Copa do Mundo Rússia 2018

Irlanda do Norte quer ir à Copa, nem que para isso tenha que parar a Alemanha

Foto: Charles McQuillan/Getty Images

Bola rola às 15h45 (de Brasília) desta quinta-feira

De um lado, a zebra, a surpresa, a improvável Irlanda do Norte, que eliminou República Checa e Noruega e ainda tenta aprontar para cima da fortíssima, da estável, da rigorosa Alemanha. A vitória norte-irlandesa encherá de lágrimas os olhos dos amantes do velho esporte bretão. O triunfo alemão apenas constatará a inevitável previsão que os germânicos seguem um roteiro corriqueiro de tentar mais um título planetário. Confira abaixo os prognósticos.

 

Histórico

Aconteceram 22 duelos entre Irlanda do Norte e Alemanha ao longo da história. Os germânicos têm ampla vantagem sobre os britânicos: 16 a 2, além de quatro empates. No turno desta campanha, os comandados por Joachim Löw venceram por 2 a 0.

 

A Irlanda do Norte tem chance?

A primeira aparição da Irlanda do Norte em Mundiais foi em 1958, quando segurou a Alemanha Ocidental e eliminou em sua chave Argentina e Checoslováquia. Os súditos da Rainha caíram nas quartas de final diante da França por 4 a 0. Nos anos 80, formou sua esquadra mais forte, capaz de chegar às Copas de 1982 e 1986. Na primeira, desclassificou a anfitriã Espanha e foi eliminada no triangular da segunda fase, novamente pela França. Na segunda, não passou da fase de grupos, onde chegou a perder para o Brasil por 3 a 0. O Ulster estava esquecido do mundo do futebol até que ressurgiu na Eurocopa de 2016.

O quadro, que vem de cinco êxitos seguidos, tem como destaques o veterano Aaron Hughes, de 37 anos, do Hearts, o capitão Steven Davis, do Southampton, o artilheiro Kyle Lafferty, também do Hearts, e Jonny Evans, do West Bromwich Albion.

Ganhar da Alemanha, garante a Irlanda do Norte no mata-mata e adia a definição da vaga do grupo C para o domingo. Isso pode acontecer, sim. Além da torcida nas arquibancadas, os jogadores estão muito confiantes e focados a mil para ganharem os três pontos.

 

Desconfigurada Alemanha tem oito desfalques

A Alemanha tem uma série de baixas para a peleja de Belfast. Timo Werner sentiu uma contusão misteriosa que vem a partir do barulho do estádio e que afeta seus tímpanos. Assim como ele, outros dois atacantes não foram convocados, por não estarem cem por cento recuperados: Mario Gomez e Sandro Wagnerko. Na defesa, Mario Götze e Julian Weigl já retornaram à ação pelo Borussia Dortmund, mas Joachim Löw optou por preservá-los da Mannschaft. Quer mais? Manuel Neuer, Jonas Hector, Sami Khedira e Mesut Özil também ficaram de fora por problemas de lesão.

Não pensem, porém, que os tetracampeões mundiais ficaram com uma equipe ruim. É bom lembrar, que com jovens e reservas, a Alemanha conquistou a Copa das Confederações com um pé nas costas.

 

As possíveis escalações

Irlanda do Norte: Michael McGovern; Aaron Hughes, Gareth McAuley e Jonny Evans; Lee Hodson, Oliver Norwood, Corry Evans, Steven Davis e Shane Ferguson; Kyle Lafferty e Josh Magennis. Técnico: Michael O’Neill.

Alemanha: Ter Stegen; Joshua Kimmich, Antonio Rüdiger, Mats Hummels e Jérôme Boateng; Sebastian Rudy, Emre Can, Toni Kroos, Julian Brandt e Julian Draxler; Thomas Müller. Técnico: Joachim Löw.

 

Azerbaijão x República Checa

Azeris e checos disputam o terceiro lugar do hexagonal. Não que sirva para muita coisa, pois ambos estão fora. Talvez valha como fator motivacional ou para dar um novo ânimo aos torcedores e às delegações que já penam nas eliminatórias da próxima Eurocopa. Os checos já tiveram craques muito habilidosos, como Nedved, mas falharam com as novas gerações. No turno estes dois países empataram sem gols.

 

São Marinho x Noruega

Um amistoso de luxo! Já eliminados há muitas rodadas, a representação do Principado de São Marinho recebe em Serravalle a Noruega. Os noruegueses não renovaram sua geração mais talentosa surgida nos anos 90 e amargam um longo jejum, que dura desde 1998, sem participar de uma fase final de Mundial. A última vez que os escandinavos apareceram numa grande contenda internacional foi na Eurocopa de 2000. Já se pode dizer que terão se passado vinte anos, considerando que a próxima oportunidade disponível é a Euro de 2020. Espera-se que os locais não compliquem e vida dos visitantes. No turno, os de Oslo golearam por 4 a 1.

 

Palpite

Contrario a lógica futebolística e prevejo o sucesso norte-irlandês por 1 a 0. Será emocionante! Será um prêmio pela bela participação deste selecionado nas Eliminatórias e deixará em aberto a vaga da chave C, que muito provavelmente ficará com a Alemanha, para a última rodada.

 

9ª rodada do Grupo C da UEFA

Quinta-feira, 05 de outubro:

  • 13h00: Azerbaijão x República Checa – palpite: República Checa.
  • 15h45: Irlanda do Norte x Alemanha – palpite: Irlanda do Norte.
  • 15h45: São Marinho x Noruega – palpite: Noruega.

 

Classificação do Grupo C da UEFA

  • Alemanha, 24 – Fase Final Rússia 2018.
  • Irlanda do Norte, 19 – 2ª Fase.
  • Azerbaijão, 10
  • República Checa, 9
  • Noruega, 7
  • São Marinho, 0

 

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar