Ganhador.com

Futebol Europeu

Alguém acredita que o Motherwell possa surpreender o Celtic na final da Copa da Liga Escocesa?

Foto: David Young/Action Plus via Getty Images

Decisão será domingo, às 13h00 (de Brasília)

O pequenino Motherwell tenta um feito raro em sua história: ser campeão! Já o Celtic precisa ampliar sua sala de troféus, pois não há espaço para tantas taças! Ainda bem que os alviverdes não competem em outras modalidades esportivas… confira abaixo os prognósticos da primeira final dos campeonatos das principais nações europeias.

 

Campanhas até a final

A Copa da Liga Escocesa começou no verão europeu, quando muitos clubes aprimoram a forma física de seus atletas na pré-temporada, fazendo amistosos ou participando das fases preliminares das competições da UEFA. Justamente por isso, Aberdeen, Celtic, Rangers e St. Johnstone foram isentados da fase de grupos, que contou com 38 equipes das quatro divisões profissionais além dos campeões amadores das Lowlands e das Highlands.

Após turno único dentro das oito chaves, apenas os primeiros colocados de cada e os quatro melhores segundos avançaram ao mata-mata.

O Celtic goleou três vezes para chegar à decisão: 5 a 0 sobre o Kilmarnock, 4 a 0 sobre o Dundee FC e 4 a 2 sobre o Hibernian.

Já o Motherwell conseguiu todos os 12 pontos disponíveis no grupo F contra Berwick Rangers, Edinburgh City, Greenock Morton e Queen’s Park e eliminou nos playoffs Ross County, Aberdeen e o poderoso Rangers.

 

Quem são Celtic e Motherwell?

Campeão da Champions League de 1966/67, o Celtic é um dos gigantes da Escócia, ao lado do Rangers, que ainda não se recuperou totalmente do baque financeiro da última década. Além da conquista internacional, os alviverdes têm um currículo invejável: 48 ligas, 37 FA Cups e 16 Copas da Liga.

Muito mais endinheirado, os católicos mantêm craques em seu elenco, como o sueco Mikael Lustig, os escoceses Scott Brown e Leigh Griffiths, o inglês Scott Sinclair, o irlandês Jonny Hayes e o francês Moussa Dembelé.

Não é à toa que os apoiadores da monarquia britânica lideram a SPFL em busca do heptacampeonato consecutivo. Até o momento, são 33 pontos em 13 compromissos, além de terem o ataque mais positivo (30 gols) e a defesa menos vazada (seis tentos). Estão invictos.

O Motherwell FC foi fundado na pequena cidade homônima, localizada em Lanarkshire do Norte. Os amarelos e grenás já deram a volta olímpica em oito oportunidades: campeão escocês de 1931/32, quatro séries B, duas Copas da Escócia e uma Copa da Liga. Com 22 pontos, aparecem em quinto lugar do certame por pontos corridos e sonham em entrar para a Liga Europa de 2018/19.

Celtic e Motherwell já se encararam uma vez na temporada e os de Glasgow prevaleceram: 2 a 0.

 

Possíveis escalações

Motherwell: Craig Samson; Ben Heneghan, Zak Jules, Joe Chalmers e Jack McMilan; Chris Cadden, Keith Lasley, Craig Clay e Stephen Pearson; Louis Moult; Scott McDonald. Técnico: Steve Robinson.

Celtic: Craig Gordon; Jozo Simunovic, Dedryck Boyata, Carl Mikael Lustig e Kieran Tierney; Nir Bitton e Scott Brown; Scott Sinclair, James Forrest e Liam Henderson; Moussa Dembele. Técnico: Brendan Rodgers.

 

Palpite

Não dá para comparar! As lógicas matemática, desportiva e estrutural dizem que o Celtic vence com facilidade, tamanha as diferenças nas contas bancárias dos rivais, na estrutura extracampo, no peso da camisa e também no quadro dentro de campo.

É bom lembrar que o futebol frequentemente apronta zebras. Há inúmeros casos, como o Santo André que derrotou o Flamengo na final da Copa do Brasil, Camarões que ganhou da então atual campeã Argentina na abertura da Copa do Mundo de 1990, e por aí vai.

Mesmo assim, estou confiante no Celtic: 2 a 0.

 

Final

Domingo, 26 de novembro, 13h00: Motherwell x Celtic – palpite: Celtic.

 

Comentários

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar