Carioca

Taça Rio: vai prevalecer a rivalidade ou clássicos terão clima de amistoso entre Flamengo, Fluminense, Vasco e Botafogo?

Foto: Nelson Perez/Fluminense F.C./Divulgação

Brechas imperdoáveis no regulamento do Carioca de 2017 fizeram com que disputa do título do segundo turno não tivesse nenhum impacto na fase decisiva do Estadual; times que disputam a Libertadores e a Sul-Americanas devem poupar titulares.

Alguém já ouviu falar de um título de campeão que não tivesse valor? Parece uma pergunta sem sentido. Mas os dirigentes do futebol carioca flertaram com o absurdo este ano, e confeccionaram um dos regulamentos mais esdrúxulos da história do futebol brasileiro (quiçá mundial).

Às vésperas das semifinais da Taça Rio, o desinteresse de clubes e torcedores tem um simples motivo: para efeitos esportivos, o mata-mata do segundo turno do Estadual não fará diferença qualquer na fase decisiva da competição. Já sei que deu um pequeno nó no cérebro. Vamos desatá-lo já. Ou ao menos tentar!

 

Por que a Taça Rio perdeu valor em 2017?

Até o ano passado, o regulamento era muito simples. O campeão da Taça Guanabara (primeiro turno) garantia uma vaga na final do campeonato. O outro finalista seria o vencedor da Taça Rio. Se uma mesma equipe vencesse os dois turnos, era automaticamente declarada campeã estadual.

Em 2017, além das Taças Guanabara e Rio, teremos a realização da semifinal do campeonato, que terá a presença dos campeões de cada turno, além dos dois clubes de melhor pontuação. Porém, a classificação geral — ou seja, por pontos corridos — é que define a ordem dos confrontos. E como a contagem só valeu durante a fase de grupos, o chaveamento já está definido:

  • Flamengo (1º) x Botafogo (4º)
  • Fluminense (2º) x Vasco (3º)

Resumindo, já conhecemos os finalistas do Campeonato Carioca. Nada que aconteça no mata-mata da Taça Rio poderá modificar isso. Agora, basta saber se a rivalidade que envolve os quatro grandes do Rio será capaz de sustentar a motivação para disputar a fase final.

 

BOTAFOGO X FLUMINENSE

Com viagem marcada para a Colômbia, onde irá enfrentar o Atlético Nacional, pela Libertadores, o Botafogo já acenou que disputará a semifinal contra o Fluminense neste domingo (09) com um time mesclado entre reservas e alguns titulares. Afinal, desde o início, o Glorioso deixou claro que a competição sul-americana era a prioridade e uma eventual eliminação na Taça Rio não traria grandes prejuízos, pelo fato de já estar garantido entre os quatro que disputarão o título de campeão carioca.

Como terminou na liderança do Grupo B, o Alvinegro joga por um empate para chegar à final do segundo turno, quando ambas as fases serão definidas em jogo único – não há vantagem na decisão. No entanto, na semifinal do Carioca, quando enfrentará o Flamengo, a possibilidade de avançar com um placar igual é um benefício dos rubro-negros.

Na próxima quarta-feira (10), o Fluminense irá viajar até o Uruguai, onde enfrentará o Liverpool, na partida de volta da primeira fase da Copa Sul-Americana. O jogo de ida, realizado no meio desta semana no Maracanã terminou com a vitória do Tricolor por 2 a 0. Como já conquistou a Taça Guanabara, o Flu não tem muitos estímulos para repetir a dose na Taça Rio, a não ser pela rivalidade ou o prêmio em dinheiro pago pela FERJ.

Odds: Botafogo (2.59), Fluminense (2.72), empate (3.14)

Palpite: na fase de grupos, os dois clubes fizeram um jogão. O Bota abriu 2 a 0 na primeira etapa, mas o Flu virou no segundo tempo. No estádio Nilton Santos, a partir das 16h (horário de Brasília) de domingo, o empate beneficia o Glorioso, que deve buscar a vitória como revanche pela amarga derrota sofrida no mês passado. Dá Botafogo por 1 a 0.

 

VASCO X FLAMENGO

Amanhã (08), às 18h45 (horário de Brasília), no Maracanã, teremos o Clássico dos Milhões na primeira semifinal da Taça Rio. Mas os milhões, ao que tudo indica, estão longe de aterrissar nos cofres de Vasco e Flamengo. Líder do gruco C, o Gigante da Colina conta com o benefício do empate para se classificar à decisão do segundo turno.

E como está eliminado da Copa do Brasil, a equipe cruz-maltina não tem mais qualquer compromisso na temporada, a não ser o Brasileirão, que começa logo após o Carioca. No caso do Flamengo, as atenções pelos lados da Gávea estão voltadas para a Libertadores da América. Na próxima quarta (12), o Fla pega o Atlético-PR, também no Maraca, pelo Grupo 4. Logo, como os comandados de Zé Ricardo já garantiram o primeiro lugar na classificação geral, seria apenas mais um clássico contra os vascaínos.

Odds: Vasco (4.44), Flamengo (1.83), empate (3.29).

Palpite: os odds não estão traduzindo muito bem a realidade do confronto. Ainda não está confirmado, mas o Flamengo deve entrar em campo com um time misto. Já o Vasco tem o calendário livre e o desejo de revanche da derrota no último confronto (1 a 0), na semifinal da Taça Guanabara. Mas teremos empate, que classifica o Gigante da Colina.

 

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.