Copa Libertadores

Libertadores: campanha do Cerro Porteño no Grupo 1 obriga o Grêmio a vencer o Monagas; entenda

Palpites Grêmio
FOTO: LUCAS UEBEL/GREMIO FBPA

Paraguaios têm 100% de aproveitamento na chave; após o empate na estreia contra o Defensor, Tricolor segue com um ponto na tabela

O campeão voltará para casa. Nesta quarta-feira (04), o Grêmio retorna a sua arena para um jogo de Copa Libertadores da América, após o primeiro jogo da final do ano passado contra o Lanús (ARG). O desfecho desta história, todo mundo sabe como foi: o tricampeonato do Tricolor. Pela 2ª rodada do Grupo 01, os comandados de Renato Gaúcho terão um adversário teoricamente simples. Trata-se do Monagas (VEN), que perdeu (2 a 0), em seus domínios, para o Cerro Porteño (PAR) na rodada inaugural, enquanto a equipe brasileira, na condição de visitante, ficou no empate (1 a 1) contra o Defensor (URU).

 

Ameaça paraguaia

Aliás, a campanha do Ciclón de Barrio Obrero impressiona e já traz preocupação aos gaúchos. Com 100% de aproveitamento, o Cerro, que bateu a La Violeta por 2 a 1, na abertura da segunda rodada, em Assunção, já ocupa a liderança isolada da chave com seis pontos. Tal situação obriga os gremistas a venceram a representação venezuelana amanhã (04), às 19h15 (horário de Brasília), em Porto Alegre.

Em caso de derrota ou empate, em casa, resultados muito abaixo da expectativa para o tricampeão da Libertadores, o Tricolor seguiria na segunda colocação, limite para a classificação rumo às oitavas de final. O problema é que os gaúchos encaram o gigante paraguaio na próxima rodada, no estádio La Olla Azulgrana, em partida marcada para o dia 17 deste mês. Por isso, é fundamental garantir os três pontos contra o modesto Monagas.

 

Renato deve poupar alguns titulares

Em tese, o Grêmio pode ir a campo com força máxima diante dos Azulgranas, já que nenhum jogador do elenco está suspenso. Além disso, o Tricolor abriu uma boa vantagem no primeiro jogo da decisão do Estadual contra o Brasil de Pelotas. No último domingo (01), na capital gaúcha, o Imortal goleou o Xavante por 4 a 0. Como a Copa Libertadores da América é a prioridade na temporada, haveria até a possibilidade de poupar alguns atletas na segunda partida da decisão regional, no estádio Bento de Freitas.

Contra o Brasil, o Grêmio utilizou a seguinte formação: Marcelo Grohe; Léo Moura, Geromel, Kannemann e Cortez; Arthur, Maicon, Ramiro, Luan e Everton; Jael. De acordo com Renato Gaúcho, a escalação dependerá do resultado da avaliação física dos atletas. Porém, dois jogadores em especial devem receber um descanso nesta quarta. Um deles é Léo Moura, de 39 anos, que tem tudo para ser substituído por Madson. O outro é o capitão Maicon, que vem em uma longa sequência no time e pode ceder a vaga para Jaílson. Porém, o mistério deve seguir até instantes antes do confronto.

 

O que esperar do Monagas

Mas é bem difícil que o Grêmio perca para o modesto Monagas. Além da derrota, em casa, para o Cerro Porteño, na estreia da Libertadores, o time ocupa apenas a 17ª colocação do combalido Campeonato Venezuelano, em uma campanha que contempla apenas um triunfo em nove partidas disputadas. Em situação muito difícil, a Venezuela segue com suas disputas esportivas a duras penas.

Mesmo com a hipotética fragilidade do adversário, jogadores gremistas como Arthur pregam respeito ao oponente. Ele disse, inclusive, que está no aguardo das informações da equipe de Maturín, colhidas pelos profissionais de análise de desempenho do Grêmio, e que os titulares não querem descanso, pois sabem da necessidade e também da oportunidade de dar um gás no saldo de gols.

 

Palpite

O dever de casa do Grêmio foi cumprido com sobras. Além da boa vantagem na final do Gaúchão, o Tricolor encara uma das equipes mais fracas da fase de grupos da Copa Libertadores da América. É um jogo que poderia facilmente ser resolvido com um “mistão”. Mas Renato deve colocar a maioria dos titulares para resolver a parada logo no primeiro tempo. Na etapa complementar, ele realiza as três substituições e ponto. Resumindo, os brasileiros sairão de campo com um goleada de, no mínimo, 3 a 0.

 

Jogos desta semana na Copa Libertadores da América 2018

Terça-feira, 03 de abril

  • 19:15 – Real Garcilaso x Nacional-URU (3ª rodada) – palpite: empate
  • 19:15 – Libertad x The Strongest (2ª rodada) – palpite: Libertad
  • 21:30 – Universidad de Chile x Racing (2ª rodada) – palpite: Racing
  • 21:30 – Palmeiras x Alianza Lima (2ª rodada) – palpite: Palmeiras

Quarta-feira, 04 de abril

  • 19:15 – Peñarol x Atlético Tucumán (2ª rodada) – palpite: Peñarol
  • 19:15 – Grêmio x Monagas (2ª rodada) – palpite: Grêmio
  • 21:45 – Boca Juniors x Junior Barranquilla (2ª rodada) – palpite: Boca Juniors
  • 21:45 – Cruzeiro x Vasco (2ª rodada) – palpite: Cruzeiro

Quinta-feira, 05 de abril

  • 19:15 – Colo-Colo x Delfín (3ª rodada) – palpite: Colo-Colo
  • 19:15 – River Plate x Santa Fe (2ª rodada) – palpite: River Plate
  • 21:30 – Bolívar x Atlético Nacional (3ª rodada) – palpite: Atlético Nacional
  • 21:30 – Estudiantes x Santos (3ª rodada) – palpite: empate

 

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.