Brasileirão Série A

Chapecoense e Fluminense fazem confronto direto contra a zona de rebaixamento na 26ª rodada do Brasileirão

Jogador do Chapecoense
Foto: Sirli Freitas

Catarinenses chegam de duas vitórias seguidas

A 26ª rodada do Campeonato Brasileiro termina nesta segunda-feira com dois jogos. Um destes envolve dois times que lutam contra o rebaixamento. Jogando na Arena Condá, a Chapecoense recebe o Fluminense e busca a terceira vitória seguida na competição.

Chapecoense tenta se afastar do Z-4

Com apenas um ponto de vantagem para o primeiro dentro da zona de rebaixamento, a Chapecoense precisa de mais uma vitória para conseguir uma folga na tabela. A expectativa é alta, pois o clube vive um grande momento, após ter ganho de Atlético-PR e Internacional, dois adversários de peso no Brasileirão. Os resultados encerraram uma sequência de seis jogos sem vencer e que haviam afundado o time na zona de rebaixamento.

Um dos aliados na tentativa de o Alviverde escapar da segundona é o fator casa. A Arena Condá tem feito a diferença na campanha do time, que conquistou 23 dos seus 28 pontos no estádio. No total, foram 12 jogos, com seis vitórias, cinco empates e apenas uma derrota. Se mantiver este bom rendimento tem tudo para buscar mais três pontos nesta rodada.

Os catarinenses vão para campo com algumas mudanças em relação ao time que jogou na última rodada. Saem Rafael Thyeri e Doffo e entram Douglas e Vinícius. Com isso, a escalação deve contar com: Jandrei; Eduardo, Douglas, Nery Bareiro e Bruno Pacheco; Elicarlos, Márcio Araújo e Diego Torres; Vinícius, Leandro Pereira e Victor Andrade.

Fluminense de altos e baixos

Agora que já sabe que não terá seu artilheiro Pedro até o meio do ano que vem, o Fluminense tenta arrumar a casa para não correr tantos ricos de rebaixamento. O clube tem apenas quatro pontos de vantagem para o Ceará, que abre o Z-4 e, portanto, precisa ganhar para ter alguma tranquilidade.

Abrir uma vantagem na tabela é ainda mais importante porque o Tricolor passa por grandes problemas fora de campo. Os jogadores já não recebem salários há dois meses e a situação está tão crítica que o atraso atinge também os demais funcionários do clube. Esta crise financeira deixa o time ainda mais instável dentro de campo.

Os altos e baixos são tão visíveis que o Fluminense não ganha duas seguidas desde o fim de julho. Depois disso, entrou em campo mais 13 vezes, ganhando cinco, empatando quatro e perdendo outras quatro.

De positivo tem apenas a vitória fora de casa sobre o Deportivo Cuenca, pela Sul-Americana. A esperança é que o resultado dê moral para o time no Brasileirão, pois no campeonato já são cinco jogos seguidos sem ganhar como visitante.

Para esta segunda-feira, os cariocas vão basicamente com a mesma formação que entrou em campo no meio de semana. A diferença fica para a volta de Airton no lugar do jovem Ibanez. O time deve ser escalado com: Júlio César; Léo, Gum, Digão e Ayrton Lucas; Richard, Airton, Jadson e Sornoza; Everaldo e Luciano.

Histórico do confronto

Os dois clubes já se enfrentaram nove vezes e a vantagem é toda dos catarinenses. A Chapecoense venceu seis vezes contra dois empates e um triunfo do Fluminense. No entanto, esta única vitória dos cariocas ocorreu exatamente neste ano, por 3 a 1, no primeiro turno.

Palpite

Vivendo um bom momento e jogando em casa, a Chapecoense é favorita para vencer nesta segunda-feira e deve fazer isso com um 2 a 1.

Jogos da 26ª rodada do Campeonato Brasileiro 2018

Sábado, 22 de setembro
  • 16:00 – São Paulo 1 x 1 América-MG
Domingo, 23 de setembro
  • 11:00 – Grêmio 3 x 2 Ceará
  • 16:00 – Atlético-PR 3 x 0 Paraná
  • 16:00 – Flamengo 2 x 1 Atlético-MG
  • 16:00 – Corinthians 1 x 1 Internacional
  • 18:00 – Vitória 3 x 4 Botafogo
  • 18:00 – Sport Recife 0 x 1 Palmeiras
  • 19:00 – Cruzeiro 2 x 1 Santos
Segunda-feira, 24 de setembro
  • 20:00 – Chapecoense x Fluminense – Palpite: Chapecoense vence por 2 a 1
  • 20:00 – Vasco x Bahia – Palpite: Vasco vence por 2 a 1

Classificação do Campeonato Brasileiro 2018

  1. São Paulo, 51 – Libertadores
  2. Palmeiras, 50 – Libertadores
  3. Internacional, 50 – Libertadores
  4. Flamengo, 48 – Libertadores
  5. Grêmio, 47 – Pré-Libertadores
  6. Atlético-MG, 42 – Pré-Libertadores
  7. Cruzeiro, 37 – Copa Sul-Americana
  8. Corinthians, 34 – Copa Sul-Americana
  9. Atlético-PR, 33 – Copa Sul-Americana
  10. Santos, 32 – Copa Sul-Americana
  11. Botafogo, 32 – Copa Sul-Americana
  12. América-MG, 31 – Copa Sul-Americana
  13. Fluminense, 31
  14. Vitória, 29
  15. Bahia, 29
  16. Chapecoense, 28
  17. Ceará, 27 – Série B
  18. Vasco, 25 – Série B
  19. Sport Recife, 24 – Série B
  20. Paraná, 16 – Série B

 

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar