Brasileirão Série C

Fortaleza tem o melhor aproveitamento da Série C

Foto: Divulgação Fortaleza EC

Botafogo-PB e Botafogo-SP fecharam o fim de semana em primeiro em suas chaves.

Praticamente todas as equipes da terceira divisão do Brasileirão já realizaram sete das dezoito partidas da “temporada regular”. Hoje, às 21h00, teremos CSA x Fortaleza, no estádio Rei Pelé, encerrando a rodada.

 

CSA ou Fortaleza assumirá a liderança do grupo A

CSA e Fortaleza fazem um clássico nordestino, em Maceió. Deste embate sairá o novo líder da chave norte-nordeste. Os alagoanos assumirão a ponta se conseguirem os três pontos. Os cearenses ficarão em primeiro se empatarem. Em outras palavras, o Xerife chegará no próximo fim de semana querendo recuperar a ponta. As estatísticas mostram que os alvianis são favoritos para se impor sobre o Tricolor logo mais. Será? É bom lembrar que o Fortaleza tem o melhor aproveitamento do certame, com 72% dos pontos.

O Botafogo-PB esperou 653 para voltar a vencer fora pela Série C. Foram quase duas temporadas sem ganhar longe de João Pessoa. O técnico Itamar Schülle atribuía a esse jejum de triunfos na estrada as campanhas decepcionantes no Nordestão, na Copa do Brasil e no Campeonato Brasileiro do ano passado. Rafael Oliveira, aos 24′ da segunda etapa, subiu de cabeça para marcar o gol que calou o Batistão e fez desmoronar o esquema tático e o empenho do Confiança. O próximo compromisso do Xerife será o ASA, em Arapiraca.

O Remo sofreu mais do que precisava mas conseguiu passar pelo Moto Club, em Belém. O bom público presente às arquibancadas do Mangueirão assistiu a uma bela batalha. Os paraenses saíram na frente com Edgar, tomaram a virada com Bruno Costa e Vitinho e ainda conseguiram empatar no primeiro tempo com Flamel. O gol que definiu o jogo só saiu aos 47′ da etapa final com Gabriel Lima, que aproveitou uma falha de marcação dos maranhenses.

O que teve de bom entre Cuiabá e ASA se resume ao que estava fora das quatro linhas. Faço referência à bela Arena Pantanal, construída especialmente para a Copa do Mundo e que ontem assistiu a dois rivais maltratando a redonda. Doda para os alagoanos e Bruno Sávio para os mato-grossenses tiraram o zero do placar. Fora isso, os quadros se acomodaram, pois o pontinho conquistado serviu para deixar ambos fora do Z-2.

Sampaio Corrêa e Salgueiro realizaram um espetáculo de nível técnico baixo, no Nhozinho Santos. O êxito maranhense serviu para a instituição se distanciar da zona perigosa, empurrando os pernambucanos para baixo. É bom lembrar que o Salgueiro tem um enfrentamento importante no meio de semana contra Sport. Trata-se do segundo e decisivo capítulo da final do Campeonato Pernambucano.

     

Paulistas dominam grupo B

O Botafogo-SP lidera o grupo B com 12 pontos, três vitórias e saldo de +6. O São Bento é o segundo colocado com dois de saldo a menos. O Volta Redonda, que liderou boa parte do torneio, é o terceiro com 11 pontos.

No sábado, a Pantera das Américas segurou o empate sem gols contra o Tupi, em Juiz de Fora. O técnico Rodrigo Fonseca comemorou o empate já que “erros grosseiros da arbitragem desequilibraram seus jogadores”. Outro que vibrou foi o goleiro Neneca, que não sofre gols há quatro encontros.

O São Bento chegou ao segundo lugar ao passear em Bragança Paulista. Os três gols da peleja nasceram em cruzamentos na área alvinegra que os atacantes do Bentão souberam aproveitar. Anderson Cavalo, Rogério e Branquinho marcaram os tentos.

Na briga para evitar a queda para o andar de baixo, o Mogi-Mirim estreou reforços contra o Voltaço e eles já chegaram entregando seus cartões de visita. Diego e Edson marcaram para o Sapo e David Batista descontou de pênalti para os fluminenses, que chegaram à terceira partida sem vitória.

No Moacyrzão, o Macaé bateu o Joinville por 1 a 0, em tarde em que Claudio Maradona roubou a cena. O atacante que homenageia o rei do futebol argentino marcou o gol da representação da Terra do Petróleo aos 42′ da etapa final. Aos 47′ ainda seria expulso por fazer cera.

O Ypiranga poderia ter assumido a liderança se tivesse superado o Tombense, em Erechim. Quis o destino que os fatos fossem outros. Éverton balançou as redes logo aos 20 minutos. Em pleno Colosso da Lagoa, os donos da casa esbarraram na falta de criatividade e não conseguiram ameaçar a meta mineira. O participante de Tombos segurou o resultado e os três pontos.

 

Regulamento

É bom lembrar que ao término da primeira fase, os quatro melhores de cada decagonal se cruzarão em duelos de ida e volta válidas pelas quartas de final. Os clubes que chegarem às semifinais terão suas promoções à Série B confirmadas. Já os dos piores times de cada grupo estarão rebaixados ao fim das 18 rodadas da etapa inicial e serão substituídos pelos quatro melhores da quarta divisão.

 

Resultados da 7ª rodada da Série C:

Sábado, 24 de junho:

  • Confiança 0x1 Botafogo-PB
  • Remo 3×2 Moto Club
  • Macaé 1×0 Joinville
  • Mogi-Mirim 2×1 Volta Redonda
  • Bragantino 0x3 São Bento
  • Tupi 0x0 Botafogo-SP

Domingo, 25 de junho:

  • Sampaio Corrêa 1×0 Salgueiro
  • Cuiabá 1×1 ASA
  • Ypiranga 0x1 Tombense

Segunda-Feira, 26 de junho:

  • 21h00: CSA x Fortaleza

 

Classificação:

Grupo A:

  1. Botafogo-PB – 14 – Quartas de Final.
  2. Fortaleza – 13 – Quartas de Final.
  3. CSA – 11 – Quartas de Final.
  4. Remo – 11 – Quartas de Final.
  5. Sampaio Corrêa – 11
  6. Confiança – 8
  7. ASA – 6
  8. Cuiabá – 6
  9. Moto Club – 5 – Série D.
  10. Salgueiro – 5 – Série D.

Grupo B:

  1. Botafogo-SP – 12 – Quartas de Final.
  2. São Bento – 12 – Quartas de Final.
  3. Volta Redonda – 11 – Quartas de Final.
  4. Ypiranga – 9 – Quartas de Final.
  5. Bragantino – 9
  6. Tombense – 9
  7. Tupi – 9
  8. Mogi-Mirim – 7
  9. Macaé – 7 – Série D.
  10. Joinville – 7 – Série D.

     

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar