Ganhador.com

Brasileirão Série A

Com foco total no Brasileirão, São Paulo recebe a Chapecoense tentando disparar na liderança

Jogador do São Paulo
Foto: Pato Aguilera

Após queda na Copa Sul-Americana, Tricolor tem todas as atenções voltadas para a Série A; Verdão do Oeste quer se distanciar do Z-4

Há males que vêm para o bem. Esta é uma definição perfeita para a eliminação do São Paulo na Copa Sul-Americana 2018. Após queda para o Colón, na Argentina, onde lutou, ganhou dos hermanos no tempo regulamentar e só caiu nos pênaltis, o Tricolor Paulista se concentra totalmente no Campeonato Brasileiro. Líder da competição com 38 pontos, o clube paulista tem uma oportunidade de ouro neste domingo (19 de agosto), diante da Chapecoense, às 19 horas, no Morumbi, para disparar na tabela e garantir o título simbólico do primeiro turno após 19 rodadas.

 

Eliminação são-paulina: pressão ou alívio?

Sem levantar uma taça desde 2012, quando ganhou a Copa Sul-Americana, o São Paulo tem uma última chance neste ano para não prolongar o jejum de títulos. Apesar de eliminações não serem celebradas, como a Copa do Brasil e recentemente a competição continental, uma coisa é certa no Morumbi. As chances de a equipe conquistar o Brasileirão pela sétima vez em sua história aumentam significantemente já que o clube tem apenas o torneio nacional para disputar na temporada.

Com o principal concorrente no campeonato, o vice-líder Flamengo (37 pontos), tendo que conciliar a Série A com a Copa do Brasil e ainda a Copa Libertadores, o SPFC pode se dar bem. Com mais tempo para recuperar seus jogadores que o rival e menos jogos pela frente (apenas 20 partidas até o final de 2018), o Tricolor é franco favorito para ganhar o Nacional.

Tal possibilidade de disparar na liderança do Brasileirão começa no domingo, já que a equipe recebe a instável Chapecoense no Morumbi, enquanto o Fla vai à Arena da Baixada medir forças com o desesperado Atlético Paranaense.

 

Diego Souza e mais 10

Ciente das dificuldades de alcançar o resultado na Argentina e da polêmica de Diego Souza com os jogadores do país vizinho, o técnico Diego Aguirre poupou seu artilheiro do confronto da volta do torneio continental. Com DS, maior goleador do clube no Nacional ao lado de Nenê com sete gols, descansado, o São Paulo deposita todas as fichas no atacante para conseguir a quarta vitória consecutiva na Série A e manter a invencibilidade no Morumbi – seis vitórias e dois empates na capital paulista.

 

Meta catarinense: 45 pontos

Assim como o adversário deste domingo, a Chapecoense também foi eliminada no meio de semana e só tem o Brasileirão pela frente. Mas no caso do Verdão do Oeste, a queda foi na Copa do Brasil, para o Corinthians. Ocupando a 13ª colocação na Série A com 21 pontos, a equipe catarinense está dois pontos acima do Santos, clube que abre o Z-4. Assim, a missão alviverde é se livrar de qualquer possibilidade de rebaixamento, com a meta da permanência na elite sendo estipulada em 45 pontos.

Por isso, qualquer tropeço pode colocar a equipe alviverde em situação delicada. O problema é que o adversário deste domingo é o líder da competição e ainda não perdeu atuando em seus domínios. Pelo lado de Chapecó, a equipe é responsável por uma das piores campanhas como visitante, sem nenhuma vitória até o momento após nove jogos fora da Arena Condá.

Apesar das dificuldades, o técnico Guto Ferreira terá ao menos novas opções para escalar a equipe que enfrenta o SPFC. Impossibilitados de disputar a Copa do Brasil por motivos de inscrição ou por já terem jogado o torneio por outros clubes, Diego Torres, Orzusa, Leandro Pereira e Rafael Pereira aumentam as possibilidades do comandante alviverde para uma estratégia vencedora no Morumbi. Eles se juntam a Osman e Vinicius Freitas, que estão liberados pelo departamento médico.

 

Palpite

Mesmo sem perder há três jogos no torneio, a Chapecoense é zebra logo mais contra o líder. Segurar o São Paulo em um Morumbi com expectativa de mais de 30 mil torcedores não será tarefa nada fácil. Mas a dificuldade de o Tricolor propor o jogo em casa pode ser um alento a Guto Ferreira e companhia, que precisarão ser bastante eficientes na marcação e contra-ataque. A chance existe, mas Nenê, Diego Souza e companhia devem assegurar mais uma vitória para o SPFC na capital paulista e garantir o título simbólico do primeiro turno do Brasileirão.

 

Jogos da 19ª rodada do Brasileirão da Série A

Sábado, 18 de agosto

  • 16:00 – Santos x Sport – Palpite: Santos
  • 19:00 – Corinthians x Grêmio – Palpite: Grêmio

Domingo, 19 de agosto

  • 11:00 – Atlético Paranaense x Flamengo – Palpite: empate
  • 11:00 – Internacional x Paraná – Palpite: Internacional
  • 16:00 – Cruzeiro x Bahia – Palpite: Cruzeiro
  • 16:00 – Vitória x Palmeiras – Palpite: Palmeiras
  • 16:00 – Botafogo x Atlético Mineiro – Palpite: empate
  • 19:00 – América-MG x Fluminense – Palpite: América-MG
  • 19:00 – São Paulo x Chapecoense – Palpite: São Paulo

Segunda-feira, 20 de agosto

  • 20:00 – Vasco x Ceará – Palpite: Vasco

 

Classificação do Campeonato Brasileiro 2018

  1. São Paulo, 38 – Libertadores
  2. Flamengo, 37 – Libertadores
  3. Internacional, 35 – Libertadores
  4. Grêmio, 33 – Libertadores
  5. Atlético-MG, 30 – Pré-Libertadores
  6. Palmeiras, 30 – Pré-Libertadores
  7. Corinthians, 26 – Sul-Americana
  8. Cruzeiro, 25 – Sul-Americana
  9. Fluminense, 22 – Sul-Americana
  10. Botafogo, 22 – Sul-Americana
  11. América-MG, 21 – Sul-Americana
  12. Bahia, 21 (um jogo a menos) – Sul-Americana
  13. Chapecoense, 21
  14. Sport, 20
  15. Vasco, 19 (dois jogos a menos)
  16. Vitória, 19
  17. Santos, 18 – Zona de rebaixamento
  18. Ceará, 16 – Zona de rebaixamento
  19. Atlético-PR, 15 – Zona de rebaixamento
  20. Paraná, 14 – Zona de rebaixamento

 

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar