Brasileirão Série A

Atlético-PR e Coritiba estão prontos para novo atletiba no Brasileirão

Foto: AP Photo/Luis Hidalgo

Apesar dos tropeços, Furacão mira vaga no G-6, enquanto Coxa vem ameaçado pelo Z-4

A volta da pausa das eliminatórias trouxe logo um final de semana de clássicos no Campeonato Brasileiro. No Paraná, Atlético-PR e Coritiba se enfrentam em um jogo que não deve ser nada equilibrado se considerarmos os rendimentos dos dois times.

 

Atlético-PR faz um bom trabalho

Apesar do empate com o Grêmio e a derrota para o Flamengo por 2 a 0, o Atlético-PR não tem o que lamentar, principalmente porque esses resultados ocorreram fora de casa. A única preocupação é com o fato de o clube não ter marcado gols nestas duas partidas, porém, como havia aplicado 4 a 1 no Bahia no compromisso anterior, é algo que pode ser perfeitamente corrigido.

Esse triunfo sobre os baianos foi inclusive o último de uma série de quatro vitórias que resultou na entrada do Furacão no G-6. Os tropeços seguintes acabaram fazendo com que caísse para o oitavo lugar, mas ainda assim, é um bom trabalho para o clube que teve que se reconstruir no meio da temporada após saída de técnico e jogadores.

Para esta partida, o técnico Fabiano Soares terá a base que conquistou esses resultados positivos e com isso deve voltar a conquistar três pontos. O fato de jogar na Arena da Baixada é outo motivo para confiar na vitória do rubro-negro. Afinal, foram 11 gols marcados nos últimos três jogos no local. Além desse retrospecto recente, tem pela frente um rival em baixa, que não traz muita ameaça.

 

Pausa em boa hora

As duas semanas de folga por causa das eliminatórias foram ótimas para o Coritiba. A equipe vinha de três péssimos resultados: havia ficado no empate com o Santos em casa e perdido para Atlético-GO e Vitória – concorrentes diretos na fuga da zona de rebaixamento. Talvez se tivesse feito mais uma rodada antes da pausa teria certamente entrado no Z-4 e passado esses 14 dias com um ambiente bem mais turbulento.

O período serviu também para Marcelo Oliveira arrumar a casa e ensaiar algo diferente. É possível que o clube até consiga uma atuação melhor e também volte a marcar, encerrando uma sequência de três jogos sem fazer gol. No entanto, a equipe é bem inferior ao seu rival e dificilmente arrancará sequer um empate na Arena da Baixada.

 

Retrospecto de Atlético-PR x Coritiba

O histórico recente aponta equilíbrio, com cinco vitórias do Coritiba contra quatro do Atlético-PR e um empate. No primeiro turno do Brasileirão, o Coxa levou a melhor por 1 a 0, com gol de Márcio.

Prováveis escalações

As duas equipes chegam com um problema para a partida. O Coritiba não deve contar com Henrique Almeida, enquanto o Atlético-PR não terá Lucho González mais uma vez.

Atlético-PR: Weverton; Ivaldo, Wanderson, Paulo André e Fabrício; Pavez, Eduardo Henrique, Guilherme, Sidcley e Nikão; Ederson

Coritiba: Wilson; Léo, Walisson, Márcio e William Matheus; Paulo, Alan Santos, Iago e Rafael Longuine; Rildo e Alecsandro.

 

 

Palpite

Em uma fase bem melhor, o Atlético-PR é grande favorito para a partida. Jogando em casa, a tendência é que o triunfo seja conquistado com certa facilidade.

 

Jogos da 23ª rodada do Campeonato Brasileiro 2017

Sábado, 9 de setembro

  • 16:00 – Atlético-MG x Palmeiras. Palpite: Atlético-MG vence por 2 a 1
  • 18:00 – Vasco x Grêmio. Palpite: Vasco vence por 1 a 0
  • 19:00 – São Paulo x Ponte Preta. Palpite: São Paulo vence por 2 a 1

 

Domingo, 10 de setembro

  • 11:00 – Atlético-PR x Coritiba. Palpite: Atlético-PR vence por 2 a 0
  • 16:00 – Santos x Corinthians. Palpite: Santos vence por 1 a 0
  • 16:00 – Sport Recife x Avaí. Palpite: Sport Recife vence por 3 a 1
  • 16:00 – Vitória x Fluminense. Palpite: Vitória vence por 3 a 2
  • 19:00 – Botafogo x Flamengo. Palpite: Flamengo vence por 2 a 0
  • 19:00 – Chapecoense x Cruzeiro. Palpite: Cruzeiro vence por 1 a 0

Segunda-feira, 11 de setembro

  • 20:00 – Atlético-GO x Bahia. Palpite: 1 a 1

 

 

 

Classificação do Campeonato Brasileiro 2017

  1. Corinthians, 50 – Libertadores
  2. Grêmio, 43 – Libertadores
  3. Santos, 38 – Libertadores
  4. Palmeiras, 36 – Libertadores
  5. Flamengo, 35 – Pré-Libertadores
  6. Cruzeiro, 31 – Pré-Libertadores
  7. Botafogo, 31 – Copa Sul-Americana
  8. Atlético-PR, 30 – Copa Sul-Americana
  9. Fluminense, 30 – Copa Sul-Americana
  10. Atlético-MG, 29 – Copa Sul-Americana
  11. Sport, 29 – Copa Sul-Americana
  12. Vasco, 28 – Copa Sul-Americana
  13. Ponte Preta, 27
  14. Bahia, 26
  15. Coritiba, 26
  16. Vitória, 25
  17. Chapecoense, 25 – Série B
  18. Avaí, 25 – Série B
  19. São Paulo, 23 – Série B
  20. Atlético-GO, 18 – Série B

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.