Ganhador.com

Copa do Mundo Rússia 2018

Tentando sair da sombra de Messi e de Cristiano Ronaldo, Neymar tem oportunidade de ouro com briga pela artilharia da Copa do Mundo

Foto: Mark Kerton/Action Plus via Getty Images

Brasileiro tem a chance de iniciar sua “própria era” em campanha que pode levar a Seleção Brasileira ao hexa na Rússia

Em terra onde Lionel Messi e Cristiano Ronaldo disputam a cada temporada quem é Rei, o pupilo Neymar tem a chance em 2018 de desbancar a dupla que tem dominado as atenções do mundo da bola na última década. Com números impressionantes vestindo a amarelinha, o camisa 10 surge entre os principais cotados para alcançar a artilharia da Copa do Mundo que será realizada entre junho e julho, na Rússia. Mas como sabemos, a concorrência será pesada, e além dos matadores de Real Madrid e Barcelona, o canarinho brigará contra potências como Harry Kane (ING), Edinson Cavani (URU), Antonie Griezmann (FRA), Romelu Lukaku (BEL), Alvaro Morata (ESP), Thomas Muller (ALE), entre outros. Se liga na lista dos possíveis goleadores que preparamos para vocês!

 

Número 1

O projeto “Bola de Ouro” pode finalmente virar fato consumado se Neymar tiver uma performance memorável em 2018. Depois da saída precoce da Copa do Mundo passada, quando se machucou em duelo contra a Colômbia, o craque canarinho sabe que a responsabilidade está toda sobre si para levar o país ao hexa. E se conseguir o feito, passando por uma chave que conta com Costa Rica, Sérvia e Suíça, sabemos que o fator “gol” será um diferencial em seus números, afinal o camisa 10 é fatal com a amarelinha.

Com 53 gols em jogos oficiais pelo Brasil, o jogador do Paris Saint-Germain está dois tentos de se igualar a lenda Romário, o craque do tetracampeonato. Hoje, o menino de Santos é o quarto maior artilheiro da Seleção, atrás é claro, de Romário; Ronaldo, que tem 67; e Pelé, o líder com 77. Com 25 anos e ainda uma longa carreira pela frente, Neymar tem tudo para tomar o posto do Rei do Futebol na artilharia do nosso país.

 

A ameaça 1: Lionel Messi

O problema de Neymar tem nome, sobrenome e nacionalidade: Lionel Messi, da Argentina. Com o camisa 10 da seleção albiceleste não se brinca! Em uma época que nosso país vizinho vivia situação bastante delicada, correndo sério risco de não se classificar para a Copa, a estrela do craque do Barcelona apareceu e, depois de um hat-trick contra a Bolívia, na última rodada das Eliminatórias Sul-Americanas, a Argentina carimbou o seu passaporte para o Leste Europeu. Assim, os argentinos depositam todas as suas fichas no maior artilheiro da história de sua seleção, que possui 61 gols em 122 jogos. Em um grupo acessível, com Croácia, Islândia e Nigéria, o blaugrana tem tudo para brigar pelo topo entre os goleadores.

 

A ameaça 2: Cristiano Ronaldo

Se falamos de Messi, não podemos deixar de mencionar Cristiano Ronaldo, não é?! Afinal, a dupla está sempre lado a lado na disputa pelo melhor desempenho de um jogo, Bola de Ouro e, é claro, título. Depois de conseguir o bicampeonato consecutivo da Liga dos Campeões com o Real Madrid e dar a Portugal um título de Eurocopa pela primeira vez na história de seu país, CR7 terá a oportunidade de levar os lusos a algo maior no Mundial.

Já em termos de artilharia, obviamente que o português é candidatíssimo, ainda mais se lembrarmos que ele é o quarto maior goleador de todos os tempos em relação a jogadores atuando por seu próprio país. CR7 possui 79 gols por Portugal, atrás apenas de Kunishige Kamamoto, com 80 pela seleção japonesa; do húngaro Puskás, com 84; e do iraniano Ali Daei, com 109.

 

Recorde à vista?

O Mundial na Rússia também pode ter o recorde de gols de todas as edições pulverizado por Thomas Muller. Atualmente com 10 gols após participar das campanhas de 2010 e 2014 com a Alemanha, esta última na qual resultou no tetracampeonato, o meio-campista do Bayern de Munique está seis tentos atrás do artilheiro de todos os Mundiais, o seu compatriota Miroslav Klose. Em um grupo que não oferece tantos riscos, com México, Coreia do Sul e Suécia, o alemão de 28 anos pode ficar bem perto ou até alcançar a marca.

 

Correndo por fora: Cavani, Kane e Lukaku

Em uma competição onde o que não falta é “matador”, cravar quem será o artilheiro do torneio é uma tarefa para lá de complicada. Por isso, é bom não nos esquecermos de outros importantes nomes, como o uruguaio Edinson Cavani, que hoje lidera a artilharia do PSG; o inglês Harry Kane, considerado a principal estrela do Tottenham; o belga Romelu Lukaku, goleador do Manchester United, entre outras feras.

 

Favoritos à artilharia da Copa do Mundo de 2018

  1. Lionel Messi (ARG)
  2. Neymar (BRA)
  3. Antonie Griezmann (FRA)
  4. Cristiano Ronaldo (POR)
  5. Gabriel Jesus (BRA)
  6. Harry Kane (ING)
  7. Timo Werner (ALE)
  8. Romelu Lukaku (BEL)
  9. Alvaro Morata (ESP)
  10. Robert Lewandowski (POL)

 

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar