Brasileirão Série A

Prognóstico de Coritiba x Vasco pela 11ª rodada do Brasileirão

Foto: Paulo Fernandes/Vasco.com.br

Depois de um início arrasador, Coxa caiu muito de produção, mas segue empatado com os vascaínos, que apenas somaram pontos em São Januário

No próximo domingo (02), às 19h (horário de Brasília), o Coritiba terá um adversário de muita tradição, mas que não marcou um pontinho sequer fora de casa nesta edição do Campeonato Brasileiro. Como o Coxa atuará diante da torcida, no Couto Pereira, dá para esperar um desfecho positivo para os mandantes. O problema é que a fase não é boa, já que os paranaenses não sabem o que é vencer desde a quinta rodada, quando bateram o Palmeiras no mesmo palco do próximo duelo, válido pela 11ª rodada.

 

CORITIBA X VASCO

Poderia ser um belo duelo entre artilheiros temperamentais, mas não será desta vez. Ontem (29), o técnico Pachequinho recebeu uma ótima notícia, já que o departamento jurídico do Coritiba conseguiu um efeito suspensivo junto ao STJD que garante a possibilidade de escalação do Kleber Gladiador. O atacante foi denunciado por dupla agressão física e por cuspir em Edson, do Bahia, ambos do artigo 35 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD), e recebeu um gancho de 15 jogos. Ele está liberado para exercer suas atividades até o julgamento no Pleno.

Ainda sobre o Coxa, Alan Santos está vetado devido a uma lesão muscular. Já o volante Anderson voltou aos treinamentos esta semana. A definição se ele será relacionado contra o Vasco depende da performance no treino desta sexta-feira (30), no CT da Graciosa. Outro que retorna de contusão é o atacante Neto Berola, recuperado de uma torção no tornozelo e que já participa das atividades sem problemas.

Do outro lado, o veterano Luis Fabiano não poderá ajudar a equipe no Alto da Glória, pois levou o terceiro cartão amarelo na rodada passada, na vitória por 1 a 0 sobre o Atlético-GO. Thalles e Manga Escobar lutam pela vaga do ex-centroavante da Seleção Brasileira no comando de ataque cruzmaltino. A única ausência no time de Milton Neves deve ser mesmo o Fabuloso, quando o treinador poderá utilizar a mesma formação que bateu o Dragão.

 

HISTÓRICO DO CONFRONTO ENTRE CORITIBA E VASCO

Ao todo, os dois clubes já se enfrentaram em 42 partidas oficiais. E os cariocas têm quase o dobro de vitórias em relação aos paranaenses, quando triunfaram em 20 ocasiões, contra 12 do Coxa, além de dez empates. Aliás, há um detalhe interessante sobre o confronto do próximo domingo. Afinal, o Gigante da Colina conta com ótimo aproveitamento como visitante. Até hoje, foram oito resultados positivos contra sete dos paranaenses.

A última vez que o Coritiba venceu o Vasco no Couto Pereira foi na final da Copa do Brasil de 2011. Mas o placar de 3 a 2 não foi suficiente para garantir o título, pois os cariocas ganharam em São Januário por 1 a 0 e levantaram a até então inédita taça graças ao critério do gol marcado fora. O último encontro entre ambos foi no Brasileirão de 2015, um empate sem gols no Alto da Glória. No fim daquele campeonato, os vascaínos foram rebaixados para a Série B pela terceira vez em sua história.

 

Prováveis escalações:

CORITIBA: Wilson; Léo, Márcio, Werley e William Matheus; Jonas, Matheus Galdezani e Tiago Real (Anderson); Henrique Almeida, Alecsandro (Kleber) e Rildo.
Técnico: Pachequinho

VASCO: Martín Silva, Gilberto, Breno, Paulão e Henrique; Jean, Douglas, Yago Pikachu, Mateus Vital e Nenê; Thalles (Manga Escobar).
Técnico: Milton Mendes

 

Palpite:

OCoritiba sofre com um jejum de cinco partidas sem vitórias. Mas é importante ressaltar que os comandados de Pachequinho só tiveram pedreiras pelo caminho, como Corinthians, Grêmio, Botafogo, Cruzeiro e Ponte Preta. Da luta pela liderança, o Coxa passou para a nona posição com 15 pontos, mesma pontuação do Vasco, que conseguiu seus cinco triunfos em São Januário. Logo, quando passa à condição de visitante, a equipe cruzmaltina não consegue se impor como faz em sua morada. O time de Pachequinho é muito aplicado, além de estar sedento por voltar a ganhar. O mando de campo será fundamental para que isso aconteça.

 

Demais jogos da 11ª rodada do Brasileirão 2017

(favoritos em negrito)

  • 01/07 – 16:00 – Palmeiras x Grêmio – palpite: empate
  • 01/07 – 19:00 – Atlético-GO x Santos
  • 02/07 – 16:00 – Vitória x Bahia
  • 02/07 – 16:00 – Corinthians x Botafogo
  • 02/07 – 16:00 – Flamengo x São Paulo
  • 02/07 – 16:00 – Atlético-MG x Cruzeiro – palpite: empate
  • 02/07 – 16:00 – Sport Recife x Atlético-PR – palpite: empate
  • 02/07 – 19:00 – Avaí x Ponte Preta
  • 03/07 – 20:00 – Fluminense x Chapecoense

 

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.