Copa do Brasil

Em busca de um milagre: Vasco da Gama precisa golear o Bahia para seguir adiante na Copa do Brasil

Vasco
Foto: Carlos Gregório Jr/Vasco.com.br

Bola rola às 20h00 em São Januário

O Vasco da Gama ocupa uma posição intermediária na Série A do Brasileirão e estaria classificado para a Copa Sul-Americana do ano que vem. O Bahia deixou escapar o título do Nordestão para o Sampaio Corrêa e está atolado na areia movediça do Campeonato Brasileiro. Em outras palavras, estaria rebaixado. Nada melhor para salvar a temporada – ou pelo menos abafar a crise – do que uma classificação para as quartas de final da Copa do Brasil, certo? É exatamente isso que estes dois rivais buscam logo mais. Confira abaixo o prognóstico deste jogão.

 

Histórico

Ao longo da história, o Vasco venceu o Bahia em 28 oportunidades. O Bahia deu o troco com 26 triunfos sobre os cruzmaltinos. Ocorreram 18 empates.

Este ano, o Tricolor venceu os dois confrontos contra os vascaínos por 3 a 0. Um foi válido pelo Brasileirão e o outro pela Copa do Brasil.

 

Vasco da Gama com caras novas

Como é praxe em todos os clubes que buscam o apoio do torcedor, principalmente em situações de desespero, os cartolas do Vasco da Gama baixaram absurdamente os preços dos ingressos com o objetivo de lotar as arquibancadas. Custando até R$ 5,00, a estratégia foi um sucesso e vários setores de São Januário já se encontram esgotados.

O elenco alvinegro recebeu uma injeção de ânimo nesta pausa para a Copa do Mundo. O argentino Maxi López desembarcou no Rio de Janeiro. Seu último empregador foi a Udinese italiana. Do Sport, o Gigante da Colina trouxe o zagueiro Oswaldo Henríquez. Já Andrés Ríos teve seu contrato renovado até o final do ano. Finalmente, Martín Silva, que estava há várias semanas com a seleção uruguaia, está de volta à Cidade Maravilhosa.

 

Bahia no divã

O Bahia tem uma larga vantagem sobre o Vasco da Gama: o 3 a 0 da ida permite que o Tricolor perca por até dois gols de diferença que mesmo assim passará para a próxima fase da competição. Como a edição deste ano da Copa do Brasil não tem o gol qualificado, qualquer revés por três gols de diferença leva o confronto para a disputa de pênaltis.

Segundo a comissão técnica do Super-Homem, o maior obstáculo dos atletas será superar o trauma da perda do Nordestão. O Bahia era o detentor do título e franco favorito ao bicampeonato. Com a derrota em São Luís por 1 a 0 e o empate em 0 a 0 na Fonte Nova, o troféu ficou com o Sampaio Corrêa.

Outra vantagem sobre o Vasco da Gama é ter atuado quatro vezes durante estas férias forçadas. Foram dois duelos com o Ceará pela semifinal do certame regional, além das finais já mencionadas.

Quem chegou a Salvador foi o lateral-direito Bruno, que estava no São Paulo. A agremiação não aceitou a proposta do Racing por Mena.

 

Prováveis escalações

Vasco da Gama: Martín Silva; Lenon, Breno, Ricardo e Ramon; Yago Pikachu, Desábato, Andrey e Wagner; Giovanni Augusto e Evander. Técnico: Jorginho.

Bahia: Anderson; Flávio, Tiago, Lucas Fonseca e Léo; Gregore, Elton, Zé Rafael, Régis e Élber; Edigar Junio. Técnico: Enderson Moreira.

Palpite

Acho que o Vasco da Gama ganha, mas não leva. Entendeu? Penso que o alvinegro carioca vence o jogo por 1 ou 2 a 0, mas a classificação fica com o Bahia.

Por que acredito nisso? Primeiro porque o Tricolor venceu o Bacalhau duas vezes por 3 a 0 este ano, o que já mostra que tem um quadro superior. Segundo que o Super-Homem atuará com o regulamento debaixo do braço para sair do estádio classificado. Por fim, o Vasco não entrou em campo nenhuma vem em mais de trinta dias. O ritmo de jogo, o preparo físico e a concentração são outros. O Nordestão forçou o Bahia a jogar quatro vezes. O time está entrosado, com ritmo, com um bom preparo físico e tal.

 

Situação do torneio

Quem sobreviver entre Vasco da Gama e Bahia pega o Palmeiras, que tirou o América-MG, nas quartas de final.  O sorteio da CBF determinou que a primeira partida será ou no Rio de Janeiro ou em Salvador e a segunda em São Paulo. O adversário da semifinal será ou Atlético-PR, ou Cruzeiro ou Santos.

As finais da Copa do Brasil estão previstas para acontecerem em dezembro. Seu campeão garante uma vaga na fase de grupos da Taça Libertadores da América do ano que vem.

 

Jogos de volta das oitavas de final da Copa do Brasil

Segunda-feira, 16 de julho:

  • 20h00: Cruzeiro x Atlético-PR – palpite:
  • 20h00: Vasco da Gama x Bahia – palpite: Vasco da Gama.

 

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar