Copa Verde

Após Paysandu, atual campeão Luverdense abre semifinais da Copa Verde buscando vantagem contra o Atlético-ES

Luverdense
Foot: Divulgação Luverdense

Verdão tenta repetir o Papão, que fez o seu dever de casa contra o Manaus FC, em confronto nesta quarta-feira, em Lucas do Rio Verde

A Copa Verde de 2018 chega à reta decisiva neste meio de semana (27 e 28 de março) com a abertura das semifinais. Se o Paysandu fez o seu dever na noite de ontem ao vencer o Manaus FC de virada, nos últimos minutos, no estádio da Curuzu, agora é a hora de o Luverdense dar o seu cartão de visitas ao Atlético, do Espírito Santo. O atual campeão do torneio tenta iniciar o ano de uma maneira mais positiva após ser rebaixado para a Série C do Campeonato Brasileiro. Vivo no Estadual e no Regional, o Verdão quer fazer valer a força do Passo das Emas diante dos capixabas. Confira a análise do duelo!

 

Luverdense x Atlético-ES

O Luverdense vai para a partida apostando na melhora de sua equipe como um todo. Depois de uma reformulação que começou ainda no fim de 2017, com a saída do técnico Júnior Rocha e a efetivação de Odil Soares, que comandava as categorias de base da equipe, o Verdão vem fazendo um início de ano bastante interessante. Após alcançar a terceira posição na primeira fase do Campeonato Mato-Grossense, o time de Lucas do Rio Verde eliminou o poderoso Mixto, maior campeão estadual com 24 conquistas, nas quartas de final, e agora mede forças com o Sinop. A primeira partida das semifinais terminou em 0x0 e tudo está em aberto para o reencontro entre as equipes no domingo.

Tentando “mudar a chave”, os mato-grossenses querem abrir vantagem diante dos rivais de Itapemirim logo mais. E ele apostam no mando de campo para alcançarem o triunfo nesta quarta-feira, às 22h. O Luverdense vem de quatro jogos de invencibilidade, sendo três vitórias no período. Se pegarmos os números no estádio Passo das Emas, eles são ainda melhores. O clube conta com quatro vitórias nos últimos cinco jogos jogando em seu caldeirão. O último revés diante de sua torcida ocorreu há quase dois meses, diante do Cuiabá, ainda fase de grupos do Estadual.

Já pelo lado visitante, o foco é total na Copa Verde. Isso porque o Atlético já está eliminado do Campeonato Capixaba após terminar a primeira fase apenas na quinta colocação. No caso, apenas os quatro primeiros avançavam para o mata-mata.

Com apenas o torneio regional pela frente nos próximos dias, o técnico Zé Humberto tenta fazer com que seus titulares não percam o ritmo de jogo. O último jogo da equipe ocorreu há onze dias, quando bateu o Cuiabá, campeão da edição de 2015 da Copa Verde, por 3×1.

 

Dúvidas

Luverdense e Atlético-ES vão para o jogo podendo ter desfalques importantes. Pelo lado do Verdão, a principal ausência é o zagueiro Willian, que sofreu um corte na perna durante o embate contra o Sinop pelo Estadual. Outro que deve ficar de fora é o meia Rennan Oliveira, que perdeu as duas últimas partidas por conta do aumento da pressão arterial. Kaique e Rubinho são os principais postulantes as duas vagas.

Já no Atlético, a dor de cabeça é o atacante Franklin, que é dúvida para o jogo. Charles, Chiquinho e Kaio lutam por uma vaga no ataque caso o titular não se recupere a tempo.

 

As escalações

Luverdense: Diogo Silva; Gabriel Passos, Kaique (Willian) Pablo e Paulinho; Diogo Sodré, Lorran (Élton) e Rennan Oliveira (Rubinho); Ariel, Pimentinha e Rafael Silva.

Atlético-ES: Bambu, Paulinho, Rhayne, Kleber Viana e Bruno; Vitor, Araruama e Fabiano; Pikachu, Franklin (Charles, Chiquinho ou Kaio) e Eraldo.

 

Palpite

Apesar do favoritismo do Luverdense, é muito bom prestarmos a atenção no modo de jogo do adversário de Itapemirim. Considerado zebra nas duas fases anteriores, o Atlético desbancou o Brasiliense e o Cuiabá com vitórias consideráveis. Fato é que os visitantes continuam com 100% de aproveitamento na competição após quatro jogos. Até por isso, o empate surge como melhor opção.

 

Paysandu x Manaus FC

Se Luverdense e Atlético seguirem os passos do primeiro embate das semifinais, temos tudo para ter um brilhante mata-mata. Isso porque na abertura da rodada, o Paysandu precisou lutar com todas as suas armas para bater o Manaus FC de virada, em Belém. O Papão só conseguiu a vitória nos minutos finais, quando Walter – ele mesmo, que já passou por Goiás, Atlético Goianiense, Atlético-PR, entre outros – chamou a responsabilidade. Depois de anotar de empatar o jogo nos acréscimos do primeiro tempo, o atacante deu passe para o gol de Cassiano, que decretou o triunfo sobre os manauaras e vantagem no duelo.

 

Confira os jogos de ida das semifinais da Copa Verde

Sábado, 27 de março de 2018

  • 19:00 – Paysandu 2×1 Manaus FC – Palpite: Paysandu

Domingo, 28 de março de 2018

  • 22:00 – Luverdense x Atlético-ES – Palpite: Luverdense

 

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar