Futebol: Podcast

Fique por dentro de todos os detalhes da rodada de abertura do segundo turno do Campeonato Brasileiro da Série A

São Paulo e Atlético-MG começaram o segundo turno do Brasileirão com importantes vitórias. O Palmeiras, por outro lado, parece não ter se recuperado da eliminação na Libertadores na última quarta-feira e decepcionou mais uma vez. No “duelo dos reservas”, o Botafogo se deu melhor pra cima do Grêmio;  resultado que o Corinthians – que não jogou a 20ª rodada – agradeceu.

Aperte o play e ouça o nosso resumo com o que de mais importante aconteceu na abertura do returno do Campeonato Brasileiro e confira a seguir como ficou a situação dos times depois da 20ª rodada.

 

Renascidos?

Depois de 19 rodadas de puro sofrimento, São Paulo e Atlético-MG começaram o returno do Brasileirão com disposição renovada – pelo menos o Galo parecia ter nova disposição.

O tricolor paulista recebeu o Cruzeiro no Morumbi e, embora tenha sido um jogo bastante movimentado e com 5 gols, não foi bom. Os donos da casa saíram na frente com uma cobrança de falta perfeita de Hernanes no final do primeiro tempo. Bem antes disso, porém, Sassá havia perdido um pênalti para o Cruzeiro que, mesmo jogando com o time reserva, dominava o jogo. No segundo tempo o mesmo Sassá se redimiu e marcou 2 para colocar a Raposa à frente no marcador. Mas Arboleda, aproveitando cobrança de escanteio de Hernanes, empatou o jogo novamente e o “profeta” sãopaulino, cobrando pênalti, deu números finais ao duelo. Mas que isso não sirva de motivo para o torcedor do São Paulo achar que o time “se encontrou”. Longe disso. O talento de Hernanes e a bola parada definiram o duelo. Com a bola rolando, o tricolor foi facilmente dominado pelo Cruzeiro, que saiu de campo reclamando muito da arbitragem – com alguma razão. De todo modo, os 3 pontos tiram o São Paulo – por enquanto – do Z-4 e colocam a Chapecoense (com um jogo a menos) em 17º lugar – o primeiro que dá direito a jogar a Série B. Já o Cruzeiro não esconde que seu foco é o jogo contra o Grêmio, nesta quarta-feira, pela Copa do Brasil.

O Atlético-MG recebeu o Flamengo no Horto e, diferentemente do que havia feito na quarta-feira, pela Libertadores, jogou muito. Com a vitória por 2 a 0 pra cima do estrelado time rubro-negro deu uma resposta imediata após a patética eliminação no torneio continental. É fato que a expulsão do lateral Trauco no começo do segundo tempo facilitou – e muito – o trabalho do Galo, mas o que importa são os 3 pontos na conta e voltar a vencer em casa após 5 jogos sem triunfar em Minas. O Atlético-MG volta a sonhar com o G-6 e o Flamengo, por outro lado, está, neste momento, fora da classificação para a Libertadores 2018.

 

Duros de assistir

Em uma partida que pode figurar fácil entre as piores do Campeonato Brasileiro, Vasco e Palmeiras empataram em 1 a 1 no domingo à tarde. Deste time do Vasco não se pode esperar muita coisa: com todas as limitações que tem, vem fazendo um campeonato bem acima das expectativas. Mas o Palmeiras, por outro lado, não se encontra de jeito nenhum. Depois da eliminação para o Barcelona de Guayaquil na última quarta-feira pela Copa Libertadores, ao Verdão restou apenas se garantir no G-4 para tentar salvar 2017 – um resultado muito abaixo da expectativa se olharmos para o investimento feito pelo clube na temporada. Cheio de jogadores acima da média nacional, o Palmeiras não se encontra – não importa o que Cuca faça para mexer no time – e segue hoje no G-4 mais em função dos erros dos adversários do que pelos seus méritos. Se não melhorar, este G-4 se tornará um G-6 rapidinho.

