Ganhador.com

Humor

Paixão Nacional: somos irmãos

Que a temporada do Atlético-MG foi uma desgraça, ninguém nega. O time começou 2017 com altas expectativas, craques no elenco e o badalado Roger Machado no comando. Veio o título de Campeão Mineiro e, depois, queda livre. O time foi caindo de rendimento até que Roger foi demitido e o campeão olímpico Rogério Micale assumiu seu lugar. Mantendo o desempenho sofrível de seu antecessor, Micale também foi convidado a atravessar a porta giratória da Cidade do Galo e Oswaldo de Oliveira foi chamado para “segurar o rojão” na reta final do Brasileirão.

Claro que não havia muito o que fazer, mas era possível brigar por uma vaga na Libertadores. O time, porém, apesar de uma ligeira melhora, seguiu falhando em momentos cruciais e com a combinação de resultados da última rodada do campeonato nacional, disse adeus ao sonho de disputar o torneio continental no ano que vem. Ou não…

Com o Flamengo finalista da Copa Sul-Americana, o Galo, 9º colocado no Brasileiro, pode sonhar com a Libertadores. Basta torcer muito para que o rubro-negro conquiste o título – que pode, também, salvar a sua própria temporada recheada de craques e fracassos.

O fato é que, nas próximas duas semanas, Galos e Urubus estarão lado a lado torcendo frenéticamente para que o Mengão se consagre Campeão Sul-Americano.

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar