raimundo x Vila Nova – Palpite: Vila Nova

 

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar