Ganhador.com

Brasileirão Série A

Corinthians chega como favorito e defende a liderança contra o São Paulo pela 6ª rodada do Brasileirão

Pela primeira vez no ano, o Corinthians vem para um clássico regional como grande favorito. O São Paulo, que nunca venceu na Arena Itaquera, fará de tudo para derrubar o líder do Campeonato Brasileiro. E conta com o bom momento de Lucas Pratto para isso.

Foto: Rubens Chiri / saopaulofc.net

A equipe que começou a temporada como a “quarta força” do futebol paulista carrega consigo, hoje, o título de campeão estadual e a liderança isolada do Campeonato Brasileiro. Não é pouco. O Corinthians de Fábio Carille precisou de apenas seis rodadas para ir de “time esforçado e aplicado taticamente” a “candidato ao título nacional”, sem investimentos de grande porte e sem ter em seu plantel astros absolutos ou craques incontestáveis. Pelo contrário: aos poucos o Timão vem recuperando o bom futebol de Jô, pavimentou o caminho de Rodriguinho até a Seleção Brasileira e fez do limitado Romero um elemento fundamental no bom desempenho da equipe.

E é este “bom momento” que o clube do Parque São Jorge colocará à prova neste domingo, à partir das 16 horas, contra o instável São Paulo do técnico Rogério Ceni, que depois de uma derrota para a Ponte Preta pela quarta rodada, recuperou-se na última quinta-feira vencendo o Vitória por 2 a 0 e busca uma sequência de bons resultados no estádio onde, históricamente, não vai bem.

O Majestoso de torcida única – como se isso fosse solucão para o problema da violência entre as organizadas –, promete fortes emoções neste domingo. E nós estaremos juntos, no Twitter do Ganhador, comentando ao vivo o clássico paulista pelo Campeonato Brasileiro.

 

Corinthians

Sem poder contar com Fágner e Rodriguinho (Seleção Brasileira), Romero (Seleção Paraguaia), Léo Príncipe, Balbuena, Vilson e Danilo (todos no departamento médico), o técnico Fábio Carille deverá levar para o clássico a mesma equipe que goleou o Vasco em São Januário na última quarta-feira.O que significa que o inseguro (na posição) Paulo Roberto segue improvisado na lateral-direita alvinegra. No mais, esta pode ser outra ótima oportunidade para Marquinhos Gabriel, Clayson e Clayton – que fizeram grande partida no meio de semana –, “pedirem passagem” no time titular e dar ao comandante Carille aquilo que todos acreditavam que o Corinthians não tinha: opções no banco de reservas. Mais um ítem para a lista de “crescimento” do time na competição e que, pouco a pouco, faz com que o título deixe de ser um “sonho” para ser tornar uma “possibilidade”.

 

São Paulo

Também sofrendo com os desfalques de Rodrigo Caio (Seleção Brasileira) e Cueva (Seleção Peruana), o São Paulo conseguiu – sem nenhum brilho –, vencer o Vitória no Morumbi na última quinta-feira e agora soma 9 pontos no Brasileirão (três vitórias e duas derrotas). Ainda sem engrenar, e sem um time titular claramente definido, o tricolor substituiu a “Cuevadependência” (que sofria com o péssimo momento do meia peruano) pela “Prattodependência” e tem no atacante argentino Lucas Pratto suas melhores jogadas. De olho numa vaga na seleção da Argentina para a próxima Copa do Mundo, Pratto vem sendo o “motor” da equipe sãopaulina e de seus pés tem saído o pouco brilho ofensivo do time.

Enquanto que na defesa o time deve seguir com Militão, Lucão e Maicon (mantendo o esquema com três zagueiros, que tanto agradava ao goleiro Rogério Ceni), o substituto de Cueva, no meio, ainda segue indefinido. Marcinho começou como titular, mas não agradou e foi substituído por Wellingon Nem – que volta de lesão – e pode ser mantido como titular. Já Maicossuel, recém-contratado junto ao Atlético-MG e que mal teve tempo de treinar com o grupo, deverá ser mantido no 11 inicial – mais uma mostra da grande insatisfação de Ceni com o desempenho do setor ofensivo, que conta apenas com a titularidade de Lucas Pratto.

 

Retrospecto

Definitivamente, a Arena Itaquera não gosta do São Paulo. Dos grandes clubes paulistas, é o único que ainda não venceu o Corinthians em seus domínios: foram 6 jogos até agora, com 4 vitórias corintianas, 2 empates, 15 gols alvinegros e apenas 5 tricolores. Um desempenho pra lá de ruim do tricolor.

 

Prognóstico

Mesmo com o fraco desempenho na “casa” corintiana, o São Paulo terá um “reforço” inseperado para o clássico: Paulo Roberto. O volante alvinegro, que está jogando improvisado como lateral-direito, se mostrou inseguro durante o jogo contra o Vasco e deverá repetir contra o tricolor os mesmos erros que cometeu na quarta-feira em São Januário. Bom para os visitantes, que podem tentar explorar o lado direito da defesa corintiana e encontrar ali o caminho para o gol de Cássio.

Mas nem tudo serão facilidades para o tricolor: o Corinthians terá Jô – o “senhor clássicos” – em boa fase e no comando de ataque. E contará ainda com o motivado Marquinhos Gabriel (que busca uma boa apresentação diante da Fiel) e o jovem Clayson que, com mais qualidade técnica, tenta ser uma “ameaça” à titularidade de Romero.

Na nossa opinião, o clássico promete. Promete um belo empate em 1 a 1, bem ao gosto do Itaquerão.

 

Prováveis escalações

Corinthians: Cássio; Paulo Roberto, Pedro Henrique, Pablo e Guilherme Arana; Gabriel e Maycon; Marquinhos Gabriel, Jadson e Clayson; Jô. Técnico: Fábio Carille.

São Paulo: Renan Ribeiro; Militão, Maicon e Lucão; Bruno, Cícero, Jucilei e Júnior Tavares; Marcinho (Wellington Nem), Pratto e Maicosuel. Técnico: Rogério Ceni.

FICHA TÉCNICA

Corinthians x São Paulo

11/06 – Domingo – 16 horas – Arena Itaquera

Comentários

1 Comentário

1 Comentário

  1. Pingback: Bad Joke Day: São Paulo segue sem vencer em Itaquera e o Flamengo segue sem vencer – não importa o lugar | Ganhador.com

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar