Copa do Brasil

Internacional busca feito inédito sobre o Vitória para avançar na Copa do Brasil 2018

Inter x Vitória Copa do Brasil
Foto: Ricardo Duarte/Internacional

Colorado nunca eliminou o rubro-negro baiano na competição

Vitória e Internacional duelam no Barradão pela segunda partida da quarta fase da Copa do Brasil. Como os gaúchos ganharam na ida por 2 a 1, podem até mesmo empatar em Salvador, porém, os Colorados ainda buscam encontrar uma regularidade após o fiasco no estadual.

 

Vitória tenta reverter desvantagem

Largando atrás, o Vitória sabe que a situação não é tão dramática. Como marcou um gol fora de casa pode avançar até mesmo com um simples 1 a 0. Para isso, precisa apenas ter um rendimento melhor que o habitual jogando no seu estádio. Afinal, das 12 apresentações no Barradão só conseguiu ganhar sete, tendo empatado três e perdido dois. No último compromisso, por exemplo, ficou no 2 a 2 com o Flamengo, pelo Brasileirão, mesmo tendo atuado praticamente um tempo e meio com um jogador a mais.

Além disso, das 25 partidas realizadas pelos baianos no ano, somente em oito oportunidades conseguiu vitórias que garantiria a classificação da equipe nesta quinta-feira. O grande problema para esta missão é que o rubro-negro não fica sem sofrer gols há oito jogos e, portanto, aquele placar mínimo se torna algo difícil. Para piorar, dos cinco duelos até aqui contra um adversário da Série-A, foi derrotado em quatro (três para o Bahia e um para o Internacional) e ainda empatou com os cariocas.

A esperança para mudar esta realidade está nos pés de Denilson, que anotou um gol contra o Flamengo e tem a missão de empurrar as bolas para as redes.

 

Internacional tenta afastar pressão

Pelo terceiro ano seguido o Internacional indica que seu torcedor não terá muitos motivos para comemorar. O péssimo desempenho no estadual ligou um alerta, pois o clube foi derrotado para os adversários mais fortes (Caxias, Brasil de Pelotas e Grêmio). O único resultado positivo na temporada foi o triunfo por 2 a 0 sobre o Tricolor, nas quartas de final do estadual, porém, como havia perdido por 3 a 0 na primeira partida acabou eliminado da mesma forma.

Acontece que graças a uma falha do goleiro Caíque no final do segundo tempo, o Colorado conseguiu uma importante vantagem para este duelo de volta. Principalmente porque atuando como visitante só ganhou três de nove partidas em 2018 e, portanto, ter a pressão de vencer seria um peso para esta partida.

Para avançar, o Inter conta com a força da sua defesa, que com o quinteto formado com Marcelo Lomba, Fabiano, Rodrigo Moledo, Víctor Cuesta e Iago, o time ainda não perdeu. Este grupo atuou junto pela primeira vez exatamente no triunfo sobre o Grêmio por 2 a 0, pelo estadual. Depois ganhou por 2 a 1 do Vitória na ida da quarta fase da Copa do Brasil e neste final de semana superou o Bahia por 2 a 0, pela primeira rodada do Brasileirão. Com somente um gol sofrido em três apresentações, o Colorado mostra que tem boas chances de segurar a classificação.

Na frente, a grande esperança é Nico López. O uruguaio marcou dois gols na última partida e é a esperança de gols em um ataque instável. Isso porque Willian Pottker, Brenner e D’Alessandro não conseguem manter uma boa regularidade. O primeiro inclusive abusou de perder chances diante do Vitória no duelo do Beira-Rio.

 

Histórico do confronto

O retrospecto recente mostra uma grande vantagem do Vitória no confronto. Dos dez últimos encontros, os baianos levaram a melhor em quatro oportunidades contra dois triunfos do Internacional e quatro empates. Considerando apenas os duelos em Salvador, o Colorado não sabe o que é vencer desde abril de 2013, quando goleou por 3 a 0 pelo Campeonato Brasileiro.

Pela Copa do Brasil as duas equipes só se encontraram na edição de 2004. Na ocasião, o Rubro-Negro segurou um empate em 1 a 1, no Beira-Rio, e ganhou por 3 a 1, no Barradão, avançando assim para as quartas de final da competição. O time ainda deixaria o Corinthians pelo caminho antes de cair para o Flamengo, na semifinal. A única vez que o Vitória conseguiu ir mais longe do que isso no torneio foi em 2010, quando ficou com o vice-campeonato. Já o Internacional chegou em duas decisões, ganhando em 1992 e perdendo em 2009.

 

Jogos de volta da quarta fase da Copa do Brasil 2018

Quarta-feira, 18 de abril

  • 19:30 – Goiás 2 x 0 Avaí
  • 21:45 – Ferroviário 2 x 2 Atlético-MG
  • 21:45 – Náutico 1 x 0 Ponte Preta

Quinta-feira, 16 de abril

  • 19:15 – São Paulo x Atlético-PR. Palpite: São Paulo vence por 1 a 0
  • 19:15 – Vitória x Internacional. Palpite: 1 a 1

 

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.