Ganhador.com

Copa Sul-Americana

Corinthians joga hoje, já de olho na próxima fase da Copa Sul-Americana

O Timão vai ao Chile com uma confortável vantagem de 2 a 0 para seguir adiante na Copa Sul-Americana.

Foto: Agência Corinthians

O início de semana foi muito corrido para a equipe do Corinthians. Depois de se tornar campeão paulista pela 28ª vez no último domingo, comemorar o título, ter cinco de seus jogadores – além do técnico Fábio Carille – na seleção dos melhores do campeonato e participar da festa de premiação da Federação Paulista de Futebol (FPF) na noite de segunda-feira, o Timão viajou na tarde de ontem para a cidade de Santiago, onde enfrentará a Universidad de Chile no jogo de volta da primeira fase da Copa Sul-Americana, a partir das 21h40. Na Arena Itaquera, o alvinegro da capital paulista conquistou uma importante vitória por 2 a 0, e hoje chega ao estádio Julio Martínez podendo perder por até um gol, e ainda assim seguir na competição.

O zagueiro Pablo, presente na seleção do Paulistão 2017, não viajou com a delegação e ficou em São Paulo tratando de uma gripe. Desta forma, os pratas da casa Pedro Henrique e Léo Santos disputam para ver quem assumirá o miolo de zaga corintiano ao lado do paraguaio Balbuena. O lateral Fagner, suspenso, também não joga e será substituído por Léo Príncipe.

Mesmo com pouco tempo para descanso entre a final de domingo e a partida de hoje, Carille comandou um treino leve – de reconhecimento do gramado – na noite de ontem, logo após o grupo desembarcar em Santiago. Apesar da vantagem de dois gols no placar, o técnico que guiou o Timão ao título paulista exige concentração máxima de seus comandados na noite de hoje.

O Corinthians deverá começar o jogo com: Cássio; Léo Príncipe, Balbuena, Pedro Henrique (Léo Santos), Guilherme Arana; Gabriel, Maycon; Jádson, Rodriguinho, Romero; Jô.

 

Do outro lado

O técnico da Universidad de Chile, Guillermo Hoyos, declarou que seus comandados enfrentarão uma grande equipe e que ele conta com o apoio da torcida para reverter o placar e avançar na competição. Para ele, não se trata de uma partida de primeira fase. “É uma partida de semi-final, uma partida de final, pela envergadura das duas equipes”, declarou no site oficial do clube. O ex-técnico da seleção boliviana também disse que vê a solidez defensiva como a maior virtude da equipe paulista. “Cometem poucos erros”, afirmou.

E para furar o poderio defensivo corintiano, Hoyos deverá escalar a Universidad de Chile com: Johnny Herrera, Matías Rodríguez, Vilches, Jara, Beausejour; Reyes, Espinoza, Leiva, Lorenzetti; Felipe Mora, Leandro Benegas.

 

Prognóstico

O Corinthians joga com dois gols de vantagem, tem um esquema de jogo definido, uma obediência tática que chega a ser irritante e uma defesa sólida. Mesmo com o fator casa e a torcida a favor, não acho que a Universidad de Chile vá conseguir reverter a derrota em São Paulo. Meu palpite: empate em 0 a 0, e o Coringão avançando para a segunda fase.

 

Punição

De acordo com reportagem do jornal chileno La Tercera, a Conmebol definiu uma punição de três partidas como visitante sem torcedores e mais uma multa de US$ 80 mil para a Universidad de Chile por conta da confusão – e destruição – ocorrida na Arena Itaquera na partida do dia 5 de abril. A direção do clube chileno já havia se comprometido, antes da punição divulgada ontem, a ressarcir o Corinthians em R$ 70 mil pelos danos causados nas arquibancadas da Arena Corinthians. (fonte: UOL)

 

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar