Ganhador.com

Gaúcho

Às vésperas da grande final do Campeonato Gaúcho, a torcida do Inter pergunta: “Com que goleiro eu vou?”

Com os três goleiros entregues ao departamento médico, clube luta contra o tempo para que Danilo Fernandes possa reassumir a meta colorada.

Foto: Ricardo Duarte

O Internacional vem treinando forte em sua concentração no hotel Vila Ventura, em Viamão, para a grande decisão do Campenato Gaúcho que acontece no próximo domingo, dia 7, à partir das 16 horas, no estádio Centenário, em Caxias do Sul.

Com o retorno garantido do atacante Brenner, que cumpriu suspensão na partida de ida no estádio do Beira Rio, a grande dor de cabeça para o treinador Antonio Carlos Zago e sua comissão técnica fica por conta da dúvida sobre quem terá condições de atuar no gol Colorado. Os três goleiros inscritos para a competição estão no departamento médico e o regulamento não permite a inscrição de um novo jogador para a posição. Até o momento, a Federação Gaúcha de Futebol segue indicando que não abrirá nenhuma excessão neste caso, apesar dos apelos da diretoria Colorada.

O departamento médico do clube trabalha para que o técnico possa contar com os goleiros Danilo Fernandes e Marcelo Lomba. Dos dois, Fernandes é quem tem mais chances de assumir a posição, apesar de estar clinicamente sem condições.

Embora ainda seja possível que a Federação permita a inscrição do quarto goleiro do clube, a comissão técnica não considera mais essa possibilidade e confirma que Fernandes e Lomba vão pro jogo.

 

Novo Hamburgo x Internacional

Depois do empate por 2 a 2 em Porto Alegre, o Internacional vai a Caxias do Sul precisando de uma vitória simples para levar pra casa a taça de Campeão Gaúcho. Mas a tarefa não será fácil: o Colorado, com sérios problemas no gol, terá que encarar o Novo Hamburgo – equipe surpresa do campeonato, dona da melhor campanha e que na semifinal eliminou, nos pênaltis, o poderoso Grêmio, que havia ido a campo com força máxima.

Resta agora ao tricolor gaúcho ficar na torcida pelo Novo Hamburgo no domingo – ou gritar “série B” em resposta ao grito de “é campeão!” que pode vir dos arredores do Beira Rio.

 

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar