Ganhador.com

Copa Libertadores

Semana decisiva da Copa Libertadores começa com Santos em busca da liderança e Chapecoense tentando confirmar vaga nas oitavas

Foto: Sirli Freitas / Chapecoense

A fase de grupos da Copa Libertadores chega ao fim nesta semana (23 a 25 de maio) com 12 partidas e muita coisa em jogo. E dois times brasileiros serão os responsáveis por abrirem a sexta e última rodada: tentando garantir vaga nas oitavas de final, a Chapecoense recebe o Zulia, em meio a possível a perda de pontos após a escalação irregular do zagueiro Luiz Otávio na vitória sobre o Lanús, na Argentina; e o Santos, que mede forças com o Sporting Cristal, na Vila Belmiro, buscando a primeira posição de sua chave. Confira o resumo dos jogos desta terça-feira.

  

Santos x Sporting Cristal

Depois de realizar cinco jogos em 16 dias, o elenco do Santos pede água, ou melhor, descanso. Tentando evitar qualquer tipo de lesão que possa prejudicar a equipe no futuro, o técnico Dorival Júnior deve poupar alguns jogadores na última partida do time nesta fase da competição continental. O treinador deve repetir o rodízio de jogadores, assim como ocorreu na vitória sobre o Coritiba pelo Brasileirão, quando Victor Ferraz, Renato e Vitor Bueno foram preservados. Desfalque certo é Lucas Lima, que precisou ser substituído logo no início da partida contra o Coxa em razão de dores no adutor da coxa direita, e Bruno Henrique, suspenso no empate heroico com o The Strongest, na Bolívia. No meio de campo, Rafael Longuine, Jean Mota e Léo Cittadini lutam por uma vaga, enquanto que Vladimir Hernandéz e Copete disputam a posição do goleador.

Já classificado antecipadamente para o mata-mata, o alvinegro praiano depende de apenas uma vitória simples para assegurar o primeiro lugar do Grupo 2. O Peixe está na liderança com nove pontos, um a mais que o The Strongest, que vai à Colômbia encarar o Santa Fé, terceiro com sete pontos. O Santos pode até perder ou empatar que poderá ficar com a ponta: neste caso, se o jogo em Bogotá terminar em empate. Qualquer vitória na Colômbia obriga o Peixe a vencer. É claro, se o clube brasileiro quiser ficar com a primeira posição, que representa vantagem de mando de campo nas oitavas.

Palpite: apesar do desgaste físico, o Santos deve alcançar a vitória sobre o Sporting Cristal, último colocado da chave, e assegurar a liderança. A dica da rodada é num placar favorável à equipe brasileira com dois gols de vantagem.

  

Chapecoense x Zulia

Depois de alcançar uma vitória histórica contra o Lanús, na Argentina, e manter viva a esperança por uma vaga nas oitavas de final, a Chapecoense duela com o Zulia para confirmar a vaga. Dentro de campo, a equipe dirigida por Vagner Mancini busca sua terceira vitória consecutiva em um espaço de uma semana. Eles chegam empolgados para o confronto na Arena Condá após baterem no fim de semana passado o Palmeiras, atual campeão Brasileirão, na segunda rodada do Nacional.

Se dentro de campo tudo vai bem, obrigado, fora dele a Chape vive uma incerteza em relação aos três pontos alcançados diante dos argentinos na quinta rodada. Tudo por causa da escalação do zagueiro Luiz Otávio. Expulso contra o Nacional, no Uruguai, o jogador cumpriu suspensão automática na final da Recopa diante do Atlético Nacional, na Colômbia. Tudo estava certo até minutos antes do duelo contra o Lanús, quando o Verdão do Oeste foi informado que seu jogador havia recebido mais dois jogos de gancho. Sem tempo hábil para tirar o atleta de campo, o clube escalou o defensor, que inclusive fez o gol da vitória. E a confusão, que está longe de acabar, só aumenta porque a Chape alega não ter sido comunicada pela Conmebol. Caso seja punido, o time brasileiro será considerado perdedor do jogo contra os argentinos pelo placar de 3×0 e, pela pontuação na tabela, estará fora da próxima fase.

Enquanto o caso não é julgado, a equipe tenta fazer sua parte em campo. E uma vitória resolve qualquer problema em relação à parte matemática na tabela. Com sete pontos, a Chape é a terceira colocada no Grupo 7, mas depende apenas de suas próprias forças já que Nacional-URU, primeiro com oito, e Lanús, segundo com sete, fazem o jogo dos seis pontos em Montevideo.

Palpite: assim como o Peixe, a Chapecoense deve vencer. Vitória por um gol de diferença coloca a equipe, em teoria, nas oitavas. Mas como sabemos, esse caso está longe de acabar.

  

Jogos da 6ª rodada da Copa Libertadores 2017:

  • 23/05 – 19:30 – Nacional-URU x Lanús
  • 23/05 – 19:30 – Chapecoense x Zulia
  • 23/05 – 21:45 – Santos x Sporting Cristal
  • 23/05 – 21:45 – Santa Fé x The Strongest
  • 24/05 – 21:45 – Peñarol x Jorge Wilstermann
  • 24/05 – 21:45 – Palmeiras x Atlético Tucumán
  • 25/05 – 19:30 – Emelec x Melgar
  • 25/05 – 19:30 – River Plate x Independiente Medellín
  • 25/05 – 21:45 – Atlético Nacional x Barcelona-QUE
  • 25/05 – 21:45 – Estudiantes x Botafogo
  • 25/05 – 21:45 – Grêmio x Zamora
  • 25/05 – 21:45 – Guaraní x Deportes Iquique

 

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar