Ganhador.com

Brasileirão Série A

Flamengo quer provar contra o Cruzeiro que existe “vida pós-Guerrero”

Foto: Buda Mendes/Getty Images

Times que fizeram a final da Copa do Brasil voltam a se enfrentar às 21h45 (de Brasília) desta quarta-feira (8), na Ilha do Urubu   

Paolo Guerrero é hoje um dos grandes nomes do futebol sul-americano, e o Flamengo está sentindo de perto todo o seu drama pelo doping positivo pelo Peru na partida do mês passado contra a Argentina. O baque com a suspensão do seu principal atacante pegou em cheio todo o elenco flamenguista – e coincidência ou não, a queda diante do Grêmio no domingo (5) mostrou que, além de limitada, a equipe perde demais em termos de personalidade sem o seu goleador. A chance de uma recuperação está logo adiante: será contra o Cruzeiro, às 21h45 (de Brasília) desta quarta-feira (8), na Ilha do Urubu, pela 33ª rodada do Brasileirão.

 

Um adversário de más lembranças

O mundo anda tão acelerado que até parece que faz mais tempo. Mas Cruzeiro e Flamengo decidiram a Copa do Brasil há menos de um mês e meio: foi em 27 de setembro, quando a Raposa conquistou a taça nos pênaltis depois de um 0x0 no tempo normal na finalíssima disputada no Mineirão. A primeira final, no Rio, contou com um 1×1, um resultado que não é interessante para o Flamengo nesta quarta (8).

O Fla hoje é o sétimo no Brasileirão e ocupa exatamente a última posição que daria vaga à Libertadores do ano que vem. O time tem 47 pontos até aqui, contra 45 do Vasco, que vem imediatamente atrás. O Cruzeiro está mais do que tranquilo. Em quinto lugar na tabela, a equipe está assegurada na competição continental de 2018 por ter conquistado a Copa do Brasil já mencionada.

O que deixa o Flamengo alerta é o momento preocupante. O time só tem um ponto somado nas últimas três rodadas, período em que perdeu para Grêmio e São Paulo e ficou no 0x0 com o Vasco. Houve a histórica reação na Sul-Americana, sim, mas vale lembrar que até nela o Fla não avançou com uma vitória, e sim com o 3×3 ante o Fluminense.

Outro ponto de reflexão é o papel do técnico Reinaldo Rueda, que admitiu depois da derrota contra o Grêmio que acabou errando sua estratégia. É de se imaginar que a equipe tenha algumas alterações pontuais que o treinador realize e confirme somente instantes antes da partida. Uma das possibilidades é a entrada de Lincoln, de apenas 16 anos.

 

Cruzeiro pode contar com a volta de Sobis

Em contagem regressiva até o final do Brasileirão, o tranquilo Cruzeiro terá uma boa oportunidade nesta quarta-feira (8) de “rodar” a sua equipe. Ou seja: conferir em que condição estão os reservas que precisarão ser acionados em duas posições específicas no Rio de Janeiro.

Os desfalques certos do treinador Mano Menezes são De Arrascaeta, na seleção do Uruguai, e o meia-atacante Rafinha, suspenso com três amarelos. Sassá e Raniel, ainda lesionados, seguem fora da equipe que vai contar com a volta de um atacante experiente e badalado, Rafael Sobis.

Sobis chegou até a iniciar negociações para sair do Cruzeiro e defender o Querétaro, do México, mas o fim das tratativas faz com que ele pinte como um integrante importante no ataque que tem 39 gols em 32 rodadas. É uma média tímida. O melhor ataque da competição é o do Palmeiras, com 50. Do G-7, só Santos tem um ataque pior que o do Cruzeiro (36 gols). Nada muito diferente de quem conhece o histórico do técnico Mano Menezes, um treinador de competência reconhecida, assim como sua afinidade com o futebol defensivo.

 

Palpite

O Flamengo tem muitas razões para jogar com especial empenho nesta quarta (8) na Ilha do Urubu – homenagear o peruano Guerrero é um desses motivos, e a torcida vai ficar extremamente aliviada caso o clube finalmente vença e deixe a maré baixa para trás.

O Cruzeiro, por sua vez, entra nas partidas até o final do Brasileirão como se fossem amistosos de luxo. Até por isso, com o time mais leve, é capaz de vitórias como a de domingo, quando superou o Atlético-PR. Mas desta vez a intensidade do Flamengo deve prevalecer e ser suficiente para uma vitória por 2×0 no Rio.

 

Jogos da 33ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série A 2017

Quarta-feira, 8 de novembro

  • 19:30 – Ponte Preta x Grêmio – Palpite: Empate
  • 19:30 – Avaí x Bahia – Palpite: Empate
  • 21:00 – Sport x Botafogo – Palpite: Botafogo
  • 21:00 – Atlético-PR x Corinthians – Palpite: Corinthians
  • 21:45 – Vitória x Palmeiras – Palpite: Palmeiras
  • 21:45 – Flamengo x Cruzeiro – Palpite: Flamengo
  • 21:45 – Santos x Vasco da Gama – Palpite: Santos

Quinta-feira, 9 de novembro

  • 20:00 – São Paulo x Chapecoense – Palpite: São Paulo
  • 20:00 – Atlético-MG x Atlético-GO – Palpite: Atlético-MG
  • 21:00 – Fluminense x Coritiba – Palpite: Fluminense

 

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar