Ganhador.com

NBA

Michael Jordan x James Harden: você vai se surpreender com a comparação dos números dos dois

Foto: Gene Sweeney Jr./Getty Images

Ninguém na NBA hoje joga tanto quanto o Barba. É hora de pegar os livros de história e medir sua capacidade diante dos gênios do passado…               

James Harden está “pegando fogo”, como dizem os fanáticos pela NBA. Ninguém contesta que ele é o grande jogador do momento no melhor basquete do mundo. Com Harden no comando, o Houston Rockets segue firme com a melhor campanha da temporada regular, com números de fazer inveja até aos melhores tempos de Golden State Warriors e Chicago Bulls. Os Rockets atingiram neste domingo (10) simplesmente 20 vitórias em 24 partidas, um aproveitamento de 83%.

As estatísticas individuais de Harden também são impressionantes e merecem até mesmo uma comparação com o jogador mais impressionante da nossa geração, ninguém menos que Michael Jordan.

E aí?

A primeira ressalva que merece ser feita é a dinâmica de jogo de cada um. Jordan foi um ala-armador clássico, capaz de desempenhar as duas funções com o mesmo brilhantismo. Embora Harden também oficialmente seja considerado um ala-armador, seu 1,96 metro – contra 1,98 metro de Jordan – permite que ele cumpra funções fixas no garrafão e desempenhe papeis que tenham mais a ver com a efetividade de arremessos do que com a criação do jogo em si.

Pois bem. A média de pontos de Harden na atual temporada é, sem dúvidas, fantástica. Seus incríveis 32,3 pontos por partida significam uma arrancada e tanto diante do seu desempenho até então. Sua melhor temporada em termos de pontos havia sido a última, quando o Barba fechou a cota com 29,1 por jogo – outro número simplesmente espetacular, mas que mostra uma clara mudança de nível. Qualquer jogador que ultrapasse a barreira dos 30 pontos merece todos os aplausos, pois atingir tal quantidade em uma das ligas mais competitivas e duras do esporte profissional é um sinal enorme de capacidade.

Mas comparar Harden com Jordan são outros quinhentos.

Números difíceis sequer de acreditar

Harden está com 28 anos e vive o que os especialistas consideram como o auge da carreira de um esportista, o ponto perfeito entre a maturidade e o vigor físico. A melhor temporada de Jordan em termos de pontuação foi exatamente 30 anos atrás: Michael tinha 24 quando fechou o campeonato de 1986/1987 com – acredite se quiser – nada menos que 37,1 pontos de média ao longo das 82 partidas. E nem assim o Bulls foi ao playoff, caindo ainda na temporada regular!

Os números absolutos merecem uma contextualização. Jordan supera Harden na pontuação total (37×32, para arredondar), mas uma mudança marcante ocorre quando pegamos a efetividade de cada um.

Aquele Bulls era, realmente, um “Jordan contra a rapa”, com o #23 desempenhando todas as funções e até por isso atingindo pontuações tão surreais. Mas seu aproveitamento de arremessos de dois pontos, por exemplo, é inferior ao de Harden. Jordan acertou 46% das tentativas que realizou 30 anos atrás; Harden está com 52%, uma efetividade digna dos grandes cestinhas de todos os tempos.

A grande surpresa vem dos arremessos de três pontos. Nisso, então, Harden coloca Jordan no bolso: são 49% de acertos do Barba contra apenas 18% de Air Jordan. Quem diria.

A NBA hoje tem mesmo uma rara coleção de craques que são um primor de técnica e carisma. Não custa sempre agradecer: que sorte, a nossa!

Jogos da Temporada Regular da NBA 2017/2018

Sexta-feira, 8 de dezembro

 

  • Charlotte Hornets 111×119 Chicago Bulls
  • Detroit Pistons 98×102 Golden State Warriors
  • Indiana Pacers 106×102 Cleveland Cavaliers
  • Orlando Magic 89×103 Denver Nuggets
  • Memphis Grizzlies 107×116 Toronto Raptors
  • Milwaukee Bucks 109×102 Dallas Mavericks
  • New Orleans Pelicans 109×116 Sacramento Kings

 

Sábado, 9 de dezembro

 

  • San Antonio Spurs 105×102 Boston Celtics
  • Los Angeles Clippers 113×112 Washington Wizards
  • Brooklyn Nets 89×101 Miami Heat
  • Charlotte Hornets 99×110 Los Angeles Lakers
  • Atlanta Hawks 117×110 Orlando Magic
  • Cleveland Cavaliers 105×98 Philadelphia 76ers
  • Chicago Bulls 104×102 New York Knicks
  • Milwaukee Bucks 117×110 Utah Jazz

 

Domingo, 10 de dezembro

 

  • Memphis Grizzlies 101×102 Oklahoma City Thunder
  • Phoenix Suns 101×104 San Antonio Spurs
  • Portland Trail Blazers 117×124 Houston Rockets
  • Sacramento Kings 87×102 Toronto Raptors
  • Detroit Pistons 81×91 Boston Celtics
  • Indiana Pacers 126×116 Denver Nuggets
  • Minnesota Timberwolves 97×92 Dallas Mavericks
  • New Orleans Pelicans 131×124 Philadelphia 76ers
  • New York Knicks 111×107 Atlanta Hawks

 

Segunda-feira, 11 de dezembro

 

  • 23:00 – Chicago Bulls x Boston Celtics – Palpite: Celtics
  • 23:00 – Houston Rockets x New Orleans Pelicans – Palpite: Rockets
  • 23:00 – Memphis Grizzlies x Miami Heat – Palpite: Heat
  • 23:00 – Oklahoma City Thunder x Charlotte Hornets – Palpite: Thunder

 

Terça-feira, 12 de dezembro

 

  • 01:30 – Golden State Warriors x Portland Trail Blazers – Palpite: Warriors
  • 01:30 – Los Angeles Clippers x Toronto Raptors – Palpite: Raptors

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar