UFC

Conor McGregor publica mensagem na internet e admite erros cometidos contra Khabib no UFC 229

Conor McGregor publica mensagem na internet
Foto: Divulgação / UFC

Depois de um tempo em silêncio a respeito de seu futuro no MMA, Conor McGregor publicou uma longa mensagem em suas redes sociais a respeito da derrota sofrida contra Khabib Nurmagomedov no UFC 229, no último dia 6 de outubro, em Las Vegas (EUA). O astro irlandês fez uma análise detalhada da disputa de cinturão contra o russo e deixou claro que não se importa caso a revanche imediata – algo que ele já sinalizou interesse – não aconteça. Conor admitiu alguns erros e apontou alguns acertos no duelo que entrou para a história.

Em texto publicado na internet, McGregor assume ter subestimado o jogo de trocação de Khabib e não ter confiado em sua capacidade de usar o grappling no combate. De forma surpreendente, ele enxergou vitória no primeiro round “do ponto de vista da luta”. Mas o que mais chamou a atenção foi que o irlandês parece ter “baixado a bola” e falou em tom de aceitação ao citar uma revanche imediata contra Khabib Nurmagomedov. Honestamente imaginei que o lutador iria ficar obcecado por um reencontro imediato, mas parece que ele está conformado com o fato de não receber a oportunidade imediatamente.

Confira o texto publicado por Conor McGregor

“Pensamentos sobre a minha última luta:

1º round: Acredito do ponto de vista esportivo que o 1º round foi dele. Posição superior contra a grade. Zero avanço de posição ou dano infligido. Mas a melhor posição. Do ponto de vista da luta, o primeiro round foi meu. Golpes reais entraram e demonstrei mais vontade de lutar. Um direto de esquerda no início. Joelhada na cabeça no golpe baixo. Cotoveladas em todas e quaisquer posições de amarração. Oponente apenas segurando as pernas contra a grade por quase todo o round.

2 º round: Ele está fugindo ao redor do cage antes de ser abençoado com a mão direita que mudou o rumo do round e da luta. Foi um bom golpe. Depois do soco, voltei a atacar instantaneamente, mas novamente ele mergulhou para não se envolver e trocar. Esse é o esporte e foi um movimento inteligente que o levou a um round dominante, então não há problema. Bem jogado. Se eu ficasse mais ligado e tivesse um pouco mais de respeito pelo seu jogo em pé, essa mão direita nunca se aproximaria, e estaríamos falando sobre algo completamente diferente agora. Eu não dei ao seu jogo em pé nenhum respeito durante a preparação. Nenhum sparring específico nem nada. Treinei atacando apenas grapplers e wrestlers. Isso não vai acontecer novamente. Eu também não dei ao meu grappling qualquer respeito. Para a mente defensiva. Lições. Não ouça ninguém além de você quando se trata de seu conjunto de habilidades. Você é o mestre do seu próprio universo. Eu sou o mestre disso. Eu devo seguir meu próprio conselho.

3º round: Após o pior round da minha carreira de luta, eu volto e ganho nesse round. Mais uma vez andando para frente, fazendo-o andar para trás e disposto e engajar e trocar golpes.

4º round: Minha recuperação não estava onde poderia ter estado aqui. Isso é culpa minha. Embora tenha ganhado as primeiras trocas de golpes do 4º round, ele mergulha de novo e eu acabo em má posição com mais de três minutos no relógio. Eu trabalho para recuperar a posição e termino de pé, de costas para a grade. Uma posição estável. Aqui, no entanto, cometi um erro crítico de abandonar um gancho neste momento crucial, expondo as costas, e acabo batendo de forma justa.

O que posso dizer? Foi uma grande luta e foi o meu prazer. Eu voltarei com minha confiança alta. Totalmente preparado. Se não é a revanche de imediato, não há problema. Eu vou enfrentar o próximo na fila. É tudo eu sempre, de qualquer maneira. Vejo vocês em breve meus fãs de luta. Eu amo todos vocês.”

Conor McGregor é um homem obcecado pelo sucesso. Ele certamente vai pensar em tudo o que fez de errado e voltar mais forte. O sinal de que ele tem consciência de que hoje o russo é mais lutador é o fato de aceitar a hipótese de não ter uma revanche imediata. Eu estava apostando, inclusive, que ele faria com o presidente do UFC Dana White o mesmo que fez quando foi derrotado por Nate Diaz. Quando perdeu a primeira luta no UFC, Conor ficou obcecado e perturbou a diretoria da organização até conseguir a revanche imediata. Ele conseguiu e acabou se redimindo da derrota, se vingando de Diaz. Dessa vez, o irlandês parece ter adotado uma postura diferente.

Sempre falastrão e com uma confiança nas alturas, ver Conor McGregor assumindo e admitindo erros é até bonito de se ver. Um pouco de Humildade não faz mal a ninguém. E é como lutadores gostam de dizer. Na derrota se aprende muito. E depois do atropelo que levou contra Nurmagomedov, o irlandês, aos 30, parece ter entendido que ainda tem muito a aprender.

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar