Brasileirão Série A

Desesperado, São Paulo entra em campo tendo que vencer a Ponte Preta para sair do Z-4 do Brasileirão

Foto: Alexandre Schneider/Getty Images

Tricolor aposta no Morumbi lotado para conseguir sair da terrível situação na tabela

O Campeonato Brasileiro chega à sua 23ª rodada neste final de semana e o fantasma da Série B assusta cada vez mais algumas equipes da competição. Uma dessas é o São Paulo, que aparece mergulhada na penúltima posição e entra em campo desesperado por uma vitória. O tricolor receberá a Ponte Preta, no Morumbi, e se vencer, além de fugir do Z-4, leva o clube de Campinas para a briga na parte de baixo.

 

Sem tempo para erros

Todos os pontos que o São Paulo poderia desperdiçar já ficaram pelo caminho. Com apenas 23 somados em 22 rodadas, o tricolor vai ter que conquistar no mínimo 21 nas demais 16 partidas. Seriam sete vitórias em um número total de jogos inferior ao que fez até agora – e nos quais só conseguiu seis triunfos.

Além disso, o técnico Dorival Júnior enfim ganhou duas semanas inteiras para conhecer e preparar bem o seu time. Sendo assim, não é esperado outra coisa que não uma evolução dentro de campo, mesmo que moderada. Em caso de um tropeço no Morumbi, o risco de queda e aumento da pressão é considerável. Sabendo dessa possibilidade, a expectativa é ver um São Paulo ofensivo e que crie mais chances de gol.

 

Tem que encerrar instabilidade

A situação da Ponte Preta no momento não é tão ruim, pois o clube ainda está três posições acima da zona de rebaixamento, mas o que preocupa é a instabilidade dentro de campo. A equipe de Campinas alterna em um curto espaço de tempo boas e péssimas apresentações.

Se for considerar os últimos cinco jogos, foram três empates, uma vitória e uma derrota, o que demonstra claramente que o time não consegue decolar. Isso pode ser extremamente preocupante para a reta final, quando os adversários da parte de baixo da tabela geralmente conseguem uma arrancada, podendo complicar a Macaca.

Diante disso, a tendência é que a Ponte jogue para ao menos segurar um empate, mas com o que está jogando no momento, corre por fora para conseguir este feito.

 

Retrospecto de São Paulo x Ponte Preta

O histórico recente aponta equilíbrio entre as equipes, com o time da casa levando a melhor na maioria delas. Dos dez encontros recentes, oito foram vencidos pelo mandante. Melhor para a Ponte Preta, que no período levou a melhor em cinco oportunidades contra quatro do São Paulo – sendo uma fora de casa – e um empate.

Prováveis escalações

O principal desfalque da partida é do zagueiro Arboleda, do São Paulo, que está suspenso. Já a Ponte não terá Wendel, mas contará com os retornos de Naldo e Lucca.

São Paulo: Sidão; Buffarini, Aderlan Santos, Rodrigo Caio e Edimar; Jucilei, Petros, Hernanes,  Guilherme e Cueva; Lucas Pratto.

Ponte Preta: Aranha; Nino Paraíba, Marllon, Luan Peres e Jéferson; Elton, Naldo  e Jadson; Emerson, Lucca e Léo Gamalho.

 

Palpite

O São Paulo não consegue encontrar um bom futebol, mas achou em Hernanes um importante líder para sair desta situação. Com o profeta em campo e o Morumbi lotado, o resultado deve ser uma vitória, mesmo que apertada.

 

Jogos da 23ª rodada do Campeonato Brasileiro 2017

Sábado, 9 de setembro

  • 16:00 – Atlético-MG x Palmeiras. Palpite: Atlético-MG vence por 2 a 1
  • 18:00 – Vasco x Grêmio. Palpite: Vasco vence por 1 a 0
  • 19:00 – São Paulo x Ponte Preta. Palpite: São Paulo vence por 2 a 1

 

Domingo, 10 de setembro

  • 11:00 – Atlético-PR x Coritiba. Palpite: Atlético-PR vence por 2 a 0
  • 16:00 – Santos x Corinthians. Palpite: Santos vence por 1 a 0
  • 16:00 – Sport Recife x Avaí. Palpite: Sport Recife vence por 3 a 1
  • 16:00 – Vitória x Fluminense. Palpite: Vitória vence por 3 a 2
  • 19:00 – Botafogo x Flamengo. Palpite: Flamengo vence por 2 a 0
  • 19:00 – Chapecoense x Cruzeiro. Palpite: Cruzeiro vence por 1 a 0

Segunda-feira, 11 de setembro

  • 20:00 – Atlético-GO x Bahia. Palpite: 1 a 1

 

 

 

Classificação do Campeonato Brasileiro 2017

  1. Corinthians, 50 – Libertadores
  2. Grêmio, 43 – Libertadores
  3. Santos, 38 – Libertadores
  4. Palmeiras, 36 – Libertadores
  5. Flamengo, 35 – Pré-Libertadores
  6. Cruzeiro, 31 – Pré-Libertadores
  7. Botafogo, 31 – Copa Sul-Americana
  8. Atlético-PR, 30 – Copa Sul-Americana
  9. Fluminense, 30 – Copa Sul-Americana
  10. Atlético-MG, 29 – Copa Sul-Americana
  11. Sport, 29 – Copa Sul-Americana
  12. Vasco, 28 – Copa Sul-Americana
  13. Ponte Preta, 27
  14. Bahia, 26
  15. Coritiba, 26
  16. Vitória, 25
  17. Chapecoense, 25 – Série B
  18. Avaí, 25 – Série B
  19. São Paulo, 23 – Série B
  20. Atlético-GO, 18 – Série B

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.