O empate entre Sport e Ponte Preta (0 a 0) também entra na lista de jogos ruins da rodada – mas nem de longe tão ruim quanto Vasco e Palmeiras. O resultado levou o time comandado pelo “profexô” Luxemburgo para a 5ª posição na tabela e manteve a Macaca em 14º com apenas dois pontos de distância para a Chapecoense – equipe que, no momento, abre o G-4.

 

Duelo de reservas

No “duelo de reservas” no Engenhão, deu Botafogo. Preocupados com as semifinais da Copa do Brasil no meio de semana, Botafogo e Grêmio pouparam seus principais nomes. Melhor para o Fogão, que viu Gatito Fernandez defender um pênalti e faturou os 3 pontos em casa – resultado que permite ao Corinthians abrir 11 pontos de vantagem para o Grêmio, caso vença a Chapecoense no próximo dia 23, quando faz o último jogo da 20ª rodada.

Pela Copa do Brasil, o Grêmio receberá o Cruzeiro e o Botafogo enfrentará o Flamengo (com Rueda no comando) nas partidas de ida das semifinais.

 

Mais alguns bons resultados

A rodada também foi boa para o Atlético-PR que, recebendo o Bahia em casa, quase devolveu os 6 a 2 que levou na abertura do Brasileirão. Depois de sair perdendo, o Furacão virou pra cima do tricolor e fechou o duelo em 4 a 1. E mais: o resultado colocou a equipe paranaense no G-6, mandando o Flamengo para a faixa de classificação da Sul-Americana. Depois de tantos tropeços no primeiro turno, é bom ver o Atlético-PR começando o returno com o pé direito.

Diferente do Coritiba, que parece doido pra voltar para a Série B. A equipe do experiente Marcelo Oliveira conseguiu a façanha de perder para o Atlético-GO por 1 a 0 e, com 25 pontos, está a apenas 3 do Z-4. É mais um caso de um time que no papel parecia promissor – poderia lutar pela Sul-Americana – mas que no mundo real, segue decepcionando.

Já o Avaí interrompeu a série invicta do Vitória – não perdia há 3 rodadas – e faturou mais 3 pontinhos jogando lá no Barradão. Ainda não saiu do Z-4, mas está perto de conseguir a façanha. Com tanto time jogando um futebol pavoroso, fica menos improvável que o Avaí consiga escapar do rebaixamento (ainda acho que cai, mas minha convicção de hoje não é mais a mesma de ontem).

 

Fechando a rodada

O Santos recebe o Fluminense hoje, dia 14, no Pacaembu e o Corinthians encerra a rodada enfrentando a Chapecoense na Arena Condá no próximo dia 23.

 

Classificação provisória do primeiro turno do Campeonato Brasileiro

Faltando ainda os jogos entre Santos e Fluminense e Chapecoense e Corinthians para encerrar a 20ª rodada, a classificação do Brasileirão está assim:

  1. Corinthians – 47 pontos
  2. Grêmio – 39 pontos
  3. Santos – 35 pontos
  4. Palmeiras – 33 pontos
  5. Sport– 29 pontos
  6. Atlético-PR – 29 pontos
  7. Flamengo – 29 pontos
  8. Botafogo – 28 pontos
  9. Cruzeiro – 27 pontos
  10. Atlético-MG – 26 pontos
  11. Fluminense – 26 pontos
  12. Coritiba – 25 pontos
  13. Vasco – 25 pontos
  14. Ponte Preta – 24 pontos
  15. Bahia – 23 pontos
  16. São Paulo – 22 pontos
  17. Chapecoense – 22 pontos
  18. Avaí – 21 pontos
  19. Vitória – 19 pontos
  20. Atlético-GO – 15 pontos

Comentários

2 Comentários

2 Comentários

  1. Pingback: Paixão Nacional: Ganhando sem jogar | Ganhador.com

  2. Pingback: Em busca de uma vaga na grande final da Copa do Brasil, Grêmio e Cruzeiro se enfrentam em Porto Alegre | Ganhador.com

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar