Ganhador.com

Brasileirão Série A

Coritiba x Vitória: jogo de segunda-feira na 22ª rodada do Brasileirão 2017

EC Vitória
Foto: Maurícia da Matta / EC Vitória

Bola rola a partir de 20h00, no estádio Couto Pereira.

Coritiba e Vitória têm tentado evoluir na liga. No entanto, ainda sofrem com a possibilidade de descenso à segunda divisão de 2018. Melhor para os paranaenses, que recebem um adversário direto na luta pela permanência. Confira abaixo estatísticas, palpite e prognósticos.

 

Histórico

Pelo Campeonato Brasileiro da primeira divisão, já aconteceram 26 confrontos entre Coritiba e Vitória. Os paranaenses ganharam dez, os baianos nove e tivemos sete empates. No turno, o Coxa enjaulou o Leão dentro da Fonte Nova por 1 a 0, gol de Rildo.

 

O Gladiador está de volta ao Coritiba

Kleber pegou um gancho de onze partidas por agredir e cuspir em Edson, do Bahia. Sem jogar há mais de quarenta dias, o atacante está à disposição de Marcelo Oliveira. A princípio, o Gladiador começará jogando mas preocupa a falta de ritmo do artilheiro, que está há muito tempo sem participar de uma peleja profissional. Se o treinador optar por lança-lo somente no segundo tempo, quem começará atuando é Alecsandro. Esperamos que o brigão tenha aprendido a lição.

A parte ofensiva é realmente o maior problema dos paranaenses. Apesar de contar com nomes famosos do futebol nacional, o Coxa tem o terceiro pior ataque da Série A. Durante a semana, muitos exercícios de finalização foram praticados, repetidos e aprimorados.

Para encarar o Vitória, Rafael Longuine, apresentado esta semana como reforço vindo do Santos, deve estrear, pois Matheus Galdezani está suspenso. Quem também vai para o combate é Rildo, que cumpriu a pena pelo terceiro cartão amarelo. Já o zagueiro Werley continua de fora pois ainda se recuperou de sua contusão.

A diretoria também apresentou o zagueiro Cleber, que estava no Santos. Ele deve ficar no banco de reservas, pois já foi regularizado na CBF.

 

Objetivo do Vitória: ficar entre os grandes

O estrategista Vagner Mancini prepara nova tática para continuar somando pontos e galgando posições em busca da permanência na elite nacional. Foi assim que o rubro-negro bateu o Flamengo, no Rio de Janeiro, e o Corinthians, em São Paulo, além de segurar o 0 a 0 com o Cruzeiro. O detalhe é que nestes jogos, o Leão não sofreu um gol sequer.

Os jogadores de Vagner Mancini cumprem à risca seus papéis dentro das quatro linhas. É um quadro que se fecha na defesa, joga em seu campo defensivo, mas que é muito técnico e veloz, capaz de explorar os contragolpes com perfeição.

O Vitória melhorou ao longo do certame. Aconteceram muitas mexidas no plantel. Alguns chegaram, outros partiram. Ao todo, os baianos contrataram 27 atletas este ano. A equipe principal é outra em relação ao começo do Brasileirão. Levou tempo para que as novas peças se ambientassem, se entrosassem, etc. Sete titulares atuais aforam contratados com a competição em andamento. São eles: Wallace, Caíque Sá, Juninho, Ramon, Yago, Neilton e Tréllez.

O atacante colombiano Tréllez, de 27 anos, declarou que quer ficar bastante tempo em Salvador. Em sua carreira, ele já defendeu nove agremiações de cinco países diferentes em pouco mais de nove anos de profissional.

 

As prováveis escalações

Coritiba: Wilson; Léo, Márcio, Walisson Maia e William Matheus; João Paulo, Alan Santos e Rafael Longuine; Carleto; Rildo e Kleber. Técnico: Marcelo Oliveira.

Vitória: Fernando Miguel; Caíque Sá, Kanu, Wallace Reis e Juninho; Ramon, Uillian Correia e Yago; Neilton, Tréllez e David. Técnico: Vagner Mancini.

 

Serviço

Os ingressos para o espetáculo desta noite estão à venda desde semana passada tanto nos pontos de venda físicos, quanto online. Os preços variam entre R$ 25,00 e R$ 100,00.

 

Palpite

Prevejo um empate de poucos gols. Talvez 0 a 0 ou no máximo 1 a 1. Há explicações para tal. O Coritiba não consegue marcar muitos gols. O retorno de Kleber é uma incógnita, pois não se sabe precisamente as condições físicas e técnicas em que se encontram o valente artilheiro. O Vitória por sua vez, melhorou muito sua proteção à sua meta com o trabalho de Vagner Mancini. Em resumo, temos um time que dificilmente faz gols encarando um que dificilmente os concede.

Por outro lado, temos o rubro-negro que já deixou claro que jogará por uma bola. Sua tática será a de se fechar e de explorar os contra-ataques. O Coxa não tem uma das melhores defesas, mas jogando em casa, partindo para cima, contra um oponente que só se defende, a tendência também é que não leve gols.

 

22ª rodada do Brasileirão 2017

Sábado, 26 de agosto:

  • 16h00: Fluminense 0x1 Vasco da Gama
  • 19h00: Corinthians 0x1 Atlético-GO

Domingo, 27 de agosto:

  • 16h00: Bahia 1×2 Botafogo
  • 16h00: Flamengo 2×0 Atlético-PR
  • 16h00: Palmeiras 4×2 São Paulo
  • 16h00: Ponte Preta 1×2 Atlético-MG
  • 19h00: Avaí 1×0 Chapecoense
  • 19h00: Cruzeiro 1×1 Santos

Segunda-feira, 28 de agosto:

  • 20h00: Coritiba x Vitória – palpite: empate.

Sábado, 02 de setembro:

  • 16h00: Grêmio x Sport – palpite: Grêmio.

 

Classificação do Campeonato Brasileiro 2017

  1. Corinthians, 50 – Campeão + Libertadores
  2. Grêmio, 40 – Libertadores
  3. Santos, 38 – Libertadores
  4. Palmeiras, 36 – Libertadores
  5. Flamengo, 35 – Pré-Libertadores
  6. Cruzeiro, 31 – Pré-Libertadores
  7. Botafogo, 31 – Copa Sul-Americana
  8. Atlético-PR, 30 – Copa Sul-Americana
  9. Fluminense, 30 – Copa Sul-Americana
  10. Sport, 29 – Copa Sul-Americana
  11. Atlético-MG, 29 – Copa Sul-Americana.
  12. Vasco da Gama, 28 – Copa Sul-Americana
  13. Ponte Preta, 27
  14. Bahia, 26
  15. Coritiba, 26
  16. Chapecoense, 25
  17. Avaí, 25 – Série B
  18. São Paulo, 23, Série B
  19. Vitória, 22 – Série B
  20. Atlético-GO, 18 – Série B

 

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar