Copa do Nordeste

Bahia precisa apenas de um empate contra o Ceará para chegar à mais uma decisão da Copa do Nordeste

Bahia
Foto: Fotos: Felipe Oliveira/EC Bahia

Atual campeão, o time baiano venceu por 1×0 em Fortaleza

Nesta terça-feira (26), a partir das 21:45 (horário de Brasília), duas das maiores torcidas do Nordeste vão deixar a Copa do Mundo um pouco de lado para acompanhar seus clubes do coração. Na Arena da Fonte Nova, Bahia e Ceará fazem a partida de volta das semifinais do Nordestão 2018, e os donos da casa entrarão em campo em vantagem por terem vencido por 1×0 na última quinta-feira. Em 2015, o Vozão ficou com a taça depois de superar o Bahia na decisão, mas o Tricolor de Aço deu a volta por cima, e é o atual campeão do torneio.

Confira nossos prognósticos para este duelo decisivo.

 

Bahia largou na frente no Castelão

Atravessando fases difíceis no Brasileirão, em que ocupam a zona de rebaixamento, Ceará e Bahia entraram em campo no Castelão buscando retomar o fôlego antes do fim do recesso para a Copa do Mundo, mas fizeram um jogo morno. O primeiro tempo ficou mais marcado pelas contusões de Felipe Azevedo, do Ceará, e Kayke, do Bahia, substituídos respectivamente por Luidy e Elber, do que por belas jogadas e lances de perigo. Elton arriscou um chute cruzado aos quatro minutos, mas errou o alvo. A resposta dos visitantes saiu dos pés de Mena, que dividiu com o goleiro Éverson depois de receber na área, e tampouco conseguiu marcar. Sob vaias, os times foram para o intervalo.

Embalado pela chegada do novo técnico, Enderson Moreira, que fazia sua estreia no comando do time, o Bahia ensaiou uma pressão no início da etapa complementar, mas com pouca efetividade. Aos 11 minutos, porém, levou um susto em cabeçada do volante Naldo que carimbou a trave, e no lance seguinte, um forte chute de Luidy obrigou o goleiro Anderson a fazer uma grande defesa. Quando tudo começava a se complicar, um contra-ataque certeiro salvou a pátria do time baiano. O volante Gregore deu início a jogada, e rolou para o meia Zé Rafael, que deu um belo passe em profundidade para Régis. Ele invadiu a área e rolou para Élber, que só precisou dar o arremate final.

A derrota em casa agravou a crise do Vozão, que não vence desde abril, e nos quinze jogos disputados desde então, acumula sete empates e oito derrotas. Após a partida, jogadores, comissão técnica e diretoria foram muito hostilizados pela torcida.

 

Equipes terão desfalques importantes

No Bahia, Enderson Moreira só conseguiu relacionar 20 jogadores para a partida, e terá problemas para montar o ataque. Kayke não se recuperou de um incômodo no músculo adutor da coxa esquerda, e está fora de combate. Geovane Itinga é o único centroavante do elenco em condições de atuar. Também lesionados, Marco Antônio, Júnior Brumado, Douglas e Edigar Junio não jogam.

O técnico Lisca enfrenta dificuldades muito semelhantes no Ceará. A exemplo de Kayke, o atacante Felipe Azevedo segue em recuperação depois de se contundir na partida de ida, e sequer embarcou com a delegação. O lateral Pio, que operou a mão, também não joga, assim como Samuel Xavier, Fabinho, Éder Luís, Hyuri e João Lucas, que não tiveram suas documentações regularizadas. Como se não bastasse, Richardson, Valdo e Arthur, que não atuaram no Castelão, ainda não estão plenamente recuperados, e se voltarem, será no sacrifício. A única boa notícia é o retorno de Luiz Otávio após cumprir suspensão.

Retrospecto favorece os anfitriões

O histórico de confrontos entre Bahia e Ceará é bastante equilibrado, com 22 vitórias dos baianos, 22 empates, e 19 triunfos dos Alvinegros cearenses. No entanto, quando se trata de partidas disputadas em Salvador, seja na Fonte Nova ou no Estádio de Pituaçu, é o Tricolor de Aço quem costuma dar as cartas. Nos últimos 20 jogos foram 12 vitórias, cinco empates e apenas três derrotas, sendo a da final do Nordestão 2015, por 1×0, a mais lamentada.

Últimos jogos em Salvador

  • 29/10/2016 – Bahia 3 x 1 Ceará
  • 13/06/2015 – Bahia 1 x 0 Ceará
  • 22/04/2015 – Bahia 0 x 1 Ceará
  • 31/01/2013 – Bahia 1 x 2 Ceará
  • 04/12/2011 – Bahia 2 x 1 Ceará
  • 22/06/2010 – Bahia 2 x 2 Ceará

Prováveis escalações

Bahia: Anderson; Nino Paraíba, Tiago, Lucas Fonseca e Léo; Gregore, Elton (Élber), Mena, Zé Rafael e Régis; Geovane Itinga. Técnico: Enderson Moreira.

Ceará: Éverson; Rafael Pereira, Luiz Otávio e Tiago Alves; Arnaldo, Naldo, Matheus Lira, Ricardinho e Romário; Luidy e Elton. Técnico: Lisca.

Palpite

Apesar da proximidade na tabela do Brasileirão, Bahia e Ceará são hoje dois times que atravessam momentos opostos. Enquanto o Tricolor de Aço vive dias de tranquilidade pela chegada de um novo treinador, o Vozão viaja sob pressão pelo longo período sem vitórias e o provável retorno à Série B. É bem verdade que os dois lados estarão desfalcados de atletas importantes, o que pode nivelar o duelo, mas o Tricolor de Aço terá a seu favor o fator casa e a vantagem de poder jogar pelo empate. Precisando de dois gols para avançar diretamente, o Ceará tende a proporcionar muitos espaços para os contra-ataques, que devem ser o caminho para a vitória dos baianos.

Acredito em um triunfo do Bahia pelo placar de 2×0.

Semifinais da Copa do Nordeste 2018

Terça-Feira, 26 de junho

  • 21:45: (1) Bahia x Ceará (0) – Palpite: Bahia

Quinta-Feira, 28 de junho

  • 21:45 – (0) ABC x Sampaio Corrêa (1) – Palpite: Sampaio Corrêa

 

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar