Gaúcho

Dono da América, Grêmio tenta encerrar seca de títulos estaduais no Gauchão 2018

Foto: Gremio FBPA - Facebook Oficial

Tricolor Gaúcho não sabe o que é vencer o Estadual há oito anos; de volta à Série A do Brasileirão, Internacional tem ano de afirmação

A bola vai rolar pelo Campeonato Gaúcho e o Gre-Nal é a principal atração pelo Rio Grande do Sul. Atual campeão da Copa Libertadores, o Grêmio arranca como favorito na edição de 2018, mas convive com um jejum de oito anos sem levantar a taça do Estadual. Já o Internacional, maior campeão do torneio com 45 títulos, vive um ano de afirmação após retornar à elite do futebol brasileiro. E não podemos nos esquecer do atual campeão, o Novo Hamburgo, e clubes como Juventude e Brasil de Pelotas, que disputam a segunda divisão do futebol canarinho, e que tentam derrubar o favoritismo tricolor e colorado. Se liga só no resumo do campeonato!

 

Tabu

O Grêmio voltou ao período de glórias, ganhando a Copa do Brasil em 2016 e a Copa Libertadores em 2017, mas o drama no Campeonato Gaúcho incomoda e muito a sua torcida. Ainda mais porque o rival colorado foi hexacampeão consecutivo nos últimos anos.

Do elenco que conquistou à América, o Tricolor Gaúcho inicia a temporada sem três importantes peças: o lateral Edilson, que foi negociado com o Cruzeiro, Fernandinho, que foi para o futebol chinês, e o atacante Lucas Barrios, que saiu do clube tão logo o Mundial de Clubes acabou. Chegaram o zagueiro Paulo Miranda, o lateral Madson, o meia Thaciano e atacante Alisson, porém o técnico Renato Portaluppi ainda aguarda a “cereja do bolo”.

E três estrangeiros surgem com possibilidade de jogar ao lado de polivalente Luan. Facundo Ferreyra, que atualmente está no Shakhtar Donetsk, Jonathan Alvez, do Barcelona de Guayaquil, e o experiente colombiano Dorlan Pabón, que teve boa passagem pelo São Paulo em 2014 e que hoje está sem clube.

Enquanto o comandante gaúcho aguarda a chegada de novas peças para montar o elenco, o clube faz sua estreia nesta quarta, contra o São Luiz, campeão da divisão de acesso. Para a primeira rodada, o Grêmio vai com um time alternativo, que será dirigido por César Bueno. Será que vai dar certo?

 

Ano de afirmação

Já no Internacional, a expectativa é saber como o clube irá se comportar em 2018. Depois de garantir o retorno à Série A do futebol brasileiro com muitas doses de emoção, o Colorado aposta em uma fórmula caseira para voltar a vencer o Gauchão. O clube promoveu Odair Hellmann para o comando da equipe.

O treinador terá como principal missão resgatar o prestígio do clube, que está em época de “vacas magras” em relação a contratações. Por isso, ídolo D’Alessandro continua como a principal esperança dos colorados. Em relação as caras novas, as principais novidades são os atacantes Roger, ex-Botafogo, e Wellington Silva, ex-Fluminense. Eles chegam para suprir a ausência de Eduardo Sasha, que foi negociado com o Santos, e acirrar a disputa pela camisa 9 com Leandro Damião.  O Inter estreia nesta quinta, no encerramento da rodada, contra o Veranópolis, no Beira-Rio.

 

Candidatos a zebra

Grêmio e Internacional são candidatíssimos ao título da edição de 2018, mas não custa nada lembrar que a palavra zebra faz parte do vocabulário do estadual gaúcho. É só lembrarmos da saga do Novo Hamburgo, que no ano passado passou pelos imortais na semifinal e bateu o colorado na decisão por pênaltis. Para este ano, o clube continua sendo azarão, seja pelo investimento infinitamente inferior que os times da capital ou pelo fato de disputar a Série D do Brasileirão. Porém, o azul-anil tem a receita para vencer!

Quem também surge como azarão é o Juventude, que conseguiu se manter na Série B e que tem como principal aposta o trabalho do técnico Antonio Carlos Zago, e o Brasil de Pelotas, que também está na divisão de acesso do Nacional.

O regulamento

O Gauchão 2018 será disputado entre 17 de janeiro e 8 de abril. Serão duas fases ao longo do torneio: a primeira, que contará com 12 times (Avenida, Brasil de Pelotas, Caxias do Sul, Cruzeiro-RS, Grêmio, Juventude, Novo Hamburgo, Internacional, São Luiz, São José-RS, São Paulo-RS e Veranópolis), em sistema em que todos clubes jogam entre si, e o mata-mata. Os oito melhores ao final de 11 rodadas avançam para as quartas de final, que será disputada em jogo único, nas casas dos quatro primeiros colocados. Já as semifinais e final serão realizadas em partidas de ida e volta.

 

Confira os jogos da primeira rodada do Campeonato Gaúcho de 2018

Quarta-feira, 17 de janeiro

  • 19:00 – São José-RS x Cruzeiro-RS – Palpite: São José-RS
  • 19:30 – Brasil de Pelotas x Juventude – Palpite: Brasil de Pelotas
  • 20:30 – Caxias do Sul x Novo Hamburgo – Palpite: Caxias do Sul
  • 20:30 – São Paulo-RS x Avenida – Palpite: empate
  • 21:45 – São Luiz x Grêmio – Palpite: Grêmio

Quinta-feira, 18 de janeiro

  • 21:00 – Internacional x Veranópolis – Palpite: Internacional

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.